Advertisements

Chora Nefasto ! O Vasco voltou !

“O Clube de Regatas do Flamengo compartilha a alegria do Clube de Regatas Vasco da Gama pelo retorno à Série A do Campeonato Brasileiro. Embora disputando a Série B, o Vasco jamais deixou de pertencer à elite do futebol nacional. Esta conquista é mérito do empenho dos jogadores, comissão técnica, torcida e principalmente do grande trabalho desenvolvido pelo Presidente Roberto Dinamite à frente de sua diretoria.”

Rio de Janeiro, 7 de novembro de 2009

Marcio Baroukel de Souza Braga

Presidente

Após esta bela demonstração de espírito esportivo da diretoria do Flamengo não poderiamos deixar de saudar a brilhante volta por cima do Vasco da Gama.

Caiu pelas mãos do NEFASTO, e levantou-se sem pedir sua ajuda.

Roberto Dinamite, que tem realizado uma gestão aquém das expectativas, mas ainda muito superior a de Eurico, tem a missão agora de fazer o Vasco voltar a ser tão grande dentro de campo, como é fora dele.

Parabéns Vasco da Gama !

Quem ama o futebol sofreu com sua queda, mas vibrou com seu retorno.

Facebook Comments
Advertisements

20 comentários sobre “Chora Nefasto ! O Vasco voltou !

  1. Camisa/+/Negra

    “Roberto Dinamite, que tem realizado uma gestão aquém das expectativas, mas ainda muito superior a de Eurico, tem a missão agora de fazer o Vasco voltar a ser tão grande dentro de campo, como é fora dele.
    Parabéns Vasco da Gama !
    Quem ama o futebol sofreu com sua queda, mas vibrou com seu retorno.”

    Valeu demais Paulinho!!! É isso aí que vc escreveu, concordo inteiramente.
    Agora espero que a diretoria consiga montar um bom time para 2010, muito melhor que o desse ano, e que diminua a gravidade da caótica situação financeira do clube.
    Eurico NUNCA MAIS!
    Saudações Vascaínas!

  2. umlouco

    Parabéns pro Vascão pela volta a série A. Merecido e é péssimo passar um ano na série B.

    Além do Dinamite é importante ressaltar que ter o governador do estado como torcedor ajuda muito, inclusive na busca de patrocínios. Vide Eletrobras.

  3. Hugo - Corinthians

    A demonstração de cavalherismo de Márcio Braga é inédita e espero devolva um pouco de civilidade ao futebol.
    Parabéns ao Vasco! Espero a 1ª Divisão do ano que vem com mais clubes populares e menos clubes-empresas. Independente do estado a que pertençam.

  4. Camisa/+/Negra

    Esqueci de comentar a ótima atitude do Márcio Braga. Parabéns ao presidente do C. R. Flamengo, é isso aí mesmo, futebol não é guerra, não pode servir de desculpa pra pessoas se agredirem. Muito bacana o que ele escreveu.

  5. Thiago

    Gente, será que ninguém viu o jogo?
    O primeiro gol do Vasco foi um assalto.
    Assim até o Juventus da Rua Javari sobe pra primeira divisão.

  6. Baud

    Muito digna a atitude do Flamengo. Coisa de clube grande. Flamengo e Vasco são rivais, não inimigos.

    Parabéns ao Mengo e ao Vasco.

  7. timao

    vc gosta de ser justo então manda o dinamite pagar três meses de salario para os funcionarios do clube que enquanto os jogadores recebem alto salario aqueles com menor salario não estão recebendo.

  8. André

    “O grande trabalho desenvolvido pelo Presidente Roberto Dinamite à frente de sua diretoria.” a que se refere, o nefasto e o transitado em julgado ex-deputado é sua ajuda em destruir o Club de Regatas Vasco da Gama, seu patrimônio, seus esportes olímpicos, suas instalações, seus funcionários (que não recebem há três meses) e sua história. Ou o sr. ex-deputado não está feliz com a ida de TODOS os melhores remadores (atletas olímpicos) do Vasco para o flamengo?

    Patrocínio público, conseguido por força política, é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Demissão em massa sem pagar os direitos trabalhistas e mandar que recorram à justiça é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Não pagamento de acordos firmados para parcelamento das dívidas, fazendo voltar à estaca zero (e pior, a execução completa da dívida) é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Contrato para fornecimento de material esportivo de quinta categoria, mas com valores a receber de primeiro mundo, rompido meses depois é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Escola que antes era o orgulho, agora está com problema de falta de professores e merenda, com grande diminuição de alunos é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Complexo esportivo abandonado e mal-cuidado é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Destruir toda a estrutura de uma equipe de futebol no meio de um campeonato difícil como o Brasileiro, desmotivar o elenco, e contratar muito mal é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Empregar no clube parentes, afilhados e corregelionários políticos com salários acima da média é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Desmantelamento de várias equipes esportivas, e campeãs (inclusive), é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Folha salarial maior que vários clubes da primeira divisão, para uma equipe de segunda), é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Prêmio de R$1.200.000,00 para acesso à série A e salário de R$280.000,00 para o bom e esforçado técnico Dorival Júnior é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!

    Amigo, num campeonato fuleiro como essa da série B, a camisa do centenário Club de Regatas Vasco da Gama sobe sozinha!!!

    Por comentários achei que encontraria coisa melhor por aqui, mas para um discípulo do Kfuri, não poderia esperar nada melhor.

  9. André

    Retificando o post anterior

    Onde se lê “Ah, se você o outro presidente!!!”
    leia-se “Ah, se fosse o outro presidente!!!”

    Me desculpem

  10. Camisa/+/Negra

    “Patrocínio público, conseguido por força política, é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!”

    E olha quem fala de patrocínio público, Eurico Miranda colocou patrocínio da prefeitura do Rio, na cor laranja, na manga das camisas do Vasco.
    Patrocínio de Sociedade de Economia Mista é errado mesmo, mas o ex-deputado, expulso de Brasília pela torcida do Vasco, que o tirou nas urnas, se tivesse conseguido não iria reclamar não.

    “Demissão em massa sem pagar os direitos trabalhistas e mandar que recorram à justiça é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!
    Não pagamento de acordos firmados para parcelamento das dívidas, fazendo voltar à estaca zero (e pior, a execução completa da dívida) é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!
    Contrato para fornecimento de material esportivo de quinta categoria, mas com valores a receber de primeiro mundo, rompido meses depois é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!
    Escola que antes era o orgulho, agora está com problema de falta de professores e merenda, com grande diminuição de alunos é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!”

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Eu não li isso, é muito caradura. Entrevistem Janeth, Hélio Rubens, Fernanda Venturini, Manoel Tobias, e tanto outros, e perguntem se o Vasco pagava em dia.
    A dívida de 377 milhões foi feita em 95% do seu valor por Eurico Miranda. Vai enganar outro, pensa o quê???? Pensa que todo mundo é bobo????

    “Destruir toda a estrutura de uma equipe de futebol no meio de um campeonato difícil como o Brasileiro, desmotivar o elenco, e contratar muito mal é bom, né? Ah, se você o outro presidente”

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Estrutura de time de futebol?? Desmotivar o elenco??kkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Time do Vasco estava a 5 pontos da Zona de Rebaixamento, era início do campeonato, até o Náutico estava bem naquele momento, o time foi rebaixado com 80% das posições do time montado por Eurico Miranda.
    De 2001 a 2008, presidência do Eurico, o Vasco fez campeonatos ridículos, vergonhosos, nojentos. Vai enganar bobo….

    “Empregar no clube parentes, afilhados e corregelionários políticos com salários acima da média é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!”

    JÁ FOI CRITICACO POR TODOS, PELO PAULINHO, INCLUSIVE. ESSA É A DIFERENÇA “MEU CAMARADA”, QUEM QUER QUE O DINAMITE VÁ BEM, O CRITICA, COBRA AS “Ms” QUE ELE FAZ E SÃO MUITAS. JÁ QUEM DEFENDE EURICO MIRANDA NÃO CRITICA NADA, APOIA TUDO, FECHA OS OLHOS PRA QUALQUER COISA QUE ELE FAÇA. E EURICO NÃO EMPREGAVA NINGUÉM?????? TÁ BOM, TÁ BOM… OS DOIS SÃO PARECIDOS NISSO ENTÃO. IGUALMENTE RUINS.

    “Desmantelamento de várias equipes esportivas, e campeãs (inclusive), é bom, né? Ah, se você o outro presidente!!!”

    Correligionário de Eurico Miranda não tem moral pra falar de desmantelamento de nada. Nem merece resposta isso aqui.
    De um discípulo de Eurico Miranda não esperava nada melhor mesmo não.

  11. André

    Engraçado, né? Um “correligionário” de Eurico Miranda cheio de educação sendo respondido por “correligionário” do Roberto Dinamite cheio de gracinha, grito e falta de educação. O mundo está muito mudado.

    A Prefeitura do Rio de Janeiro iria colocar sua marca por causa do Pan-americano na camisa dos QUATRO clubes do Rio de Janeiro, é bem diferente, não acha? O contribuinte do município patrocinar os QUATRO clubes do município por uma causa momentânea, ao invés do contribuinte nacional patrocinar UM clube de UM dos seus mais de 5000 municípos. A questão é que os outros três clubes não conseguiram as certidões negativas (ou com efeito negativo) para receber patrocínio público.

    Eu iria reclamar do patrocínio mesmo que você feito pelo Eurico Miranda, por uma questão de honra aos meus princípios. Acho que você nunca criticou o patrocínio da Petrobrás para o flamengo por 25 anos, né?

    Amigo, eu não disse que o Vasco não devia. Explico melhor, as dívidas questionadas e perdidas em última instância na justiça estavam com acordos firmados de parcelamento, e sendo pagas, senão a execução da dívida seria imediata. É claro que entre os anos 2001 e 2005, o Vasco ficou devendo a muitos atletas, mas você como um cara que parece ser esclarecido, sabe que os trabalhadores (ou seus advogados, principalmente) quando vão à justiça pedem muitas vezes mais do que deveriam receber. Procure saber o que o Juninho Pernambucano e Fernanda Venturini (por exemplo) pediram à justiça.

    Você demitir todo o departamento de futebol, incluindo o médico, não é desmontar a estrutura? Você acha que os jogadores da base que cresceram com essas pessoas, ou os que estão acostumados com essas pessoas com quem convivem diariamente durante anos, não sentem o baque? Os jogadores ganham muito bem, têm o ego inflado, mas são seres humanos como todos nós.

    O novo presidente de uma empresa (é um bom exemplo para o sr. Sérgio Cabral Filho) chega e diz que sua equipe é fraca, mediocre (palavras dele), que não é a que vai continuar no ano seguinte, quando, segundo ele, as coisas serão muito melhores, praticamente um paraíso. É, cara, o presidente é um exemplo de motivação, poderia ministrar palestras e cursos, escrever livros de auto-ajuda. Ué, ele não era o novo presidente e não tinha um plano de contingência para contratações necessárias? Por que quê as suas contratações somente ocuparam 20% do time? Então contratou mal, não é?

    Mesmo sem patrocínio, com gravíssimos problemas financeiras, com ataques da imprensa, de CPIs do Futebol e da atuação da oposição (com ações na justiça, inclusive, tentando embarreirar tudo), nos últimos anos com a menor folha salarial entre os clubes da primeira divisão, e não caímos de divisão.

    2001 – Terminamos em 11º lugar (28 clubes), a frente de Palmeiras, Santos, Corinthians, Cruzeiro, Botafogo e Flamengo (citando somente os grandes). Fizemos o artilheiro do campeonato (Romário).

    2002 – Terminamos em 15º lugar (26 clubes), a frente de Palmeiras, Botafogo, Internacional e Flamengo. Esse campeonato foi mais complicado, apesar da grande atuação do Ramon (que carregava o time), mas não corremos tanto risco de queda.

    2003 – Terminamos em 17º lugar (24 clubes), a frente somente de Fluminense e Grêmio. Esse sim foi o pior dos anos, com mais riscos de queda, apesar da grande atuação do Marcelinho Carioca.

    2004 – Terminamos em 16º lugar (24 clubes), a frente de Flamengo, Atlético Mineiro, Botafogo e Grêmio. Complicado como o ano anterior. Quem carregava o time nesse ano era o Petkovic.

    2005 – Terminamos em 12º lugar (22 clubes), após um primeiro turno complicado, nos recuperamos no segundo e conseguimos a classificação à Sulamericana no lugar do São Paulo (que não poderia disputá-la). Mais uma vez fizemos o artilheiro do campeonato, Romário, com 39 anos e jogando praticamente só a metade do campeonato. Ficamos a frente somente do Flamengo e do Atlético-MG, e colocados ao São Paulo.

    2006 – Terminamos em 6º lugar (20 clubes), a dois pontos da Libertadores, por causa de um empate no último jogo. Ficamos a frente de muita gente, né? Nesse mesmo ano chegamos, pela primeira vez, à final da Copa do Brasil.

    2007 – Terminamos em 10º lugar (20 clubes), após passarmos 2/3 do campeonato na disputa pela Libertadores. Parece que um problema interno entre jogadores, entre comissão e jogadores, atrapalhou na reta final. Ficamos a frente de Internacional, Atlético-PR e Corinthians. O destaque era o Leandro Amaral.

    2008 – Essa você lembra, né?

    É claro que queremos sempre o melhor, sermos campeões, invictos, com o artilheiro, o goleiro menos vazado. As colocações foram modestas em função do tamanho do clube? Foram! Assim como todos os clubes já passaram por fases piores do que essas. Mas dentro do contexto vivido, conseguimos nos sair melhor do que o esperado e propagado pela imprensa e nossos adversários.

    Se você não me conhece, não me venha falar de moral. Apenas não sou da mesma opinião que você e expus a minha aqui, acredito que com respeiro e educação, é óbvio que as vezes a ironia pode surgir, mas nada que desabone a boa-educação.

    Se você quiser conversar civilizadamente, com contéudo, desprovido de conceitos alheios e formados pela coletividade, estou a disposição, pois não fujo de uma discussão saudável, mas nos termos que você colocou na sua resposta, aí sim, me permito me retirar.

    Um grande abraço cruzmaltino!

  12. André

    Retificando … O destaque em 2007 era primeiramente o Conca, depois vinha o Leandro Amaral

    Lembrando de outras coisas …

    Em 2004, o fiel escudeiro do Pet era o Moraes, mas depois que este fugiu para o Atlético-pr, o cara que mais ajudou o time foi o Róbson Luiz (que fez um excelente campeonato).

    No final de 2006, os caras que deram mais gás ao time foram Leandro Amaral e Jean.

    A memória está muito falha e vão aparecendo feixes que auxiliados pela internet me refrescam a mesma.

    Abraços cruzmaltinos!

  13. Camisa/+/Negra

    “Engraçado, né? Um “correligionário” de Eurico Miranda cheio de educação sendo respondido por “correligionário” do Roberto Dinamite cheio de gracinha, grito e falta de educação. O mundo está muito mudado.”

    André, vc tb foi irônico nas suas primeiras respostas. Reveja o que vc escreveu, vc ironizou inclusive o Paulinho. Não houve grito, a Caixa Alta, foi para destacar, não para gritar! Menos então, não disvirtue o debate, sofismar e tergiversar são artes prtaticadas com maestria pelos defensores do Eurico.
    E com “educação” muitas barbaridades já foram ditas, e na minha opinião é o vc fez ao defender Eurico Miranda. Dito isto agora lerei o que vc escreve e no que couber responderei numa próxima msg.

  14. Camisa/+/Negra

    “Eu iria reclamar do patrocínio mesmo que você feito pelo Eurico Miranda, por uma questão de honra aos meus princípios. Acho que você nunca criticou o patrocínio da Petrobrás para o flamengo por 25 anos, né?”

    Cara, cansei de reclamar e nunca nada foi feito contra. Falei que acho errado, vc está correto, não é pq agora bebeficia o nosso clube que acho legal. Está errado.
    Sobre o patrocínio da prefeitura é dinheiro público tb , cara.

    “Você demitir todo o departamento de futebol, incluindo o médico, não é desmontar a estrutura? Você acha que os jogadores da base que cresceram com essas pessoas, ou os que estão acostumados com essas pessoas com quem convivem diariamente durante anos, não sentem o baque? Os jogadores ganham muito bem, têm o ego inflado, mas são seres humanos como todos nós.”

    NUNCA disse que o Dinamite não errou, mas é minha opinião, o time cairia de qualquer jeito. MAS NÃO SOU DONO DA VERDADE. EU NÃO SOU CORRELIGIONÁRIO DELE, CARA. Não votaria no Dinamite, mas ele é melhor que o Eurico.

    “Por que quê as suas contratações somente ocuparam 20% do time? Então contratou mal, não é?

    O time, a base, é montada no início do ano, André, vc sabe disso. E esses 20% de contratações dele foram erradas, quando disse que Dinamite acertou?? Ele trouxe o Tita, cara…. É óbvio que está errado. Ele teve culpa tb, mas o principal culpado foi o Eurico.

    “Mesmo sem patrocínio, com gravíssimos problemas financeiras, com ataques da imprensa, de CPIs do Futebol e da atuação da oposição (com ações na justiça, inclusive, tentando embarreirar tudo), nos últimos anos com a menor folha salarial entre os clubes da primeira divisão, e não caímos de divisão. ”

    André, vc acha que isso tudo foi implicância da imprensa?? Pq o Vasco tem que se sacrificar e ter a menor folha salarial, como vc coloca, por causa de um homem????
    O Vasco teria que ter sempre altas folhas pra brigar por títulos. Cara, eu nem vou entrar em mérito de desonestidade do Eurico, cara, nem presico disso pra querer ele fora do Vasco. Analiso a Administração dele e foi péssima. Ele brigou com a imprensa e usava o clube como escudo. O Vasco nesses últimos anos foi sucateado, o clube vinha mal demais. E continua mal, mas agora eu tenho esperança.

    “Se você não me conhece, não me venha falar de moral. Apenas não sou da mesma opinião que você e expus a minha aqui, acredito que com respeiro e educação, é óbvio que as vezes a ironia pode surgir, mas nada que desabone a boa-educação.
    Se você quiser conversar civilizadamente, com contéudo, desprovido de conceitos alheios e formados pela coletividade, estou a disposição, pois não fujo de uma discussão saudável, mas nos termos que você colocou na sua resposta, aí sim, me permito me retirar.
    Um grande abraço cruzmaltino!”

    Quando digo que não tem “moral”, repare o contexo da frase e entenderá que não ataquei em nada vc. Falei moral pra cobrar “times desmontados”. Não tem nenhum ataque a sua pessoa. Mas não entendo como alguém pode defender o Eurico, acho inacreditável e inexplicável, só isso.

    “…com contéudo, desprovido de conceitos alheios e formados pela coletividade, estou a disposição, pois não fujo de uma discussão saudável, mas nos termos que você colocou na sua resposta, aí sim, me permito me retirar.”

    Conceitos alheios??André, vc acha que eu não tenho nível intelectual pra ter minha opinião?? Coletividade?? Quer dizer que vc me acha manipulado?? Não seria vc manipulado pelo Eurico, então??

    André, vc tem a sua opinião, se vc acha que fui mal educado, peço desculpas mesmo sem ter sido, NÃO FUI, IRONIAS SÃO NORMAIS EM DEBATES E JÁ PAREI COM ELES AGORA. SOU DA PAZ TOTAL. É que tenho opinião totalmente diversa da sua e me surpreendo com o que vc escreve.
    Mas isso André, Saudações Vascaínas.

  15. Camisa/+/Negra

    * “Não votaria no Dinamite”
    Pra Deputado Estadual, claro, pra presidente do Vasco votaria sim.

  16. André

    Amigo Camisa Negra, se você leu meu texto todo, com isenção, percebeu que o único destinatário ao meu deboche foi o autor da frase “O grande trabalho desenvolvido pelo Presidente Roberto Dinamite à frente de sua diretoria.”.

    Quanto à ironia, falei anteriormente, às vezes era aparece mesmo, e acho que não devemos nos melindrar com ela. Ironia é diferente de deboche, que é um desrespeito!!!!

    Como usuário da internet, você sabe que frases em caixa alta se referem a gritos, não sendo uma boa prática. Gargalhadas sobre opiniões denotam deboche, não acha?

    Por que quê você pode ser defensor do Carlos Roberto e eu não posso ser do Eurico Miranda? São pontos de vistas diferentes que devem ser respeitados. Não estou atacando ninguém por defender o Carlos Roberto, estou tentando discutir incoerências no discurso.

    Eu utilizo somente as minhas práticas, de discussão, de debate, de educação, de coerência, não preciso e não uso arte praticada por ninguém. Se eu quisesse desvirtuar o debate não entraria nele, somente estava mostrando sua forma de conduzir o assunto. Eu tenho a minha verdade em tudo na vida, a exponho e a defendo até que alguém me prove o contrário, não sou de falsear, iludir as pessoas, para parecer estar correto. Que eu me lembre não fugi de nenhum assunto, você é que não respondeu às minhas questões, até porque não era obrigado mesmo, e eu nem as direcionei para você, mas já que você entrou na discussão, não me venha falar em tergiversar.

    Uma barbaridade para você, pode não ser para outra pessoa. Uma coisa comum para você, pode ser uma barbaridade para outras. Me aponte uma barbaridade nas minhas colocações para debatermos.

    O grande problema é que quando se fala em Eurico Miranda, sobram xingamentos, impropérios, ódios cegos, e não se discute com calma, com isenção, com educação.

    Abraços cruzmaltinos!

  17. Camisa/+/Negra

    “Gargalhadas sobre opiniões denotam deboche, não acha?”

    Concordo. Pode tirá-las André, não foram apropriadas mesmo não. Quando sou infeliz e exagero, peço desculpas, tranquilidade total. Vamos vibrar com a volta do nosso Vasco, isso que importa. ERA OBRIGAÇÃO? Era, mas cumprir obrigação tb é bom rsrs.
    Saudações Vascaínas!!

  18. André

    Amigo Camisa Negra, o dinheiro público sendo usado para uma função justa (ajuda ao QUATRO clubes do município), atendendo ao anseio de 100% da população do município (tá bom dos torcedores. Na Copa do Mundo, todo é torcedor. Oh, ufanismo!). Você lembra que esse grupo falava que tinha credibilidade e teria uma fila de investidores na porta de São Januário? Cadê, essa fila? Só vemos um acordo político. Ou seja, os caras não tinham nenhum investidor/patrocinador e dependeram do ilibado e imaculado governador, que conseguiu uma mamata numa estatal, presidida por seu partido há anos. O que a Eletrobrás ganha com esse patrocínio? Vamos comprar mais energia com ela? Além do mais, ficaremos à mercê dos pagamentos em dia de impostos, coisa que NENHUM clube do país faz. Vai ser a mesma briga que o flamengo tinha. Você acha que os impostos estarão em dia? Quando que você acha que chegará a segunda parcela?

    Cara, SE meu pai fosse mulher, eu teria duas mães!!! Você e milhões acham que cairia, eu e milhões achávamos que não!!! Há vários anos, milhões e principalmente a imprensa achavam que cairíamos, e não foi o que aconteceu. Isso tudo é suposição. Mas você não acha que toda essa mudança e atitude foram prejudiciais? Você não reparou que vários jogadores tiveram queda de rendimento justamente nesse período?

    Eu também não sou corregilionário do Eurico Miranda, não o conheço pessoalmente, somente frequento o clube em eventos esportivos, era sócio-torcedor, recebi meu título de sócio-proprietário, porém por questões financeiras não pude continuar pagando. Você que começou a utilizar a palavra corregilionário.

    Se você vai assumir um clube falido, mal-administrado, com uma equipe medíocre, e tem uma fila de investidores na porta, o quê você faz? Se capitaliza, dá uma mexida no clube, se garante e depois corre atrás de resolver, não é? O cara não fez nada! Não injetou nenhum dinheiro! Deixou o barco correr frouxo! Parece que a visão era “Deixa afundar, mexamos com os brios da torcida e voltemos nos braços do povo”. Com TODOS os clubes grande que cairam aconteceu a mesma coisa, pois mexe com a paixão e o amor da torcida. A história de Fênix é utilizada por muito gente sem que percebamos.

    O que você chama de sucateado? O time ou o clube? Se for o clube, você tem ido lá ultimamente?

    Não acho que o Eurico Miranda seja um santo, mas também não é o demônio pintado por todos. Acredito que esteja no mesmo nível da grande maioria dos dirigentes brasileiros. Então por quê que somente nós somos penalizados? A diferença dele, para os semelhantes a ele, é que ele “peita”, enfrenta, não se acovarda, não come na mão da imprensa “vendida”.

    Vamos fazer um exercício. Você é o chefe da casa, é estúpido, às vezes grosseiro, tem cara de mal, faz o tipo gangster para impressionar e impor respeito na vizinhança, que é hostil a sua família desde que vocês se mudaram para ela. Com isso, você faz inimigos, que te atacam de todas as maneiras, mas de uma forma ou de outra, com ajuda de pouquíssimos amigos, você consegue manter sua casa, sua família. Deixa de ter luxo (ou tem uma vez ou outra), mas não falta comida. Aí, vários desses vizinhos, que te empurram para o fosso, até mesmo impedindo ações suas, querem sua casa e sua família. Eles querem que você abandone sua casa, para mostrar que estavam certos, que você assim está assumindo seus erros, que você acredita que não são tantos ou tão graves assim. O que você faria, hipoteticamente, é claro? Abandonaria tudo, à mercê de seus detratores, deixaria sua vida para trás e correria com o rabo entre as pernas? Ou lutaria até o fim, para mostrar que você estava certo, que poderia melhorar as coisas, mesmo sem a ajuda da vizinhança, mesmo passando necessidade hoje, mas vislumbrando melhora para o futuro?

    É óbvio que isso é uma história da carochinha, muito utilizada em livros de auto-ajuda, mas que mostra a essência do que cada um vê do seu lado, do seu ponto de vista.

    Ele brigou com a imprensa pelo clube. E a imprensa “ajudou” a quebrar o clube por ele. Acho que tem uma grande diferença.

    Você acha correto o patrocinador decider a utilização do dinheiro? Eu não acho!!! Quer ver um exemplo simples. Quer coisa mais humilhante e desrespeitosa do que um pedinte, mendigo, de verdade (não os fajutos), receber um trocado e ainda escutar sermão. “Não é para beber, não hein!”, “É para comer, hein!”. Isso é ricídulo, não quer dar, então não dê. Se deu, que o mendigo use da forma que ele quiser. Se estiver com fome, que coma. Se quiser beber (coisa que não gosto) para esquecer as armaguras da vida, que o faça. O problema é dele.

    Um dos nossos grandes problemas começou com isso, quando o Nations Bank começou a reclamar a utilização do dinheiro no esporte olímpico (que nos deu muitas alegrias, orgulho e visibilidade), ou seja, uma ingerência no clube, que não era, é ou será deles. Disso surgiu uma briga judicial, que impediu acordos com outros patrocinadores nos primeiros anos (2001 e 2002, se não me engano). Somada à briga com a Globo, que se não existesse, talvez não tivêssemos o quarto título nacional, seria mais um título paulistano. A Globo então não adiantou mais nenhum dinheiro, como faz com todos os clubes, inclusive o todo-poderoso São Paulo, e passou a cobrar os atrasados. Ou seja, não entrava dinheiro e ainda tinha que sair. Com isso, foram mais dívidas com atletas e profissinais de todos os esportes. Virou uma bola de neve. Porém com acordos judiciais e ajuda de terceiros, o clube foi se reequilibrando. A imprensa passou a pegar mais pesado com o Eurico e com o clube, afastando de vez os investidores, que como aves de rapina (é claro que o mercado é assim, oferta x procura), se aproveitavam oferecendo valores irrisórios. Quando estávamos retomando o caminho, com patrocínios ainda baixos, mas com tendência de melhoras, com salários baixos, mas em dia, com acertos judiciais sendo cumpridos (ainda tem muita ação sendo discutida na justiça. A discussão na maioria das vezes não é a dívida, mas sim os valores, coisa normal em qualquer ação), veio a ruptura no meio do caminho.

    Eu não disse que você não é capaz de ter conceitos próprios. Eu me referia aos interlocutores de um debate. Se NÓS, dois, quisermos debater “civilizadamente, com contéudo, desprovido de conceitos alheios e formados pela coletividade”, estou à disposição. Ou seja, as qualificações que coloquei eram para o debate, servem para os dois lados (inclusive, para mim), pois é óbvio que recebemos influências externas e temos que filtrá-las, processá-las e gerarmos nossas opiniões. Por isso, adoro um debate saudável, pois me faz ver meus erros, alterar meus conceitos e fortalecer e reforçar outros. Aí que está o crescimento pessoal, sem debate/discussão ficamos estagnados, somente com a visão de um lado.

    Eu acho que ironia, dentre de um limite, é normal e um traço interessante da personalidade, eu sou da paz em tempos de paz, e da guerra em tempos de guerra.

    Eu não me surpreendo com o que você escrevo, pois é a sua opinião, que é diferente da minha, eu posso questioná-la frontalmente, mas a respeito.

    Eu só não respeito quem xinga, grita, não aceita a opinião alheia, apela para glichês e chavões, encara como pessoal, afirma como verdade que as pessoas recebem dinheiro para defender o “indefensável” (na visão dele), e principalmente duvida da “vascainidade” do outro lado.

    Um grande abraço cruzmaltino.

    Aliviado e revivido com nosso retorno.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: