Anúncios

Archive for agosto \31\UTC 2012

De falido a milionário, mesmo sem salário…

agosto 31, 2012

Em 28 de abril de 2005, o ex-presidente do Corinthians, atual diretor de Seleções, Andre Sanches, encontrava-se em situação pré-falimentar.

A SOL Embalagens Plásticas, empresa de sua família que encontrava-se “alaranjada” em seu nome, lutava pela sobrevivência num leilão, segundo publicação do Diário Oficial, à época.

No lote 38, entre os dias 10/05 e 24/05, para quitar pendências com fornecedores, a empresa leiloou os seguintes itens:

– 500 (quinhentos) Kg. de sacolas plásticas de alta densidade, lisas 40×50, avaliadas em R$ 7,00 cada, perfazendo R$ 3.500,00;

– 35 (trinta e cinco) milheiros de sacolas Paschell limão 48×74, para 20kgs. avaliado(s) em R$ 420,00 cada, perfazendo R$ 14.700,00;

– 15 (quinze) Milheiros de sacos de milho (vazio) 48×78, para 20 quilos. avaliado(s) em R$ 520,00 cada, perfazendo R$ 7.800,00;

– 300 (trezentos) caixas de caqui (papelao) vazias, desmontadas, em ótimo estado de conservação. avaliado(s) em R$ 6,90 cada, perfazendo R$ 2.070,00.

Total geral da avaliação R$ 28.070,00.

Andres Sanches figurou no processo como “fiel depositário” de um material que já estava há tempos penhorado.

Meses depois a amizade do dirigente com o iraniano Kia Joorabchian se acentuou, melhorando, como por encanto, sua situação financeira.

De 2005, período do leilão, até o final de seu mandato do Corinthians, início de 2012, Sanches exerceu cargos não remunerados no clube.

Desde a vice-presidência de futebol, nos tristes tempos da MSI, até entregar a presidência ao sucessor Mario Gobbi.

E, mesmo sem entrada comprovada de recursos, ficou milionário.

Morava de aluguel, em 2007, hoje é proprietário de vários imóveis, nem todos registrados em seu nome.

Como explicar ?

O leitor deste espaço parece não ter e mesma dificuldade para entender do que outros órgãos que dizem investiga-lo.

Anúncios

MidiaCast Esporte Clube – participe !

agosto 31, 2012

Não perca, às 18h, mais uma edição do programa “MidiaCast Esporte Clube”, pela rádio MidiaCast.

http://radiomidiacast.com.

Com apresentação de Paulinho e a participação especial de Fernando Pereira.

Um espaço em que os principais assuntos discutidos são escolhidos pelo público.

Deixe suas perguntas por aqui, nos comentários da postagem, até meia hora antes do início do programa.

Todas serão respondidas, ao vivo, e disponibilizadas, em PodCast, no dia seguinte.

Desde já agradecemos pela audiência

ONG de moradores quer fechar e multar todas as lojas do Estádio do Morumbi

agosto 31, 2012

Noticiamos, ontem, que o grupo de moradores denominado SAVIAH ingressou com nova Ação Pública exigindo providências sobre descumprimento de acordos firmados pelo São Paulo Futebol Clube com o Ministério Público.

Tivemos acesso, hoje, à íntegra do processo.

“O objeto da presente é o funcionamento ilegal de bares, lojas e restaurantes dentro das dependências do clube réu, em horário vedado por lei e por Termo de Ajuste de Conduta livremente firmado pelo clube réu, transformando o clube em verdadeiro Shopping Center, em plena zona estritamente residencial, ocasionando barulho, trânsito e diversos outros transtornos à malsinada comunidade difusa moradora do entorno do clube”, diz um dos trechos.

A SAVIAH mostra ainda que, pelo TAC assinado, o clube está proibido de exercer qualquer atividade, esportiva ou não, entre 22h e 8h, em locais desprovidos de isolamento acústico.

A ação relaciona como descumprimento o funcionamento, dentro das dependências são-paulinas dos seguintes estabelecimentos:

– Restaurante Copa – terças e quintas até as 23h, sextas e sábados até as 24h, domingos e feriados até as 23h e, em dia de jogos, antes e depois das partidas;

– São Paulo Bar – quartas e domingos “até o último cliente”

– By Koji – terças a sábados até as 23h30m, domingos até as 22h e, nos dias de jogos e shows, como camarote, com reservas antecipadas;

– Espaço Unyco – locado para grandes festas que terminam após as 22h

– Buffet infantil – inaugurado em 2010, funciona ultrapassando horário das 22h

Indica ainda a Ação Pública da SAVIAH que NENHUM destes estabelecimentos localizados dentro do estádio do Morumbi possui Alvará de Funcionamento, estando, portanto, operando à margem da Lei.

Entre os comércios, além dos citados acima, estaria também a Livraria Nobel.

O processo pede ainda que a atividade desses comércios (11 estabelecimentos no total) seja cessada e que arquem ainda com multa retroativa desde a assinatura do TAC, em julho de 2009.

Segundo informações, cerca de R$ 1 mil, diários, para cada loja.

Em sendo acolhido o pedido, além de gerar prejuízo enorme ao São Paulo e seus parceiros, fica comprometido também outros projetos futuros, entre eles o de reforma do estádio, que terá possível concessão de alvará questionada pelo mesmo grupo de moradores.

Clicando no link abaixo você tem acesso à íntegra da Ação Popular.

https://blogdopaulinho.files.wordpress.com/2012/08/bares-rest-etc-acp-da-saviah-28-8-20120001.pdf

Mano Menezes e Bruno Uvini: o “truque” deu certo

agosto 31, 2012

Publicamos, dia 08 de agosto, que o treinador Mano Menezes, da Seleção Brasileira, havia acertado a convocação do atleta do São Paulo, Bruno Uvini, com seu empresário, a fim de valorizá-lo para revenda.

https://blogdopaulinho.wordpress.com/2012/08/04/mano-menezes-recebera-comissao-por-convocacao-de-bruno-uvini/

O acordo previa leva-lo ás Olimpíadas (em que jogou poucos minutos) e também num amistoso da equipe principal.

Para executar esta tarefa, segundo informações de bastidores, o treinador seria agraciado com percentual da comissão.

Não tardou e ontem, dia 30, anunciou-se a negociação do zagueiro para o Nápoli, da Itália.

Num contrato de cinco anos.

Treinador, empresário e diretor de seleções, comemoraram.

Leandro Quesada se esforça para defender Kia Joorabchian

agosto 31, 2012

No último dia 25 de agosto, o jornalista Leandro Quesada, num esforço sobre humano, conversou com uma pessoa, que se apresentou como Ana Paula Moldov, em seu facebook.

E, desta feita sem esforço algum, desandou a defender o iraniano Kia Joorabchian, possível fonte de recurso indireta de alguns de seus vencimentos.

A conversa, que você acompanha na íntegra, logo abaixo, demonstra bem como as coisas funcionam na imprensa atualmente.

Desde os pensamentos até as atitudes, defendendo interesses, por vezes inconfessáveis, daqueles que comprovadamente prejudicam não apenas nosso futebol, mas também a sociedade.

A que preço ?

Por vezes, dependendo da inexpressividade do cooptado, nem deve ser tão caro assim…

(o bate-papo foi publicado com erros de português e formatações originais)

Ana Paula Moldov

Sabe…ontem ia falar p/ vc, ja que vc trabalha com o futebbol, onde eu morava em Londres, quem encontrava de vez em quando era aquele iraniano Kia Jorabchan…ah sei lá como se escreve.

Sempre o via andando junto com sua esposa e filho.

Leandro Quesada

Kia… Dono da MSI

Ex-parceiro do Corinthians

Ana Paula Moldov

Sei lá…tenho um amigo Corintiano que só fui falar p/ ele que via esse Kia e ele sempre me enchia p/ eu falar com o Kia.

Leandro Quesada

Ele casou com uma brasileira

Ana Paula Moldov

Ah é?

Meu amigo xinga ele tanto, diz que ele é ligado a mafia russa e corrupto até o pescoço…rs

Leandro Quesada

Vc sabe que isso daria um livro. Quando Kia começou a aparecer muito na mídia, todos diziam que ele era isso ou era aquilo.

Ele botou dinheiro no clube, trouxe reforços e ainda pagou algumas contas atrasadas

Ana Paula Moldov

mas é verdade? via ele andando normalmente.

Leandro Quesada

Então …. Pare pra pensar: se ele fosse um cara do mal, mafioso, bandido, os ingleses o deixariam andar pelas ruas de Londres?

Sei lá… Eu trabalho com comunicação e vejo jornalistas e veículos de comunicação inventarem algo a todo instante

E vira verdade

Isso é desonesto pacas

Oq eu sei deste Kia, é que roubaram o cara aqui no Brasil

Muita gente arrancou dinheiro dele

Ana Paula Moldov

Ah é? quem roubou? políticos?

Leandro Quesada

Gente do futebol

No futebol tem muito pedágio…

Ana Paula Moldov

Nossa…o pessoal do Corintians não é? ja que ele botou $$ nesse time, pelo menos é o que meu amigo me disse.

Leandro Quesada

Um dia te explico … Aqui não é o local para este assunto…

Né?

Ana Paula Moldov

Hum…vc deve saber dessas coisas cabeludas…rs

Leandro Quesada

Mas enfim… Oq eu sei é que ele saiu do país e ficou devendo dinheiro para a assessoria de comunicação que fazia a mídia pra ele…

É fato… Isso não foi legal…. Se trabalhou, recebeu

É o lema

Certo?

Ana Paula Moldov

sim…mas meu amigo fala horrores dele…mexia com lavagem de dinheiro em paraíso fiscal..etc

Leandro Quesada

Esse seu amigo deveria dar essas informações pra policia federal e a interpol…

Vai saber se esse seu amigo não levou um tb… Rsrs

Ana Paula Moldov

rsrsrs…mas qdo estudei la em Londres, direito Internacional, estudei muito envio de $$ p/ paraísos fiscais e deram o exemplo desse iraniano junto com aquele russo exilado.

Leandro Quesada

Sei

Que brigou com o Putin

Ana Paula Moldov

KKK, esse meu amigo é um desconhecido

Leandro Quesada

Bem

Ana Paula Moldov

Sim, é o Berezovsky…ele tb é falado lá em Londres, em 2006 o governo russo envenenou um agente da KGB e acusaram esse Berezovsky.

Leandro Quesada

Cheguei a conclusão que a Inglaterra não é um pais sério

Esses caras acusados moram lá e ninguém os expulsa?

Sei lá

Ana Paula Moldov

Pois é…como estudei os passos desses caras, sei um pouco o que eles fizeram através de uma amiga minha que trabalhava no mesmo prédio do escritório desse Berezovsky.

ok Leandro vou dar uma saída, bjs

Leandro Quesada

Bj

Contas de Tirone são reprovadas novamente

agosto 31, 2012

Em reunião do COF, realizada ontem, mais uma vez as contas da gestão Arnaldo Tirone foram reprovadas.

Por oito votos contra sete.

Falta de documentação comprobatória de despesas e explicações que nada explicam foram os motivos.

Ou seja, além da comprovada incompetência, o atual presidente do clube, um dos piores de sua história, vence também na falta de transparência.

Carta aberta a PH Ganso

agosto 31, 2012

Da “FOLHA”

Por XICO SÁ

“Tens os segredos do caboclo amazônico para encarar maldições urbanas. É hora de pedir a bola”

Amigo torcedor, amigo secador, peço a devida licença para me dirigir, nesta carta aberta, ao Paulo Henrique Ganso, cujo talento passou a ser um castigo, não mais um motivo de mil sambas de exaltação.

É, meu caro PH, o país do futebol é quase sempre injusto. Costuma punir mais o craque que o arremedo de jogador. Quando falo o país não trato só de uma abstração ou da imagem rodriguiana da pátria em chuteiras. Digo o país de carne e osso dos cartolas, dos investidores da praça e dos falsos torcedores.

Muito injusto, para dizer o mínimo, o que fizeram contigo. O cúmulo foi a chuva de moedas e os berros de mercenário anteontem na Vila Belmiro, um templo que não merece a infâmia de tais bárbaros.

Por que o Santos perdeu para o Bahia? Ah, tenham paciência, o tricolor da Boa Terra bateu o Peixe com Pelé e tudo. No auge dos auges. Acontece.

Mais respeito com os baianos.

Apenas um torcedor de meia pataca é capaz de tais insultos. Uma pilhéria que tenhas que andar com seguranças extras sob a pena de ser alvejado pela corja.

Sei que serenidade não te falta. Tens os segredos do caboclo amazônico para enfrentar estas pequenas maldições urbanas. Chegou a hora, no entanto, de pedir a bola. De dizer “Eu me garanto”, de repetir, em palavras, o que fizeste com gesto firme naquele Santos x Santo André. Final do Paulista-10. “Atitude de homem”, como definiu, à beira do campo, o técnico Dorival Jr.

Está na hora de juntar os dirigentes do Santos, o supermercado que te expõe nas gôndolas, como uma promoção avícola, e dizer bem alto: “Quero fazer o que eu sei, jogar bola”. Arre égua. Pronto.

Hora de dizer também: “Seu Juvenal, me respeite, o São Paulo é um grande clube, mas fez uma proposta miserável”. Por que jogar em um time que te julgas por este preço?

Os reais torcedores do Peixe, óbvio, amariam o teu dia do fico. Claro que não poderias se contentar com um salário menor do que vários no elenco. Conversas, reajustes, retomada da proposta do plano para o futuro, garantias até a Copa etc. Tudo isso e muito mais.

O apoio público do comandante Muricy Ramalho foi importante. Algo digno. Neymar, ressalvadas as diferenças de tratamento no clube, também não fugiu à luta, bancou a tua presença.

Lembro agora, caríssimo Ganso, do teu conterrâneo paraense doutor Sócrates Brasileiro. Tu eras praticamente o único motivo que o fazia ver um jogo de futebol inteiro. Ficava à espera do teu toque. Dizia: “Este sabe”. Fazia o maior gosto.

Que te deixem em paz para fazer o que gostas. Que te livres de quem desconfia do teu dote. Que te livres mais ainda de quem te rifas por qualquer moeda. De adversário bastam os brucutus em campo.

Boa sorte, rapaz.

PT errou feio ao convocar Paulo Preto

agosto 30, 2012

Foi um grande equívoco da bancada petista, na CPMI do Cachoeira, a convocação do ex-diretor da DERSA, Paulo Preto.

Serviu apenas para que o depoente, que entrou no local praticamente condenado pela opinião pública, pudesse, inteligentemente, dar um nó nos fraquíssimos questionamentos de deputados e senadores.

Foi uma aula de Paulo Preto, que, independentemente de ser ou não culpado, aproveitou-se do baixo nível dos perguntadores para sair da CPMI melhor do que entrou.

Nem as perguntas  relacionadas a participação do engenheiro nas obras do Corinthians, CT e estádio, a bancada petista teve coragem de fazer, temendo, talvez, que a resposta pudesse respingar em membros do partido.

Triste retrato do despreparo de nossos representantes parlamentares.

Aliados de Andre Sanches mandam recado a grupo de Mario Gobbi pelo “Boca de Aluguel”

agosto 30, 2012

Permanece tenso o clima entre aliados do ex-presidente Andres Sanches e membros da atual diretoria, formada em grande parte pelo grupo “Corinthianos Obsessivos”.

Seria o mesmo que, transformando para o mundo da criminalidade, um grupo de marginais “pés-rapados” lutasse por espaço com ladrões de casaca.

Utilizaram-se agora, no intuito de se fazerem notar, um conhecido espaço, segundo dizem, financiado pelos conselheiros Mané da Carne e André Negão.

Seu autor, o vulgo “Caco” das piscinas, desceu a lenha na atual gestão, repetindo todas as palavras que lhe foram sopradas, disfarçando a escrita como “indignação” pelo fato de seu filho não ter podido participar de uma homenagem no Pacaembu.

“Ofende-me também o descaso, a forma pedante e desrespeitosa que determinadas pessoas no clube vem tratando determinadas ocasiões, situações e principalmente, pessoas.”

“Determinadas pessoas no clube precisam entender que o clube não nasceu num escritório de advocacia ou numa sala de criação de campanhas de marketing.”

Fica evidente que o recado acima é direcionado aos advogados “obsessivos” da gestão e também ao vice-presidente Luis Paulo Rosenberg, reclamando ainda do “tratamento” diferenciado de outrora.

“Pessoas que como eu brigaram – e lutam – para que esta vitoriosa gestão se mantenha no poder vigente no clube desde o final de 2007.”

Nesse trecho, “Caco” joga na cara todos os anos de bajulação a que se submeteu, torcendo e distorcendo, no ÚNICO intuito de favorecer um grupo político do Parque São Jorge.

“E de novo, respeito é bom e a gente gosta!”

Finaliza ainda com um recado, no PLURAL, que dá bem o tom de inicio de ameaça se o tratamento que seus “patrões” não consideram adequado permanecer como está.

Veremos, nos próximos dias, quem de fato pode mais – ou menos – na luta dos providos de interesses.

Mancha Verde ameaça bater em Felipão e na diretoria do Palmeiras

agosto 30, 2012

Horas depois de ter sido liberada a voltar aos estádios, pela irresponsabilidade do Coronel Marinho, chefe da segurança na FPF, a facção criminosa Mancha Verde voltou a botar as sujas manguinhas de fora.

No fórum oficial da entidade, o marginal de vulgo “Val MV”, moderador do espaço, trata de incitar a violência contra o treinador Luis Felipe Scolari e também a diretoria do Palmeiras.

http://www.forummanchaverde.com.br/viewtopic.php?f=3&t=8899

Evidentemente, dirigentes da Mancha sabem de quem se trata, facilitando, portanto, a investigação policial, que deve ser iniciada imediatamente.

“Houve apuração dos fatos, pessoas indiciadas, e as torcidas tomaram providências internas. Liberá-los novamente é uma forma de barganhar com eles.”, foi o que disse o Coronel Marinho ao ceder às pressões das “organizadas”

O resultado de “barganhar” com bandidos, que o oficial PM considera adequado, pode ser notado na triste imagem abaixo.

Nova Ação Pública contra o São Paulo

agosto 30, 2012

Foi aberta, pelo grupo de moradores SAVIAH, nova ação pública contra o São Paulo Futebol Clube.

O processo, a principio, pede investigação sobre irregularidades que o Tricolor teria prometido corrigir, mas, para a ONG, não o fez.

Laudos de peritos e despacho de promotor encorpam a documentação.

Numa briga longa e que não tem prazo para terminar, podendo ainda atrasar outras iniciativas do clube, entre elas a reforma do estádio do Morumbi.

NET se nega a denunciar clientes para a diretoria do Santos

agosto 30, 2012

Demonstrando toda sua inclinação à democracia, o presidente Luis Álvaro de Oliveira, que já havia intimidado judicialmente o “Google” para que identificasse usuários que criticavam sua gestão, fez o mesmo agora com a NET.

Exigiu que a operadora identificasse os números IPs de seus usuários e os fornecesse ao clube, na mesma ação judicial.

Felizmente a empresa se negou, alegando inviabilidade técnica.

Não seria melhor, em vez de realizar uma “caça as bruxas” daqueles que dizem o que pensam sobre a diretoria do Peixe, trabalhar mais – e melhor – evitando dar motivos às críticas temidas ?

A fraqueza do Proforte

agosto 30, 2012

Da “FOLHA”

Por JUCA KFOURI

“Surge uma nova idéia para anistiar dívidas e não exigir nada em troca, além de truques”

CANDIDAMENTE OS CARTOLAS abençoam o projeto de lei do deputado federal Vicente Cândido (PT–SP) que, sob a justificativa de fortalecer os esportes olímpicos no país, quer anistiar a dívida fiscal dos clubes de futebol com a União, que beira a casa dos R$ 5 bilhões.

Depois que os clubes receberam as graças dos Refis 1, 2 e 3 e da Timemania, o novo engodo tem o nome de Proforte. Em resumo, quem investir nos esportes olímpicos sairá da condição de devedor para a de benfeitor. A pedra é zerada. Mentira semelhante já se conta em relação aos terrenos públicos cedidos aos clubes com a contrapartida de permitir o acesso de menores carentes. É sabido que só a primeira parte tem sido regiamente cumprida e que a segunda é mera ficção.

O Proforte de Cândido já conta com a esperada simpatia da cartolagem e o inaceitável apoio do Ministério do Esporte.

Quem acompanha esta coluna sabe que aconteceu com a Timemania exatamente o que se previu que aconteceria, um fabuloso fracasso. Sabe que não ajudou time algum nem muito menos virou mania.

Mas não sabe, porque é mesmo novidade, que de tanto dar murro em ponta de faca apenas para sangrar as mãos, o colunista mudou de opinião e até é capaz de entender que se queira anistiar uma dívida de resto impagável -convencido de que ninguém vai fechar o Flamengo para se ressarcir, como um dia disse o ex-presidente Lula.

Sim, o colunista topa que em troca dos R$ 5 bilhões se exija a mudança do modelo de gestão e que todos sejam obrigados a transformar os departamentos de futebol profissional em empresas, regidas pelo Código Comercial, com as responsabilizações nele contidas, assim como se permita só uma reeleição aos presidentes de clubes beneficiados. Quem quiser adere, quem não quiser que pague o que deve.

Porque é simplesmente pornográfico o novo surto salvacionista em curso, por mais importância esportiva e cultural que os clubes tenham na vida nacional. Sem querer fulanizar novamente a questão, cumpre lembrar que o deputado Cândido virou sócio de Marco Polo Del Nero em escritório de advocacia.

Além de ter sido cicerone do bilionário mafioso russo Boris Berezovsky quando veio ao Brasil com a desculpa de que queria comprar a Varig, investir em estádios e reforçar a parceria Corinthians/MSI, empresa dele e de triste memória que acabou na Polícia Federal.

Premiar a má gestão mais uma vez estará longe de colaborar à imagem gerencial da presidenta da República e significará um soco na cara dos que pagam seus impostos em dia. Mais que fraco, o Proforte nasce cínico, hipócrita, falso, mentiroso, imoral e escandaloso, tiro de misericórdia na cidadania.

Só cabe perdão sob novo modelo de gestão. Rima e solução.

Mensaleiro condenado: João Paulo Cunha (PT)

agosto 30, 2012

Flu para no Corinthians. Verdão e Peixe deram vexame

agosto 30, 2012

O Fluminense bem que se esforçou, mas parou no forte setor defensivo do Corinthians, que após duas partidas instáveis, voltou a atuar bem.

Com o empate em um a um perdeu a oportunidade de se colocar em primeiro lugar no Brasileirão, depois do heroico empate da Ponte Preta com o líder Atlético/MG, para alegria dos nobres campineiros.

Logo no início da primeira etapa, aos 30 segundos, Sheik escapou pela direita e bateu cruzado, bola que saiu à direita da meta de Diego Cavalieri, dando a entender que o Timão partiria com tudo para cima do Flu.

Não aconteceu.

Aos poucos a equipe carioca passou a tocar mais a bola no ataque, embora encontrasse enormes dificuldades para vencer a sempre eficiente marcação corinthiana.

Criou algumas poucas chances em batidas de fora da área e numa chance cara a cara de Wellington Nem, bem defendidas pelo goleiro Cassio.

O Corinthians só voltaria a atacar perto do final, aos 36 minutos, quando Ralf tomou a bola de Wagner e serviu para Sheik, dentro da área, abrir o marcador.

Na segunda etapa somente o Fluminense jogou, com o Corinthians limitando-se a defender, por sinal, o que faz de melhor, dificultando e muito a vida de seu adversário.

Tanto que a primeira chance real de gol dos cariocas surgiu apenas aos 15 minutos, em cabeçada de Thiago Neves, sozinho, na marca do pênalti, por cima do gol.

Aos 26 minutos Cassio fez grande defesa em cabeçada a queima roupa de Fred.

Sete minutos depois o mesmo Fred cabeceou novamente, e a bola passou muito perto da trave esquerda.

Na pressão, o Flu, enfim, conseguiu o empate, aos 37 minutos, numa bola levantada na área, que Fred se antecipou a Cassio e mandou para o fundo da rede.

Um resultado bem mais agradável para o Corinthians, que até fez cera no final, e que deixa o torcedor do Fluminense com o gosto amargo de perder a chance de chegar à liderança do torneio.

Enquanto isso, Palmeiras, que perdeu para a Lusa por três a zero e caminha a passos largos para seu segundo rebaixamento, premiando a mais incompetente gestão de sua história, e o Santos, com Ganso hostilizado pela torcida após a derrota para o Bahia, em casa, por três a um, foram os vexames da rodada.


%d blogueiros gostam disto: