Anúncios

“Nois si Basta”… Andres Sanches, SPR (Poá Textil) e Luis Paulo Rosenberg

Em destaque: Agachados, Andres Sanches e Luis Paulo Rosenberg; em pé, Watanabe e Caio Campos

Desde os tempos em que ainda nomeava-se, na Junta Comercial de São Paulo, como Poá Têxtil, a atual SPR (foi obrigada a mudar de nome após revelações do Blog do Paulinho) era tratada como empresa de propriedade oculta de Luis Paulo Rosenberg, então diretor de marketing do Corinthians, e do presidente à época, Andres Sanches (após este ter aplicado suposto golpe em seu próprio tio, de nome Zé Maria, quando o empreendimento tratava-se ainda de modesta confecção no bairro do Brás).

De um “fundo de quintal” a Poá (SPR) transformou-se em potência graças a um acordo de gestão da marca “Corinthians”, em que era, além de distribuidora, franqueadora das lojas “Poderoso Timão”.

Rosenberg e Andres sempre negaram qualquer envolvimento.

Estranhas “coincidências”, porém, levam a crer que o que antes era apenas sabido, mas difícil se ser comprovado, começa a ficar cada vez mais escancarado.

O leitor deste blog foi informado que Caio Campos, braço direito de Rosenberg no Corinthians, deixou o clube para tornar-se CEO da SPR, ou seja, cargo de confiança, evidentemente, dos proprietários.

Mas não foi apenas ele.

Boa parte da turma que trabalhou com Rosenberg no Corinthians e que, sabia-se, tocavam, informalmente, de dentro do clube, as operações da Poá (SPR), foram contratados pela empresa.

Depois de Caio Campos o nome mais relevante do marketing alvinegro era Alex Watanabe, que está, desde 2015, em nova “coincidência”, ocupando o cargo de “Gerente de Marketing” da SPR Sports, departamento de franquias esportivas da confecção.

Em ato falho, talvez, Watanabe, dois dias atrás, publicou em seu Likedin (rede social empresarial), registro fotográfico de toda a turma da SPR, em que aparecem ex-funcionários do Corinthians, o CEO Caio Campos, além de Luis Paulo Rosenberg e Andres Sanches, proprietários ocultos que negam ligação com a empresa.

Todos trajando a camisa com inscrição “Nois si Basta”.

Watanabe, ao comentar a fotografia, escreveu:

“Nois si basta”! Era pra ser uma campanha. Não saiu do campo das ideias, ainda bem! Se tornou apenas uma grande amizade que extrapolou a porta do escritório. Sempre brinquei na sala que companheiros de trabalho são apenas colegas e não amigos mas o que é a vida sem suas contradições, não? Não são 10 anos de trabalhos juntos mas sim, juntos!”

De tão auto-explicativas, as palavras, claras, que tratam a todos como “companheiros de trabalho” e a foto demonstrando quem são as pessoas, dispensam aprofundamento maior de análise, que encerra-se por aqui diante de tamanha obviedade.

POSTAGENS DE WATANABE NO LIKEDIN

ENTRE OS QUE “CURTIRAM” A POSTAGEM ESTÃO DUAS PERSONALIDADES DO CORINTHIANS: PAULO GARCIA, DONO DA KALUNGA, E GLAUCIA OLIVEIRA, FUNCIONÁRIA DO MARKETING ALVINEGRO

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: