Advertisements
Anúncios

Neymar e sua declaração mais infeliz

Malaquias, Neymar e Wagner Ribeiro

Assim que despontou para o futebol, Neymar concedeu entrevista ao “Estadão”, em que, sem a ajuda de assessores, disse besteiras homéricas, entre elas, a de que não se considera “negro”.

O tempo passou e, acertadamente, o craque foi orientado a falar apenas sobre o que não tem importância, sempre com sorriso no rosto, para disfarçar, ainda assim, qualquer equívoco ocasionado por sua clara limitação intelectual.

O aspecto “molecão” trouxe o torcedor mais próximo de quem encantava o mundo com seu jogo “menino”, atrevido.

Até que estourou o escândalo de sua negociação com o Barcelona, em que Santos e DIS foram diretamente lesados, e seu pai, também denominado Neymar, claramente beneficiado.

A grande questão é saber até que ponto Neymar – o jogador – estava ciente na operação, que lhe gerou lucros evidentes, tudo indica, à margem da legalidade.

Daí, mesmo com auxílio de assessores, Neymar decidiu emitir uma Nota Oficial, via rede social, séria, em defesa de seu pai.

Entre obviedades emotivas, surgiu uma pérola, da qual o jogador se arrependerá – se ainda não o fez – brevemente:

“‘Daria a vida do meu único filho por você”, disse referindo-se ao pai.

É evidente que não daria, e, também, que o exagero foi proporcionado pela absoluta falta de habilidade do atleta com a lingua portuguesa.

Na mesma mensagem, Neymar diz que foi “ajudado” por algumas pessoas a escrever, o que até demonstra humildade, mas, também, que o atleta está cercado por imbecis, que permitiram a publicação, nos termos referidos.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

19 comentários sobre “Neymar e sua declaração mais infeliz

  1. Ué, o rapaz não disse nada demais. Afinal de contas, não basta considerar-se negro para ter direito às cotas? Por que ele não pode considerar-se não-negro?

  2. o neymar até pode ser considerado negro, mas o racista brasileiro não conhece negro ele conhece preto, o neymar nunca vai sofrer racismo no brasil.

  3. e esse é o novo ídolo brasileiro…. daqui uns anos, o Ronaldo vai parecer um herói culto, íntegro e exemplar, quando comparado ao Neymar.

    como sempre ocorre no Brasil, o nível só desce…. desce…. desce….

  4. Não vejo problema de linguagem. Ele daria a vida do próprio filho pelo pai. Talvez, na Bíblia exista um episódio parecido em que Deus ordena a Abraão que sacrifique seu filho Isaac em nome de Deus, seu “pai” criador. Abraão iria concluir a ação, mas deus disse, no final, que era apenas uma “pegadinha do malandro”. Antes de ser um erro de língua portuguesa, o que por si já é uma abstração, é uma clara referência ao episódio bíblico, para ilustrar o amor que tem a seu pai.

  5. Neymar tem que devolver a grana do Santos e parar de nhenhenhem, e o pai dele tem que tomar um processo no lombo por acobertar essa falcatrua dos presidentes do Santos e Barcelona e seus empresarios, fizeram uma panela e lesaram os clubes.

  6. A VIDA É ASSIM …ENQUANTO UM DA A VIDA DO PAI…OUTRO DA BEIJINHO EM HOMEM…OUTRO SAI COM TREIS TRAVECOS….E ASSIM POR DIANTE.

  7. Neymar será mais um bobalhão q qdo encerrar a carreira, andará de braços dados com o poder. Assim como o Pelé, Bebeto, Ronaldo Traveco e Cafu

  8. O Neymar estava querendo expressar o amor que ele sentia pelo pai, pois foi uma maneira de falar o quanto o pai era importante para a vida e a carreira dele, muitas podem até interpretando outras formas.

  9. O Neymar estava querendo expressar o amor que ele sentia pelo pai, pois foi uma maneira de falar o quanto o pai era importante para a vida e a carreira dele, muitas pessoas podem até ter interpretando de outras formas.

  10. Não vi nenhum deslize de português que justifique o absurdo da declaração. O inverso seria até aceitável (dar a vida do pai pelo filho), pois a ordem natural das coisas é que os mais os velhos vão primeiro. Qualquer um que seja pai de verdade e também filho sabe que, se fosse absolutamente necessário optar, salvaria o filho. Mas filhos oriundos de relacionamentos passageiros não geram amor suficiente, e quantas vezes deve ter passado pela cabeça desse monstro algo do tipo “minha vida seria melhor sem essa criança”.

  11. Paulinho o Neymar deve ser um menino gente boa, o problema é que ele deve estar rodeado de pessoas que só estão ao seu lado pelo dinheiro, infelizmente quando ele disse que não era negro foi um absurdo, e também quando disse que daria a vida do filho ele deveria dizer que daria sua vida pelo pai(ficou algo extremamente absurdo o que ele disse), espero que ele repense o que ele disse porque querendo ou não ele disse que trocaria o filho pelo pai, imagino que o filho dele quando crescer não vai gostar de ouvir isso.

  12. Tenho pena é do Davi Luca quando crescer e ouvir falar sobre este episódio bizarro. Neymar Jr é tão egoísta que não se sacrificaria, mas daria o filho em holocausto, e tem gente que cita a bíblia para defender a mancada do Neymar. Surge um novo Pelé com suas pérolas de ignorância.

  13. Neymar daria a vida de seu filho por um Trapasseiro Sem Vergonha como seu pai? kkkkkk conta outro, pura emotividade só.
    Mas o pai dele não merece nem perto disso.
    E Viva o Caixa2 do Neymar Pai, afinal e o tal Iate de 20 milhões de reais, tá alugado ou também estava na negociação? kkk
    Brasil: País da piada pronta

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: