Anúncios

Ordem de Andres Sanches é deixar “totó” brincar no parquinho

Em contrariedade ao desejo de correligionários importantes de seu grupo, como Mané da Carne e André Negão, o presidente do Corinthians, Andres Sanches, por questões políticas, empossou como diretor “adjunto” de futebol, o médico Jorge Kalil, tratado no Parque São Jorge como “totó”, apelido fornecido pelo empresário Paulo Garcia.

Anos atrás, flagrado em escutas da Polícia Federal no caso MSI, o próprio Kalil admitiu ser “laranja” de Carla Dualib, neta do então presidente, no marketing alvinegro.

A situação parece se repetir.

Andres Sanches ordenou ao diretor principal da pasta, Duílio “do Bingo”, que as funções de Kalil serão institucionais, ou seja, falar com a imprensa, comparecer em reuniões de federações, etc, mas que, em hipótese alguma, deverá influenciar em decisões do departamento.

Em resumo: “Totó” está liberado para brincar no parquinho, mas não poderá se juntar à mesa com a família no horário das refeições.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: