Archive for outubro \31\UTC 2013

Convocação de Felipão desfaz injustiça de Mano Menezes

outubro 31, 2013

Quase todos os nomes da lista divulgada, agora há pouco, pelo treinador da Seleção Brasileira, Luis Felipe Scolari poderiam ser tratados como “pule de 10”, em linguagem conhecida pelo “ex-bicheiro”e conselheiro do Corinthians, André Negão.

Ou seja, não surpreenderam.

Nem mesmo o nome de Robinho, adiantado ontem pelo PVC, e que terá sua derradeira chance nos dois amistosos que estão por vir.

A única surpresa, de fato, foi a convocação do ex-corinthiano Willian, hoje no Chelsea.

Além de justa, desfez uma “sacanagem” tremenda cometida pelo treinador anterior, Mano Menezes, que, obedecendo a um acordo – segundo dizem, com valor de USS$ 3 milhões – firmado com o empresário Franck Henouda, convocou meio time do Shahktar Donetsk, mas não se “lembrava” nunca, justamente, do melhor jogador da equipe.

Mistério esse fácil de explicar.

Willian foi negociado para o exterior com a interferência de Henouda, Carlos Leite e do pai do atleta, Severino, também agenciador de jogadores.

Leite e Severino entraram em conflito, e, com a chegada de Mano Menezes à Seleção, agenciado pelo primeiro, quem pagou o pato foi Willian.

Com Lucas perdendo prestígio com Felipão a cada convocação, não seria de se estranhar que, em caso de boas atuações nos próximos jogos, a surpresa se torne realidade na lista final para Copa do Mundo de 2014.

Procuradoria Geral do Estado pede revogação de CND do São Paulo por suposto atraso em pagamento de acordo com a Fazenda

outubro 31, 2013

Morador do Morumbi entra com recurso para não pagar dívida com São Paulo, mas Justiça manda execução prosseguir

Recentemente, o São Paulo recebeu a CND (Certidão Negativa de Débitos), necessária para que pudesse se beneficiar de algumas Leis que favorecem clubes e associações.

Para tal, assumiu dívida tributária com a Fazenda, assinando acordo de parcelamento.

Em agosto, porém, a Procuradoria Geral do Estado pediu a revogação da CND do Tricolor alegando inadimplência numa das parcelas acertadas.

O Tricolor recorreu à Justiça, no dia 15 de agosto, e conseguiu decisão liminar que manteve o benefíco ao clube.

A PGE alega que uma das parcelas do clube venceu no dia 1º de março, porém só foi quitada pelo Tricolor no dia 06, cinco dias após, razão considerada suficiente pelo órgão para romper o compromisso entre o clube e a Secretaria da Fazenda.

O São Paulo diz que não, e que o erro é de processamento do referido órgão, que, além de tudo, teria enviado cobrança datada com o ano de 2012.

A decisão, com julgamento do mérito, deve ser tomada nos próximos dias.

Delegada que não investigou Andres Sanches perde para o Blog do Paulinho, na Justiça

outubro 31, 2013

torcida policia

Em 2008, o Blog do Paulinho foi chamado, de maneira estranha, à Delegacia de Crimes Eletrônicos, sob suspeita de praticar crime cibernético.

Puro pretexto.

Chegando lá, nada disso se confirmou.

Na verdade, tratava-se de um ardil, formado por investigadores ligados a dirigentes do Corinthians, no intuito de intimidar nosso trabalho.

Permanecemos horas no local, escutando bobagens, algumas ofensas, sem que nada concreto acontecesse.

Assim que saí da “salinha”, dirigi-me ao escritório da Delegada responsável pelo local, e deparei-me, para a minha surpresa, com a Dra. Inês Cunha, justamente a profissional para quem tinha denunciado o ex-presidente do Corinthians, Andres Sanches, e alguns de seus “companheiros”.

Passei a entender melhor o que acontecia, com reforço, posterior, de uma descoberta de encontro entre a referida delegada e Andres Sanches, no Parque São Jorge, dias após o início das investigações, quando a delegacia possuía diversos documentos que poderiam, talvez, incriminar o corinthiano.

Certo é que nada aconteceu, e a amizade entre Sanches e a “doutora”, digamos, prosperou.

Horas depois de sairmos do “encontro” com os investigadores, tivemos, por intermédio de um, à época, vendedor de “serviços” políticos na internet, que depois tornou-se conselheiro de Andres Sanches, de vulgo “Caco”, a confirmação da ligação dos dirigentes do clube com o episódio.

Na sequencia, publicamos a história, e também nossas desconfianças, sobre a atuação de todos os envolvidos na “trama”, matéria esta que, por razões óbvias, gerou a ira da Dra. Inês Cunha, que nos processou.

Recentemente, depois de cinco anos entre idas e vindas do processo para delegacias de polícia, – em que, certamente, devassaram nossa vida – e o Fórum, finalmente a Ação parou nas mãos da 30ª Vara Criminal, que decidiu pelo não acolhimento da denúncia.

CONFIRA ABAIXO, TRECHOS DA BRILHANTE SENTENÇA DO JUIZ Dr. ANDRÈ CARVALHO E SILVA DE ALMEIDA

“Paulo Cezar de Andrade Prado, qualificado nos autos, foi denunciado como incurso no artigo 138, “caput”, combinado com o artigo 141, inciso II ambos do Código Penal, porquanto em 23 de julho de 2008, por volta de 2h57, na Avenida Celso Garcia, nº 528, apartamento 208, nesta Capital, teria injuriado a Delegada de Polícia Inês da Silva Cunha, funcionária pública, imputando-lhe falsamente fato definido como crime, isso em razão de suas funções.

Diz a inicial que o réu, em seu “blog”, publicou matéria de sua autoria intitulada “o computador quebrado”, no bojo da qual, segundo o Ministério Público, “imputou a prática de corrupção passiva à Delegada de Polícia, insinuando que ela teria recebido vantagem pessoal para deixar de investigar fatos que constituiriam crime, supostamente cometidos por Andres Sanchez, então presidente do Corinthians Futebol Clube”.

Decido.

(…) Diz o artigo 138, “caput”, do Código Penal, que ocorre o crime de calúnia quando se imputa a outrem fato definido como crime, e isso, no caso presente, não se percebe, à primeira vista, na matéria veiculada pelo réu.

Segundo consta o réu, inconformado com o fato da vítima, Delegada de Polícia, não ter tomado providências de modo a investigar Andres Sanchez, publicou artigo onde fazia considerações sobre ocorrido, salientando, também, que a ofendida teria mantido encontro com Andres para, ao final, concluir que “dei-me por satisfeito. Foi o que precisava ouvir para entender o que estava se passando. Tenho certeza que o leitor inteligente não precisa de tradução. Tudo ficou muito claro” (fls. 2-D).

No entanto, não se depreende daquela afirmação possível imputação de algum crime específico à vítima, pelo que, então, mostra-se prematura a denúncia oferecida.

Na verdade, é bom frisar, seria de todo conveniente que a vítima tivesse, antes mesmo de representar pela instauração de inquérito policial, ajuizado pedido de explicações para que o réu, então, esclarecesse sua afirmação para, a partir de então, se concluir pelo cometimento desse ou daquele crime contra a honra. Porém, como tal providência não foi adotada pela vítima, restou prejudicada a própria ação penal, já que, repita-se, não se pode concluir pelo teor do artigo dito ofensivo, qual seria a real intenção do réu, imputar à Delegada de Polícia fato definido como crime; fato ofensivo à reputação dela, ou ofensivo a sua dignidade ou decoro.

Fica ainda mais evidente a necessidade, no caso sub judice, no pedido de explicações quando se constata que somente foi possível se concluir pela suposta imputação de crime a partir dos comentários feitos pelos leitores do “blog”, o que, evidentemente, é muito pouco.

Portanto, insista-se, não se podendo concluir por qual possível crime contra a honra teria cometido o réu, apresenta-se prematura, data venia, a denúncia oferecida, já que tal omissão prejudica, com certeza, o próprio direito de defesa.

Nem mesmo os posteriores comentários feitos pelos leitores do “blog” do réu permitem concluir que Paulo Cezar estaria, na realidade, imputando à vítima o cometimento do crime de corrupção passiva, já que, na verdade, tais comentários que foram claramente ofensivos à honra e não podem ser creditados ao denunciado.

Ausente, pois, a justa causa para a ação penal, impõe-se, por aqui, a rejeição da denúncia.

Ante o exposto, com fundamento no disposto no artigo 395, inciso III, do Código de Processo Penal, rejeito a denúncia oferecida contra Paulo Cesar de Andrade Prado por falta de justa causa.

P.R.I.C.

São Paulo, 17 de outubro de 2013.

Juiz de Direito: Dr. André Carvalho e Silva de Almeida

Incompetência gera mais prejuízo na base do Corinthians

outubro 31, 2013

alba

O MP-SP, segundo informações do Blog do Perrone, acabou com a tortura a que jogadores das categorias de base do Corinthians eram submetidos, nas dependências do Flamenguinho de Guarulhos, local em que eram obrigados a treinar, em parceria fechada pelo clube.

Trata-se das condições sub-humanas, amplamente noticiadas em nossos espaço, que incluía dormitórios de lata, chuveiros coletivos, e quase nenhuma higiene.

Muitos foram os casos de garotos com sarnas, micoses, piolhos e outras pragas, que  os levaram a ser apelidados de “dálmatas” pelos adversários, tamanha era a incidência de manchas no corpo.

Agora, o Corinthians, com departamento nas mãos do dono de estacionamento, Fernando Alba, terá que desfazer toda a “reforma” que diz ter feito – que não foi barata – e reconstruir totalmente o local.

Ou seja, gastar dinheiro – duas vezes – com patrimônio que não lhe pertence, para evitar que seu garotos possam, novamente, ser tratados como se num campo de concentração estivessem.

Saldo bancário do Santos era de R$ 2,46, semana passada

outubro 31, 2013

esmola

Em processo movido pelo “enroladíssimo” ex-parceiro de LAOR, Orlando Rollo, contra o Santos Futebol Clube, foi solicitado o bloqueio judicial das contas do clube, através do BACEN.

A dívida ?

R$ 125,8 mil.

Para surpresa geral, o saldo encontrado em todas as contas da qual o Peixe é correntista, é absolutamente irrisório.

R$ 2,46.

Como explicar ?

Certo é que o clube, por ordem judicial, terá 15 dias para se virar e encontrar meios de quitar a pendência com o amigo do ex-presidente.

Espírito vascaíno – Roberto Dinamite deveria assistir…

outubro 31, 2013

Sobre a tragédia no Vasco da Gama

O vídeo abaixo, nem é muito novo, mas absolutamente interessante para ser conhecido.

Mostra uma garotinha, vascaína, que resiste ao pai flamenguista, insistente para que ela grite o nome de seu clube de coração.

“Vascoooooo!”, responde a menina, a cada pedido para que grite “mengo !”.

Roberto Dinamite, a quem clube cruzmaltino deu de comer, deveria assistir.

Até para que possa entender o sentimento de muitos torcedores que lesou em sua nada transparente gestão à frente do Vasco da Gama.

Os “asnos” da Federação Paulista de Futebol

outubro 31, 2013

asno

Por razões óbvias, os “asnos” da Federação Paulista de Futebol, com anuência dos incompetentes, foram as “estrelas” do sorteio do novo paulistinha.

Torneio, por sinal, de regulamento tão indecente quanto muitos que trabalham no prédio da entidade.

Mas, pior do que isso, foi a inacreditável exposição de burrice que assistimos durante o evento, público, em que “associação” virou “assossiação”, e os nomes de diversos clubes – inclusive os grandes – foram grafados de maneira equivocada.

Das duas, uma.

A burrice é generalizada no local, com as pessoas que escreveram os textos, os revisores, e até os responsáveis pela impressão incapazes de perceberem o erro abismal, ou um deles, talvez vários, percebeu, mas preferiu se divertir, vendo o circo pegar fogo.

asnos fpf

RIP Eike Batista – a maior mentira da história da bolsa de valores do Brasil

outubro 30, 2013

Eike Batista ergueu um Império que, pela especulação das bolsas de valores, além de promessas vazias e absoluta incompetência administrativa, era erroneamente avaliado em mais de R$ 30 bilhões.

Sem alicerce, com base apenas na ficção, o “negócio” ruiu.

Em menos de um ano, suas ações, que já atingiram valores próximos dos R$ 30, lutam hoje para ultrapassar os R$ 0,15.

Dez por cento do que é cobrado por um cafezinho, nos botecos de São Paulo.

Mesmo tendo sido diversas vezes ajudado e, por vezes socorrido, pelo Governo do PT.

Resta saber agora quais desculpas serão inventadas pelos economistas, jornalistas, corretores de ações e banqueiros para justificar a indicação de um negócio, claramente fadado ao fracasso, a seus clientes e seguidores,

O leitor deste blog, sempre bem informado, escapou dessa roubada.

Tudo indica, após Eike Batista ter ingressado, ontem, com pedido de recuperação judicial, que seus credores – se tiverem juízo – não aceitarão novas promessas de quem mentiu tanto nos últimos anos, situação que, em menos de seis meses, ocasionará a falência da principal empresa do Midas que nunca pagou dividendos.

Agora, a grande pergunta, que ninguém pretende responder, é: quem pagará ao BNDES os bilionários empréstimos, tomados sem garantias adequadas, com ajuda do Governo Lula, pelo falido mais famoso do Brasil ?

Na raça, São Paulo supera defeitos e abre vantagem na Copa Sul-Americana

outubro 30, 2013

O São Paulo não jogou bem, mas, com muita raça, passou por cima das falhas de sua defesa, e venceu a boa equipe do Nacional, da Colômbia, por três a dois, no Morumbi.

Herói – e quase vilão – Antonio Carlos foi o destaque da partida.

A primeira etapa foi dominada pelo São Paulo, que tocava a bola com tranquilidade, embora, bem marcado, tenha criado poucas oportunidades.

Logo aos 13 minutos, abriu o marcador, quando Jadson fez um gol espetacular, dominando a bola com um pé, e, antes dela tocar o solo emendando um grande chute no ângulo direito do goleiro adversário.

Outra oportunidade, porém, somente aos 35 minutos, quando Maicon arrancou desde o meio-campo e deixou Aloísio na cara do gol, com o avante chutando fraco na hora de concluir, facilitando a ação defensiva dos colombianos.

Quando tudo indicava que o Tricolor iria para o intervalo com a vantagem, Rodrigo Caio bobeou, dentro da área, e a bola parou nos pés de Uribe, que empatou, aos 39 minutos.

O São Paulo, como era de se esperar, começou o segundo tempo tentando atacar, mas sofria com os colombianos, que, perigosos, se fechavam para armar o contragolpe.

Jadson, de primeira, aproveitando-se de confusão na zaga do Nacional, fez a bola passar cruzada, à direita da meta adversária, aos 4 minutos.

Dois minutos depois, Paulo Miranda fez pênalti em Uribe, segurando-o pela camisa, após cruzamento pela direita, mas a arbitragem nada marcou.

Uribe escapou pela direita, aos 11 minutos, e bateu cruzado, com perigo, à direita de Rogério Ceni.

A esta altura o Nacional, abusado, comandava as ações da partida.

Mas, aos 27 minutos, Douglas bateu escanteio pela direita, Rodrigo Caio desviou e Antonio Carlos completou para o fundo da rede.

Dois a um.

Na sequencia, Muricy Ramalho colocou Ademilson, a pedidos do torcedor tricolor, no lugar de Luis Fabiano, inoperante no jogo.

E o São Paulo voltou a dominar a partida.

Porém, aos 35 minutos, em dia de cão da defesa tricolor, Antonio Carlos recuou a bola de maneira temerária, Duque ganhou na corrida de Paulo Miranda e, na saída de Rogério Ceni, empatou novamente a partida.

Osvaldo, aos 39 minutos, tentar reverter o quadro, entrando no lugar de Jadson.

Mas quem salvou o Tricolor, e ainda se redimiu da falha anterior foi o zagueiro Antonio Carlos, que, de cabeça, marcou um golaço, aos 45 minutos.

No final, o resultado, bom para o São Paulo, apesar de ter tomado dois gols fora de casa, obrigará a equipe de Muricy Ramalho a se desdobrar para segurar ao menos um empate contra a boa equipe do Nacional, na Colômbia.

Prefeitura vai bancar reforma e revitalização de “marco zero” do Corinthians

outubro 30, 2013

haddad andres candido

Acaba de ser deferido, na Prefeitura, processo que pedia ao órgão publico para bancar as obras de reforma e revitalização do “marco zero” do Sport Club Corinthians Paulista.

Mais precisamente na esquina das ruas José Paulino com a Cônego Martins, local em que o Corinthians foi fundado, em 1910.

O projeto é ambicioso e não sairá barato ao bolso do contribuinte.

Estranho, porém, em se tratando de um clube privado, amplamente beneficiado com isenção de impostos em Itaquera, e que deveria, em tese, bancar suas próprias homenagens.

Ainda mais nesses tempos em que a Prefeitura de Fernando Haddad (PT) utiliza como principal argumento para extorquir o bolso do paulistano com aumento abusivo de IPTU justamente a falta de recursos nos cofres do Município.

Blog do Paulinho assinará prefácio de livro bombástico sobre Franck Henouda, seus negócios e parceiros

outubro 30, 2013

franck 1

Flávio Almeida, com quem nos encontramos recentemente, ex-sócio do agente de jogadores Franck Henouda, que é tratado, por publicações europeias, como braço brasileiro da Máfia que monopoliza as transações de jogadores de futebol pelo mundo, lançará, no dia 06 de dezembro, o livro “A Face Oculta de (Franck) Logbi Henouda”.

Henouda que, por razões óbvias, recebeu carta branca do ex-presidente do Corinthians, Andres Sanches, para negociar os “naming-rights” do “Fielzão”

O evento ocorrerá na Costa do Sauipe, Bahia, no mesmo local e dia em que serão sorteados os grupos para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil, em que estarão presentes as personalidades mais influentes do futebol mundial.

Evidentemente, a data não foi escolhida ao acaso.

Dois jornalistas, que vem desvendando as peripécias de Henouda, há alguns anos, para a imprensa mundial, foram convidados para escrever os prefácios.

Nós, em nome do “BLOG DO PAULINHO”, que aceitamos prontamente, e também o francês Vincent Machenaud, diretor do jornal “L’EQUIPE” e da revista “FRANCE FOOTBALL”, uma das maiores autoridades esportivas do país.

Não pouparemos verdades sobre o “biografado”.

A obra terá 450 páginas, será escrita em português, mas também traduzida para inglês e francês.

300 exemplares serão distribuídos, gratuitamente, para os participantes do evento da FIFA, mas o autor acredita que conseguirá, no lançamento, comercializar mais de mil exemplares.

“Estou movendo um processo contra o Franck por diversas razões. Ele não me paga pró-labore e as participações acionárias numa empresa, a IFC Eventos Esportivos, que está em litígio, mas da qual ainda somos sócios, no papel, desde 2001. Rompi relações com ele quando descobri que estava enviando dinheiro que deveria ter entrado por nossa empresa para contas de “off-shores” suspeitas.”, disse Flávio.

“Vou colocar na obra diverso documentos, entre eles contratos de compra e venda de jogadores, com os valores “por dentro e por fora”, cópias de extratos bancários, além de contar histórias que vão arrepiar os cabelos de diversos dirigentes de clubes.”, continuou.

“Contarei como o Maicon foi vendido do Cruzeiro para o Monaco, e depois à Inter de Milão, a venda de Eduardo Costa do Grêmio para o Bordeaux, da França, a estranha vinda de Cristian do mesmo Bordeaux para o Grêmio, de como Franck apareceu com um passaporte “europeu” de um atacante chamado Rincon, nascido na Bahia, e depois foi aconselhado, por ele, a queimá-lo, entre outras coisas…”, ameaçou

“Sem falar na influência que ele tem no Shahktar Donetsk, que você mesmo já retratou em seu blog, inclusive com manipulação de convocação em Seleção Brasileira (o treinador à época era Mano Menezes), a venda de Marcelinho Paraíba, do São Paulo para o Olimpique, a de Felipe para o Galatassaray, e de como Henouda fez para receber as comissões “por fora”, no exterior.”, finalizou.

Não é a primeira vez que um livro retratará a vida complicada de Franck Henouda no mundo do futebol.

Recentemente uma publicação francesa inseriu o empresário num dos capítulos do livro “LA FACE CACHEÉ DU FOOT BUSSINESS”, denominado “LA CONEXION SUDAMERIS”, evidentemente não o tratando com elogios.

Olivério Junior perde mais uma na Justiça e TV Corinthians continuará fora do ar

outubro 30, 2013

oliverio junior

O grupo Midiaresultado, do qual Olivério Junior, “jornalista” e assessor de personalidades como Kia Joorabchian e Andres Sanches, é sócio oculto, luta na Justiça pela posse da falida TV Corinthians.

Porém, o resultado não tem sido nada satisfatório.

Perdeu a antecipação de tutela. foi derrotado no recurso e agora sofreu novo revés no pedido de agravo.

A turma de Oliverio alega ter sido enganada pelo presidente Mario Gobbi e pelo diretor de marketing Caio Campos, que, com ajuda da BAND – que não quer concorrência na bajulação aos dirigentes do clube – fizeram-nos assinar um distrato, com a promessa de refazer o contrato posteriormente.

Marco Aurélio Cunha foge de reunião do Conselho Tricolor

outubro 30, 2013

aurelio-mac_thumb.jpg

Marco Aurélio Cunha, um dos líderes oposicionistas do São Paulo, era a figura mais aguardada na reunião ordinária do Conselho Deliberativo do São Paulo, realizada na noite de ontem.

E ele sabia.

Por isso, não foi.

Dois foram os motivos: seria sabatinado pelo dirigente Julio Cesar Casares sobre sua proximidade, constrangedora, com o ex-presidente Paulo Amaral – inimigo nº 1 do Mito Rogério Ceni – que foi responsável pela humilhante demissão do então dirigente, além de ser questionado, também, sobre as razões, publicadas no Blog do Paulinho, que motivaram sua decisão de desistir da própria candidatura.

Uma ausência, digamos, compreensível.

Afinal, uma coisa é mentir no papel, como faz nas notinhas enviadas à imprensa, outra é ter coragem de sustentar as inverdades numa reunião de conselho, em que, por razões óbvias, seria questionado.

Atualização: a ausência em razão da reunião sobre o aumento de IPTU – essa foi a desculpa –  não cola. MAC já faltou em diversas reuniões da Câmara – todas importantes – para ir a reuniões do SPFC. Algumas delas, inclusive, pedindo para funcionário da Câmara assinar presença em seu lugar, em clara fraude, confessada pelo próprio em programa do CQC

Arturzinho da arbitragem perde mais uma na Justiça para o Blog do Paulinho

outubro 30, 2013

artur alves marçal

Artur Alves Junior (foto-dir.), presidente do Sindicato de Árbitros, e de outros órgãos também ligados ao ofício, além, de dirigente da Federação Paulista de Futebol, em claríssima situação de conflito de interesses, anda esbravejando, entre uma beijada e outra nas mãos de Marco Polo Del Nero, sobre as publicações que escancaram suas verdades, realizadas em nosso espaço.

Para tentar impedi-las, ingressou com ação judicial, em que solicitou a retirada do ar das postagens em que seu nome estivesse citado.

Inclusive na Coluna do Fiori, ex-árbitro, que conhece Arturzinho como poucos, e de quem, aparentemente, o dirigente tem mais medo.

A justiça indeferiu, por razões óbvias.

Não contente, Arturzinho, que almeja voos maiores, inclusive com promessa de Del Nero de conduzi-lo ao cargo de chefe máximo da arbitragem nacional, entrou com novo pedido na Justiça, com a mesma proposta.

Retirar do ar as matérias citadas e também a Coluna do Fiori.

Perdeu, mais uma vez.

“Ausentes os requisitos legais, indefiro, por ora, a antecipação dos efeitos da tutela. Os fatos narrados no blog em questão (vide fls. 18/25 e 39/40), num juízo de cognição sumária, estão dentro dos limites da liberdade de expressão, assegurado constitucionalmente, que inclui o direito de crítica, especialmente em relação a pessoas que têm exposição pública(…).”

O trecho acima, da sentença registrada na 40ª Vara Civil, é absolutamente didático para um dirigente, que além de beijador de mãos do poder, pratica a ditadura com quem exige postura correta na arbitragem, e a benevolência aos que compactuam de seus interesses.

Diego Costa está de parabéns !

outubro 30, 2013

diego costa

O atacante Diego Costa, brasileiro de nascimento, espanhol de coração, é a grande sensação do Atlético de Madrid num Campeonato Espanhol absolutamente badalado.

Sua relação com o futebol brasileiro só lhe traz más recordações, com extorsões de empresários, propostas indecentes nas categorias de base, entre outras barbaridades.

A CBF só notou a existência do jogador quando já tinha 24 anos (hoje tem 25) e já era ídolo na Espanha.

Nunca lhe ajudou em nada, nem outro clube qualquer de nosso país.

Ou seja, Diego Costa nada deve a ninguém, por aqui.

E fez bem em escolher jogar a Copa do Mundo pela Seleção do país que o acolheu, tratou com dignidade, e lhe deu oportunidade de prosperar.

Jogar a Copa do Mundo pela Seleção Brasileira é um sonho, sim, como disse Felipão, mas para quem tem sentimentos positivos pelo país.

Diego, certamente, os tem, mas pela Espanha.

Está de parabéns por ser fiel a quem dele sempre cuidou melhor.


%d blogueiros gostam disto: