Advertisements
Anúncios

Dinheiro ou honra ? Edu Gaspar não pensou duas vezes e vai trabalhar com Mano Menezes

edu e roberto

No dia 18 de outubro, enquanto a imprensa de todo o país publicava que o gerente de futebol Edu Gaspar – desafeto de Mano Menezes – sairia do clube assim que o treinador pisasse no Parque São jorge, bancamos informação diferente:

“Por outra fonte, soubemos que o gerente de futebol Edu Gaspar, vem pedindo a cabeça do treinador (Tite) para a diretoria, descontente que está com a impossibilidade de articular alguns “negócios” no departamento, tarefa que será retomada com o retorno da trupe do empresário Carlos Leite ao clube.

Informações dão conta de que Gaspar seria olhos, ouvidos, boca, garoto de recados, mão de obra e, por vezes. até bolso de Andres Sanches no futebol alvinegro.”

http://blogdopaulinho.wordpress.com/2013/10/18/tite-foi-traido-por-jogadores-e-dirigentes-e-nao-continuara-no-corinthians-em-2014-mano-menezes-estaria-contratado/

Recebemos ligações de conselheiros do Corinthians dizendo que embarcamos numa furada, e que Edu teria que ser muito “sem vergonha” – palavras de um dos conselheiros – para trabalhar novamente com o treinador que tanto hostilizou nas alamedas do Parque São Jorge.

Na FOLHA de hoje, ao ver uma de suas informações – anteriormente questionada – se confirmar exatamente como havia publicado (a possibilidade do cancelamento, à época, da Copa das Confederações), o jornalista Juca Kfouri desabafou, e disse que “nada como um dia depois do outro para quem busca o bom jornalismo”.

A expressão “o tempo premia”, dá título a sua coluna.

Trecho do texto dia ainda: “o exercício do jornalismo muitas vezes se parece com o do equilibrista e que não é incomum alguém passar uma informação hoje e desmenti-la amanhã.”, e também: “Estamos acostumados aos desmentidos mais cínicos (…) Ossos do ofício, enfim.”

Tudo isso colocado para informar que Edu Gaspar se acertou com o Corinthians – e com Carlos Leite – para continuar no cargo de Gerente de Futebol do Corinthians em 2014, exatamente como nos fora informado, meses atrás.

Logo na sequencia, notinhas nas principais publicações do país, simultaneamente, exaltam o trabalho do dirigente, tratando-o com o revolucionários nos métodos, principal responsável pelo sucesso do futebol alvinegro.

Nada é falado sobre Tite, muito menos da desastrosa montagem do elenco, neste ano que está por finalizar.

Assim como as “fugas” dos outros dirigentes do futebol alvinegro, a de Roberto “da Nova” Andrade para se candidatar a presidência, evitando, assim, colar nos maus resultados da equipe, e a de Duílio do “Bingo”, com doença que não ataca nas madrugadas, serão tratadas com palavras mais amenas possíveis, nunca relacionadas a covardia.

Edu e Mano Menezes ?

Daqui alguns meses, ninguém se lembrará – se  o negócios caminharem bem – que o próprio dirigente alvinegro, à época, jogador, dizia não ser escalado pelo então treinador porque estava fora do grupo de atletas sob as asas do empresário Carlos Leite.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: