Anúncios

Archive for março \31\UTC 2014

Os grandes de São Paulo e suas categorias de base

março 31, 2014

base corinthians

Corinthians, São Paulo e Palmeiras, que formam o “Trio de Ferro” do futebol paulista, foram eliminados, de maneira vergonhosa, do paulistinha.

Que jogador, de qualidade razoável, o Timão revelou em suas categorias de base nos últimos anos ?

E o Palmeiras ?

O São Paulo teve Lucas – que a cada dia comprova-se ser menor do que se pensava – e mais um ou dois.

Agora observem o trabalho do Santos, novamente finalista.

O clube prioriza, de fato, suas categorias de base.

Não é a toa que os resultados se sucedem nas últimas temporadas, sejam eles esportivos ou até mesmo financeiros.

Nos outros clubes, incompetentes são alçados ao poder para satisfazer grupos políticos, servindo, também, de entrepostos para a ação de empresários.

Sem um bom alicerce, não há casa que resista a tempos de tempestade.

A gestão do Peixe, na base, apesar de ter ainda seus problemas, inclusive no que diz respeito a praga dos intermediários, ao menos teve a sensibilidade de aproveitar profissionais que realmente são do ramo na hora de selecionar e lidar com suas pratas da casa.

Anúncios

Ex-conselheiro sonha com transparência no Corinthians

março 31, 2014

nastari

Por JOÃO NASTARI*

Esta noite sonhei que estava numa reunião do Conselho, no Corinthians.

O tema era a aprovação de contas, através do balanço apresentado pelo diretor de finanças, Raul Corrêa da Silva.

Em meu sonho, perguntei ao dirigente como o clube que mais arrecada no Brasil tinha dívidas astronômicas, e, a cada ano, progressivamente maiores.

Perguntei, também, porque as contas do futebol profissional não eram abertas no Conselho, mas no “tangível” e “intangível”, sempre utilizado para explicações.

Não me respondeu.

No meu sonho, lembro que perguntei quanto foi gasto no estádio de Itaquera, já que, no projeto original, o custo girava em torno de R$ 400 milhões, e agora, segundo se fala, aproxima-se de R$ 1,2 bilhão.

Ainda sonhando, questionei, porque, no contrato assinado com a construtora, as rendas do estádio serão todas da ODEBRECHT, por 30 anos, tais como:

– arrecadação de “naming-rights”;

– CIDs da Prefeitura;

– Venda de camarotes corporativos;

– Aluguel de cadeiras cativas;

– Venda de placas publicitárias;

– Bilheteria dos jogos;

– Arrecadação do estacionamento;

– Locação dos 59 pontos de arrendamentos internos do estádio, etc.

Ninguém respondeu.

Subitamente, percebi que tudo se tratava de um sonho, mas ai, já acordado, lembrei que hoje, dia 31 de março, haverá, realmente, uma reuinão do Conselho Deliberativo do Corinthians, e eu, infelizmente, não estarei lá.

Quem sabe, meu sonho sirva de inspiração para algum conselheiro fazer algumas destas perguntas, a quem de direito, para que o clube possa ter um futuro mais transparente, sendo colocado, enfim, no lugar que merece estar.

*João Nastari é associado e ex-conselheiro do Corinthians, com história de lutas no Parque São Jorge, tendo exercido seu mandato com a dignidade, coragem e honestidade que raríssimos de seus colegas conseguiram igualar. Razão pela qual, hoje, está fora do Conselho Deliberativo Alvinegro, que, em sua grande maioria, troca apoio por ingressos, comes, bebes e, em alguns casos, até dinheiro.

R$ 135 milhões em empréstimos: Paulo, mesmo com intenção Nobre, está afundando as finanças do Palmeiras

março 31, 2014

porco dinheiro

O presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, já é credor de impressionantes R$ 135 milhões do clube.

Sem a menor previsão de como ou quando receber.

Um erro gravíssimo, que faz o Verdão se escorar, de maneira preocupante, numa condição financeira que não possui, e que, quando outro mandatário estiver no poder, certamente comprometerá ainda mais sua já combalida situação.

Cotas de TV adiantadas, lucro de anos (se vierem a existir) comprometidos para pagar o presidente, outros recebíveis nas mãos da WTorre, etc., são motivos reais para muita preocupação.

Melhor seria assumir a condição financeira que possui, e trabalhar dentro desse limite, mesmo que para tal seja obrigado a passar algum tempo se privando de certos caprichos, mas, pelo menos, reconstruindo o alicerce, detonado por sucessivas más gestões.

A ganância mortal de quem faz a Copa do Mundo no Brasil

março 31, 2014

morte

“Ele foi contratado como ajudante, não montador. Nem passou por um treinamento. Ele não tinha experiência para estar naquela altura”

“Nem o encarregado e nem o técnico de segurança estavam lá em cima para ver se estava tudo certinho”

“Ele trabalhava de segunda a sábado, 12 horas por dias, mas tinha dia que chegava a 13 horas e meia”

“Esta semana iria começar um novo esquema de segunda a segunda.”

Os depoimentos acima, publicados na FOLHA de hoje, são de um colega e da irmã do operário Fabio Hamilton da Cruz, morto, recentemente, nas obras do “Fielzão”

Diretoria do Corinthians esnoba jantar beneficente de associados

março 31, 2014

chu 1

No último final de semana, no Salão de Festas do Corinthians, foi realizado o jantar em comemoração aos 20 anos da “Confraria dos Churumelas”, entidade beneficente formada, em quase a sua totalidade, por associados do clube.

Um sucesso, com mais de 800 convidados.

Porém, apesar da presença dos principais líderes políticos do Parque São Jorge, notou-se a ausência dos atuais dirigentes alvinegros.

São realmente dois pesos e duas medidas.

Fosse um evento em que existisse cobertura da mídia, certamente, estapeariam-se para aparecer na frente das câmeras, mas, em se tratando de algo que, em avaliação equivocada, não ocasionaria retorno de imagem, decidiram esnobar.

O erro, além de ocasionar questionamentos durante todo o final de semana, certamente terá desdobramentos na sequencia das campanhas políticas a serem instauradas às próximas eleições alvinegras.

Sim, porque dois setores jamais podem ser ignorados, absolutamente importantes, por quem pretende, um dia, exercer o cargo máximo do clube: o Senadinho, em que a política do clube é tratada de forma explícita, e os “Churumelas”, que, apesar do caráter apolítico, acaba por servir de termômetro, também, para as principais discussões do Corinthians.

Felipe Massa se posiciona na Willians

março 31, 2014

massa

No último final de semana, repercutiu a atitude de Felipe Massa em desobedecer ordem da equipe Williams, pedindo que abrisse passagem para o companheiro, que, segundo a escuderia, estaria mais rápido na pista.

Fez muito bem.

Muito mais do que a honra do piloto, está a questão esportiva da coisa.

Esse tipo de argumentação – favorecer a equipe em detrimento do piloto – é que vem deixando a Fórmula Um cada vez menos interessante, retirando-lhe a credibilidade conquistada nas décadas anteriores.

Massa, um tanto quanto tarde, mas ainda em tempo de comprovar ou conquistar alguma coisa, repetiu o que Ayrton Senna, ainda garoto, mas já demonstrando coragem e genialidade, fez na na McLaren, ao peitar não apenas a equipe, mas também o então campeão, Alain Prost.

A Williams sabe agora que seu piloto quer ser campeão, e não se submeterá, como ocorreu durante toda a sua carreira na Ferrari, a qualquer iniciativa antidesportiva que possa, de alguma maneira, impedi-lo de tentar.

Santos na final ! Palmeiras inicia a série de vexames do centenário

março 30, 2014

Apesar de ter enfrentado alguma dificuldade perante a boa equipe de empresários da Penapolense, o Santos, depois de abrir o marcador na Vila Belmiro e sofrer a virada do adversário, com a entrada do garoto Rildo se impôs no gramado e venceu a partida por três a dois.

Classificou-se para a final do paulistinha.

É, sem dúvida, a melhor equipe do torneio, favoritíssima ao título.

No Pacaembu, a fraquíssima equipe do Palmeiras iniciou a série de vexames do centenário ao ser eliminada, em pleno Pacaembu, pelo esforçado Ituano.

Valdivia não começou jogando, pela enésima contusão da carreira, entrou faltando quinze minutos, esqueceu que estava machucado, correu, dividiu, deu bons passes, e, quando percebeu que a vaca estava indo para o brejo, após o gol do garoto Marcelinho, lembrou-se do machucado e passou a mancar no gramado.

Uma equipe que já teve Ademir, Rivaldo, Edmundo, entre tantos, não merece se ajoelhar para esse tipo de jogador.

Muito menos o calvário que está por vir, que iniciou-se hoje com a humilhante eliminação, e terá sequencia no Brasileirão, na desesperada luta para se manter na primeira divisão.

O Ituano, recuperado pelo brilhante trabalho de Juninho Paulusta, que nada tem a ver com isso, já chegou mais longe do que imaginava, e tentará, agora, uma façanha que, se conquistada, entrará para a história do campeonato.

Obras da Copa: irresponsabilidade que custa vidas

março 30, 2014

575bb-2014fielzao02_0c25c325b3pia

Não é de hoje que o leitor inteligente sabe, alertado pelos que fazem bom jornalismo, a equação exata das obras dos estádios da Copa do Mundo.

Orçamento baixo, superfaturamento na sequencia, atraso proposital na execução, dinheiro público derramado para impedir o vexame da não inauguração, novo atraso, mais liberação de dinheiro, e por ai vai.

Sofrem com essa matemática, o povo, novamente roubado, e os funcionários das obras, que, em condições desumanas, são obrigados, a toque de caixa, no final, a correr com o trabalho, ficando à mercê de terriveis acidentes.

Oito são os mortos nas obras do Mundial.

Três deles, somente no “Fielzão”.

Fruto da ganância, irresponsabilidade e conivência dos órgãos que deveriam investigar, e impedir, esse tipo de situação.

Culpar o acaso – como dirigentes querem deixar transparecer em notas oficiais de pesar como causa das tragédias – é minimizar demais acontecimentos que, certamente, poderiam ter sido evitados.

Seja qual for o resultado das eleições, base do São Paulo deve ser transformada em balcão de negócios

março 30, 2014

aidarkalil mac

Os dois candidatos a presidência do São Paulo, Carlos Miguel Aidar e Kalil Rocha Abdala, tem propostas semelhantes, mesmo que, por vezes ocultadas, com relação ao tipo de gestão que deve ser executada nas categorias de base do Tricolor.

Priorizar acordo com empresários, diminuir custos e servir, extra-oficialmente, de barriga de aluguel para lucrar em futuras negociações.

Erram , os dois, demasiadamente.

O clube precisa, sim, fazer dinheiro, mas nunca em detrimento da qualidade técnica de sua equipe.

Que se obtenha tal lucratividade após montar um esquadrão na equipe profissional, conquistar títulos nacionais, continentais e mundiais, é até aceitável, porém, fazê-lo ainda no ninho, sem que os atletas obtenham identificação com o Tricolor, obrigando o clube a se virar com contratações de atletas nem sempre identificados com sua história, é tropeçar na burrice.

Ou talvez na ganancia, já que qualquer pessoa minimamente informada nos bastidores do futebol sabe que a única razão da existência dos empresários de jogadores dentro dos clubes é ocultar o recebimento das comissões do próprios dirigentes, estes, oficialmente, não remunerados.

Blog do Paulinho e conselheiro do Palmeiras não aceitam acordo com Gilberto Cipullo

março 30, 2014

CIPULLO

Na última semana, estiveram, frente a frente na Justiça de São Paulo, o ex-dirigente do Palmeiras, Gilberto Cipullo, e seus dois processados, este jornalista e também o conselheiro palestrino Gilto Avallone.

Era a audiência de conciliação.

Cipullo propôs “deixar tudo pra lá” se o blog se retratasse por críticas feitas a sua gestão no clube, mesma proposta oferecida a Avallone.

Não apenas recusamos, como lembramos do cheque de empresário de jogadores depositado em sua conta.

Avallone, que foi incluído na ação, tudo indica, por questões políticas, falou sobre as contas do dirigente, reprovadas pelo Conselho palestrino.

De pele branca, Cipullo avermelhou-se, mas não retrucou.

O processo seguirá, então adiante, para julgamento do mérito.

Estacionamento do “Fielzão” está em desacordo com caderno de encargos da FIFA

março 29, 2014

gobbi

Publicamos, ontem, a relação de vagas liberadas pela Prefeitura de São Paulo para a construção do estacionamento no estádio do “Fielzão”.

https://blogdopaulinho.wordpress.com/2014/03/28/as-vagas-do-estacionamento-do-fielzao/

Boa parte dos números está em absoluto desacordo com as orientações do Caderno de Encargos da FIFA para a Copa do Mundo.

Certamente, mais uma aresta, entre tantas, que o clube terá que aparar com a entidade.

O documento prevê a obrigatoriedade do estádio fornecer, ao menos, 10 mil vagas para carros e 500 para ônibus.

As equipes devem contar com duas vagas de ônibus e oito de carro, isoladas do público da partida.

Há ainda outras exigências sobre o tamanho dos locais e, também a existência de um heliporto próximo ao estádio.

Na composição atual, o Corinthians ficará devendo mais de 4 mil vagas de veículos para atender as exigências da FIFA, além de duas vagas adicionais de ônibus para as delegações.

Por falar em ônibus, a situação é ainda mais discrepante.

No “Fielzão”, teremos apenas 30 vagas, diante das 500 exigidas.

Não há no projeto nada que fale sobre heliporto, embora possa se encontrar, talvez, algum que fique nas proximidades da Arena da BRL TRust.

Muitas das exigências parecem ser realmente exageradas, mas foram aceitas e assinadas pelos dirigentes corinthianos, que tem a obrigação de cumprir o compromisso ou tentar convencer a FIFA de amenizar suas cobranças.

Sobre o site que denuncia corrupção do Futsal, com orientação de um dos indiciados pelo MPF

março 29, 2014

7390b-fotohideraldocomprefanapolis

Publicamos, anteontem, que o site “Futsal, Melhorias Já”, aberto recentemente sob pretexto de denunciar corrupção na modalidade, na verdade, tem como mentor intelectual um dos denunciados, o ex-dirigente da CBFS, Hideraldo Jorge Santana Martins, inimigo político doutro indiciado, o atual presidente da entidade, Aécio Borba.

https://blogdopaulinho.wordpress.com/2014/03/27/investigado-esta-por-tras-de-blog-que-denuncia-corrupcao-no-futsal/

O objetivo, claríssimo no teor das postagens, é limpar a barra do primeiro, jogando toda a culpa no atual mandatário da CBFS.

Em resposta, o referido site declarou não ter vinculo com qualquer funcionário ou ex-funcionário da CBFS, tendo como objetivo buscar mudanças e melhorias para o Futsal.

Hideraldo Jorge Santana Martins nunca foi empregado, realmente, da CBFS.

Era bem mais do que simples funcionário, ocupando os cargos de Diretor Administrativo em 2005, sendo, posteriormente, eleito Vice-Presidente Administrativo.

Ou seja, a verdade sendo utilizada para ocultar e distorcer.

Aproveitando que o site “Futsal, Melhorias Já” se deu ao trabalho de responder a matéria do Blog do Paulinho, há outras questões que poderiam, talvez, ser esclarecidas:

– O movimento reclama da falta de transparência na utilização de recursos, má gestão, etc. Porém estranhamente não faz menção a nenhuma das denúncias que envolvem o Ex-Vice Presidente Hideraldo Jorge Santana Martins. Hideraldo é o grande responsável pela penúria financeira que passa atualmente a CBFS. Um dos motivos é o processo que a sua empresa Poly Promoções e Eventos moveu contra a CBFS. O dinheiro que a CBFS usou para pagar Hideraldo saiu da verba de patrocínio dos Correios. Nos autos do processo por várias vezes as duas partes – Poly e CBFS condicionam e vinculam o pagamento da ação ao repasse da verba dos Correios. Caso esse Blog assuma o compromisso de divulgar podemos fornecer cópia do processo na íntegra.

– Hideraldo e Aécio de Borba estão sendo formalmente acusados pelo Ministério Público Federal do Estado de Goiás por fraude em licitação. O evento em questão é o Mundial de Futsal onde a CBFS recebeu 25 milhões do Ministério dos Esportes. Aécio responde na esfera civil e Hideraldo juntamente com a sua filha Veronica na esfera civil e criminal. Este Blog também estaria disposto a divulgar este processo?

 Existe uma entidade formal ou informal denominada bomsensofutsalclube como faz parecer o blog?

– Quem compõe este movimento e quem são seus líderes? O movimento é formado apenas pelos jogadores e ex-jogadores?

– Quem mantém o blog com as suas postagens? É uma empresa, uma pessoa ou um grupo de pessoas que postam as matérias/denúncias? 

Prefeito de Itajobi e “espertalhão” de Sorocaba vendem jogo dos Masters do São Paulo sem consentimento do clube

março 29, 2014

callota

A empresa Athlon Esportes e Eventos Ltda – ME, que se vende como Escolinha Oficial do São Paulo, tendo entre seus professores o árbitro Guilherme Ceretta de Lima, vendeu uma partida da equipe Masters do São Paulo, sem consentimento do clube.

O jogo será disputado em 05 de abril de 2014, às 17 horas.

Contou com a ajuda do contratante, o Prefeito de Itajobi – local do espetáculo – Gilberto Roza, que assinou o contrato no último dia 21 de março.

R$ 9,2 mil.

O proprietário da Athlon, Carlos Alberto Callota, é conhecido da Receita Federal, e, por ordem dela, está com os bens pessoais, e também da empresa, bloqueados por uma dívida de R$ 15 milhões.

O que torna, por sinal, ainda mais duvidosa a ação do Prefeito local.

Evidentemente, parte alguma do dinheiro será levado aos cofres do São Paulo Futebol Clube.

Prefeitura contrata peça teatral que faz homenagem ao Corinthians

março 29, 2014

corinthians teatro

A Prefeitura de São Paulo contratou o produtor Fabio Resende, e demais integrantes do grupo “Brava Companhia”, para encenar a peça “Corinthians, meu amor !”, na Sala Adoniran Barbosa, no Centro Cultural de São Paulo.

Os espetáculos serão apresentados entre os dias 03 e 06 de abril, às 21 h., e 07 de abril, às 20h.

O valor a ser desembolsado pelo Município será de R$ 16,5 mil para o grupo, em parcela única, e R$ 3,5 mil para pagamento de INSS e outras questões previstas pela legislação, perfazendo o montante total de R$ 20 mil.

“Corinthians, meu amor”, originalmente escrita por Idibal Piveta (César Vieira) em 1966, tem como enredo a vida na capital paulista que gira, toda ela, e em todos os setores, ao redor do Sport Club Corinthians Paulista e dos trabalhadores e trabalhadoras torcedores do, então, “time do povo”.

Brasil merece passar pelo vexame do “hino da Copa”

março 29, 2014

alexandre pires

O país que exalta a malandragem (no pior sentido da avaliação), que vota nos que “roubam mas fazem”, e, as vezes, nem fazem, que se junta para pagar multa de mensaleiro condenado, e trata “cantores” de funk, rap, etc., que estimulam a marginalidade, como “músicos”, merece passar pelo vexame inevitável da abertura do Mundial.

Dar um Jeito” (“We Can Find a Way”), a canção que servirá de ponta-pé inicial para o torneio, tem em sua letra a admiração pelos “espertalhões”, ensinando que o “jeitinho brasileiro”, exaltado até por ministros da República, é uma maneira adequada de se viver.

Tomara não contamine outras culturas.

Para piorar, enquanto a Itália abriu o seu Mundial, em 1990, com os três tenores, e a Rússia, recentemente, com a espetacular Anna Netrebko, o Brasil será representado pelo pagodeiro Alexandre Pires, em franca decadência, musicalmente, uma nulidade.

Perfeito, porém, para divertir o sorriso de Ronaldos, Bebetos e semelhantes, fazendo, ainda, a festa das empreiteiras, cartolas e clubes beneficiados pela derrama de dinheiro público da “Copa das Copas”, a crônica do roubo anunciado, e mal executado.


%d blogueiros gostam disto: