Advertisements

A gratidão de Rogério Ceni

Recentemente, Rogério Ceni, no ímpeto de pular etapas em sua nova vida profissional, errou ao aceitar iniciar a carreira de treinador num São Paulo de uma diretoria que somente desejava sugar-lhe o prestígio, para fins políticos, e ao trocar seu vitorioso trabalho no Fortaleza para a ‘barca furada’ do Cruzeiro.

Parece ter aprendido a lição.

Há alguns dias, rejeitou proposta do Athlético/PR, financeiramente mais vantajosa, para permanecer no Fortaleza, clube que lhe reabriu as portas, recentemente.

Mas não fez apenas isso.

Ceni, que para renovar contrato com o cearenses exigiu a reforma do CT, doou R$ 100 mil do próprio bolso, de R$ 400 mil necessários para finalização do projeto.

Demonstração absoluta de gratidão.

Estudioso do futebol, se souber esperar a oportunidade correta de dar novos passos, Ceni poderá, como treinador, alcançar objetivos, se não tão expressivos quanto os da carreira que elevou-o a ‘Mito’ de uma torcida, ainda assim relevantes.

Advertisements

Facebook Comments

2 comentários em “A gratidão de Rogério Ceni”

  1. Ah como o blogueiro é fã do Rogério Ceni. Segundo ele, o R9, o Ronaldo não é “fenômeno”. Mas para ele, o Rogério como o próprio jornalista escrevi por aqui, é “mito”

  2. Ah como o blogueiro é fã do Rogério Ceni. Segundo ele, o R9, o Ronaldo não é “fenômeno”. Mas para ele, o Rogério como o próprio jornalista escrevi por aqui, é “mito”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: