Advertisements
Blog do Paulinho

Sinuca de bico

 

Hernanes esteve no programa Cartão Verde, da TV Cultura.

Em um determinado momento Vladir Lemos e Vitor Birner fizeram perguntas e colocações a respeito do incidente entre Fabio Santos e Carlos Alberto.

O atleta não sabia como responder.

Assista abaixo.

 

Facebook Comments
Advertisements

5 comentários sobre “Sinuca de bico

  1. LLC

    Hahaha

    O melhor deste vídeo é o Denílson rachando do lado enquanto o Hernanes tenta falar alguma coisa!!
    Por dentro o Denílson devia estar dando graças a Deus à diretoria do SPFC de não ter o aceitado…

  2. Gilberto Minhoca

    O Cartão verde é um programa bom mas tem hora que leva uns tipos de jogadores que não diz nada com nada…

  3. Daniela

    O Hernanes tem tudo para ter uma carreira brilhante. Com certeza, deve estar estranhando a convivência com jogadores sem compromisso, responsabilidade, interesse, profissionalismo…
    Pelo que foi divulgado até agora, pode-se perguntar:
    Se o Carlos Alberto chegou atrasado, o que a diretoria já deveria estar mais do que acostumada, por que o grupo todo foi punido com uma concentração anecipada? Por que simplesmente não puniram só o jogador que cometeu indisciplina? Todos têm que receber uma punição por causa de um jogador? Por que não deixá-lo assumir sozinho a falta?
    Não justifica a reação do Fábio Santos com tanta violência, poque, afinal, não justifica tanto nervosismo e violência não leva ninguém a lugar nenhum. Se ele não concordava – e com razão – em ter que se concentrar antecipadamente por conta da indisciplina do colega, deveria ter ido diretamente ao treinador, ou ao capitão do time, expressar o seu descontentamento e não reagir daquela maneira, pois, se ele estava com a razão ao reclamar, não seria punido como foi.
    Houve erro ,sim, em colocar o time para concentrar por conta de um jogador que não tem disciplina, não deveriam ter feito isso, cada um tem que assumir os seus atos.
    Está mais do que evidente que o São Paulo não está conseguindo controlar a situação dentro do elenco, com esses jogadores problemáticos.
    Se o time cair nas competições que disputa, não chegar na final, tenho impressão que muita coisa vai acontecer.
    Não sei se aconteceu isso, mas deveria haver uma reunião entre a diretoria, o técnico e o capitão do time para que haja uma solução, ou pelo menos, que dos males aconteça o menor para todos.
    Continuo achando que o São Paulo deveria olhar com mais carinho para os jogadores da base. Não sou contra a vinda de reforços, é claro que todo time precisa, mas, se formos analisar, dos reforços que o São Paulo contratou do ano passado para cá, quantos efetivamente deram certo? Qual foi o custo/benefício?
    Se eu não estou enganada, o Jorge Wagner e o Borges foram os únicos que realmente vingaram, é muito pouco.
    Paulinho, gostaria de deixar bem claro que, quando reclamo do Muricy não é perseguição, estou buscando sempre analisar as coisas de forma profissional, com a razão e não com emoção de torcedora. Acho que o São Paulo atingiu uma estrutura que está à frente dos outros clubes e não deve se contentar somente com campeonatos domésticos, tem que buscar cada vez mais o melhor. Se o Boca ganhou tantas vezes a Libertadores, o São Paulo também pode chegar lá e, para isso, não pode perder tempo.
    Não tenho nada contra o Muricy, sei que é um cara honesto, trabalhador, é são-paulino, discípulo do mestre Telê, não é mascarado e nem gosta de se aparecer… Ele foi jogador do São Paulo, faz parte da história do clube, é confiável. Manteria, se fosse seu interesse, no clube, mas não como técnico. Nesse caso da antecipação da concentração, acho que ele errou , não teve jogo de cintura. Quando o problema é isolado, é preciso que se resolva de maneira isolada e não mexendo no grupo todo como ele fez, gerando toda essa confusão para depois ter que ficar apagando incêndio.
    Isso, somado a uma série de fatores, mostram que não é o técnico ideal para o São Paulo. Este ano ele chegou até a falar que o São Paulo podia trazer o Roger. A contratação do Carlos Alberto, embora tenha partido do Marco A. Cunha, foi avalizada por ele, sem contar o Fábio Santos.
    Agora vão ter que segurar o rojão até o meio do ano.
    Aguardemos, então, cenas dos próximos capítulos da novela tricolor com seus bad-boys.
    Abraço,
    Daniela

  4. olavo

    Só não sei o pq de tentar envolver um jogador do nível do Hernanes em cofusões alheias. E também não entendi direito o que quis dizer com este post. Maldade de quem vive na lama.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: