Advertisements
Anúncios

Achar que “fez muito” é um dos problemas de Neymar

neymar_divulgac3a7c3a3o_kibon

Durante a semana, logo após a última partida do Santos pelo Paulistinha, o craque Neymar deu mostras não apenas de nervosismo por mais uma atuação aquém das expectativas, mas também de um dos motivos que podem estar ocasionando essa má fase.

A falta de motivação por já se achar com a missão cumprida no futebol brasileiro.

“Fiz muito por esse clube”, foi a reação do atleta após receber algumas vaias.

Na verdade, até pela idade que possui e o pouco tempo de carreira, Neymar sequer começou a escrever sua história no futebol mundial.

Pelo Santos, embora seja um jogador absolutamente diferenciado, não pode se esquecer da reciprocidade, ou seja, de que se dentro de campo em quase toda a parte do tempo se portou bem, fora dele, o clube lhe deu retaguarda suficiente para jogar futebol.

Sem contar a independência financeira, facilitada por um contrato que o beneficia bem mais do que ao próprio Peixe.

Quando um grande artista, seja ele jogador, pintor, cantor ou o que quer que seja, começa a acreditar que “fez muito” em sua carreira, invariavelmente se desmotiva e, se não tomar cuidado ou procurar novamente se estimular, acaba por jogar fora todo o trabalho e honrarias conquistados anteriormente.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: