Anúncios

Vice do Corinthians se apressou, lançou candidatura, mas “comeu cru”

Logo após a divulgação da lista de investigados pelo gabinete do Ministro Edson Fachin, do STF, acusados de serem portadores de “vantagens” indevidas da Odebrecht, muita gente estranhou a não indicação de alguns nomes, citados, anteriormente, em delação.

Apressados, o deputado federal Andres Sanches (PT) e seu assessor parlamentar, o vice-presidente do Corinthians, André Negão (ambos delatados por executivos da construtora), comemoraram publicamente o que consideraram: “ufa!, escapamos!”.

Erro primário para quem, evidentemente, tem ciência sobre os próprios atos cometidos.

Sanches publicou texto risível, no instagram, dizendo “eu disse que não havia corrupção na construção do estádio”, culpando a imprensa por, supostamente, difamá-lo.

Pior fez André Negão, que enviou mensagens para o Blog do Paulinho, quase gritando “Chupa!”, para, em sequencia, como se fosse uma “fenix” renascida das cinzas, lançar, através de vídeo, sua candidatura à presidência do Corinthians, com frases de efeito, “vamos pra cima”; “agora é nóis (sic)”, “ALO Presidente”, etc.

Diz o ditado popular que os “apressados comem cru”.

Pois é: horas depois, a Odebrecht, por intermédio do delator BJ (que assistia a jogos no Camarote de Andres Sanches em Itaquera), indicou uma planilha em que, somente pelas mãos deste executivo (ou seja, há outros pagamentos ainda sendo investigados), o ex-presidente do Corinthians é apontado como tendo recebido R$ 3 milhões da construtora, dinheiro repassado, em espécie, para seu braço direito, André Negão, identificado pelo apelido “Timão”.

ATUALIZAÇÃO: em clara demonstração de destempero, André Negão acaba de soltar vídeo ameaçando os dissidentes da chapa “Renovação e Transparência”, fugindo do discurso “engraçadinho” e de “paz e amor” de antes das delações da Odebrecht.

Confira abaixo o constrangedor vídeo de desabafo e lançamento de candidatura de André Negão:

André Negão ameaça dissidentes da chapa Renovação e Transparência

Anúncios

Uma resposta to “Vice do Corinthians se apressou, lançou candidatura, mas “comeu cru””

  1. Bruno de Melo Says:

    Alem de ser um assassino da língua portuguesa, um tosco é burro, cidadão demonstra gostar de um pãozinho branco.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: