Advertisements

Corinthians: torcida pede a cabeça de Rosenberg no Pacaembu

A reação do torcedor corinthiano, após as infelizes declarações do vice-presidente Luis Paulo Rosenberg, que fez gracejos com o nome do clube numa palestra, foi quase que imediata.

Ontem, no Pacaembu, apesar da ausência do dirigente, sua família sofreu com xingamentos ao dirigente, pedidos para que seja demitido, entre outras coisas.

“Rosenberg, vai se f…, o Corinthians não precisa de você…”, “Doutor, eu não me engano, o Rosenberg não é corinthiano”, “Rosenberg c… fora do Timão”, foram algumas das manifestações.

Coube à filha do dirigente a missão de tentar defende-lo.

“Meu pai deu um estádio para vocês…”, “Ele vai sair logo, e ai vocês vão ver”, disse, demonstrando compreensível nervosismo.

E foi a única, porque até dirigentes que se dizem aliados de Rosenberg, quando viram as manifestações, trataram de sair de fininho.

Alguns deles, nos bastidores, apoiavam claramente os torcedores, demonstrando que a situação do atual vice-presidente do Corinthians, no clube, se já não é insustentável, tornou-se realmente muito difícil.

Interessante também foi notar a preocupação dos profissionais da Globo, que transmitiam a partida pelo “pay-per-view”, de abafar o som dos protestos e nem sequer citar no ar que ele havia ocorrido.

Com relação à indignação popular, o termo mais citado como estopim da revolta, entre tantos, era o do dirigente ter desdenhado do poderio alvinegro para conquistar títulos internacionais, exaltando ainda os adversários Santos e São Paulo.

Há quem diga que neste momento o “coração tricolor” de Rosenberg falou mais alto do que a razão.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: