Ex-Diretor de Marketing do São Paulo, demitido por corrupção, deu calote em casino de Las Vegas

Demitido por justa causa do São Paulo, acusado de corrupção após supostamente desviar quantia próxima a R$ 8 milhões em vendas de camarotes do Morumbi, o ex-diretor de marketing Alan Cimerman não deu calote apenas nos fornecedores da Copa do Mundo 2014, conforme revelou o Blog do Paulinho, mas também num casino de Las Vegas.

São Paulo: a demissão de Alan Cimerman

Desde julho de 2016, o Wynn Las Vegas Llc tenta receber do dirigente a quantia de US$ 125 mil, em ação nº  1071773-26.2016.8.26.0100 que tramita na 16ª Vara Civil, no Foro João Mandes.

Cimerman assinou, inclusive, em 30 de janeiro de 2015, Nota Promissória para conseguir sair dos EUA e retornar ao Brasil, mas depois não honrou a obrigação.

O ex-dirigente Tricolor era parceiro de jogatina de V(W)anderlei(y) Luxemburgo no mesmo casino, outro que só pagou sua dívida após ser interpelado na justiça brasileira, conforme revelado, também, por nosso espaço:

V(W)anderlei(y) Luxemburgo emite seis cheques para pagar divida de R$ 428,6 mil com Cassino Wynn de Las Vegas

V(W)anderlei(y) Luxemburgo quita dívida com Cassino de Las Vegas

Não é por acaso, entre presidentes e diretores, recentemente, expulsos do clube por corrupção, que o São Paulo está, há quase uma década, em situação desportiva e administrativa tão deplorável.

Confira abaixo a inicial da ação promovida pelo Wynn Las Vegas Llc contra Alan Cimerman, que é defendido, no caso da demissão do Tricolor, por membro da Comissão de Ética do Corinthians, Daniel Bialski, que, apesar disso, advoga para Andres Sanches e sua curriola:

Wynn Las Vegas Llc vs. Alan Cimerman

Nos links a seguir, casos em que Bialski defendeu dirigentes do Corinthians:

Habeas Corpus que beneficiou Roberto de Andrade foi impetrado por membro da Comissão de Ética do Corinthians

Escândalo da base: Mané da Carne será julgado por seu próprio advogado no Corinthians

Dirigentes do Corinthians respondem a três novos inquéritos sobre crimes fiscais no STF

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.