Advertisements
Anúncios

A volta de Felipão ao Palmeiras

O retorno de Luis Felipe Scolari, o Felipão, ao Palmeiras, anunciado ontem, aconteceu porque o treinador, de fato, abriu mão de projetos pessoais para retornar ao clube.

Recusou proposta da Seleção do Egito e não deu sequência à negociações com a Coréia do Sul.

Até as 10h de ontem, horário em que o Blog do Paulinho entrou em contato com a assessoria do treinador, a resposta foi a de que Felipão ainda não havia sido contatado por dirigentes palestrinos.

Evidentemente, até por conta desse contexto, não se trata de um investimento barato.

Felipão vem de grande trabalho no Guangzhou Evergrande, da China, período em que conquistou o Tri-Campeonato local, além da Liga dos Campões da Ásia, classificando-se para o Mundial de clubes da FIFA, torneio em que terminou na quarta-colocação.

No Palmeiras, sua história é marcada pela grande conquista da Libertadores, mas também por uma segunda passagem complicada, em que saiu do clube antes do rebaixamento no Brasileirão.

O grande desafio de Scolari será impor-se, sem atritos, diante dum diretor de futebol “dinheirista” e uma patrocinadora/conselheira/candidata a presidente/madame intervencionista e adepta de exposição em redes sociais.

Convenhamos, uma tarefa nada fácil.

Dentro de campo, Felipão possui experiência suficiente para motivar um grupo formado por jogadores de razoável nível, e coragem para enquadrar Dudu, que, com ele, provavelmente, em mantendo a atitude rotineira, frequentará algumas vezes o banco de reservas.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: