Advertisements

Ex-financeiro do Corinthians auditou, novamente, contas da BRL Trust, gestora do estádio de Itaquera

Raul Corrêa da Silva, ex-vice de Finanças do Corinthians, realmente se deu bem com os negócios paralelos à construção do estádio de Itaquera.

As duas principais empresas envolvidas, Odebrecht e BRL TRust, fecharam contrato de auditoria e contabilidade com a BDO/RCS, de sua propriedade.

Se a primeira, dizem, rendeu algo em torno de R$ 5 milhões ao ex-dirigente alvinegro (valores muito acima dos praticados no mercado), a segunda não deve pagar pouco pelo serviço, que, desde o início da gestão da Arena – de sua responsabilidade, passou a executar com Raul.

Publicado ontem, o balanço da BRL novamente foi auditado pela BDO, assinado, no último dia 18, pelos contadores Paulo Sergio Barbosa e David Elias Fernando Marinho.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: