Advertisements

A manobra para aprovar as contas do Corinthians

Andres Sanches e Duílio “do Bingo” Monteiro alves

Existe uma movimentação, nos bastidores do Corinthians, sobre a estratégia a ser utilizada, pelos atuais gestores alvinegros, no objetivo de impedir a reprovação, até outro dia apontada como certa, das contas de 2019, período em que o clube foi presidido por Andres Sanches.

Vale lembrar que, em descumprimento de todas as leis vigentes, inclusive as corinthianas, apesar de estarmos na metade de março de 2021, os balanços de 2019 e 2020 ainda não foram apreciados.

O que se pretende, quando houver a reunião do Conselho Deliberativo, é que ambos os períodos sejam votados de maneira unificada, o que, em tese, daria vantagem aos gestores por conta da recente venda de atletas que amenizaram os prejuízos anteriores.

Porque, se votados separados, como seria correto, a reprovação de 2019 será mais difícil de reverter.

Andres Sanches, se não aprovadas as contas, estará inviabilizado para possível retorno, se assim desejasse, à presidência do Corinthians.

Resta saber quem, se colocada a votação nesses termos – da unificação de dois anos, terá a coragem de aderir a mais esse golpe contra a moralidade alvinegra.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: