Advertisements

Juanfran teria jogado com documentação irregular no São Paulo

Juanfran fala de briga com Neymar e compara Cristiano Ronaldo ao Fenômeno; veja - Internacional - iG

Por erro, em conjunto, do São Paulo e da CBF, o jogador Juanfran, desde agosto até dezembro de 2020, estaria jogando futebol amparado em documentação irregular.

O assunto é polêmico e da margem a interpretações diversas.

Vamos aos detalhes.

Em 14 de agosto de 2019, o Tricolor registrou contrato definitivo do atleta, com validade até 28 de fevereiro de 2021.

Quase um ano depois, o clube decidiu prorrogar o vínculo, tudo indica, até dezembro de 2021, mas equivocou-se ao protocolar a documentação na CBF.

Segundo o BID da Casa Bandida, em 12 de agosto de 2020, às 18h03m48s, Juanfran teve contrato, em vez de ampliado, diminuído, com final em 31 de dezembro de 2020.

A lambança somente foi corrigida quatro meses depois, em 29 de dezembro de 2020, às 18h42m14s, com a retirada da prorrogação do sistema e o retorno do contrato original, com término em 28 de fevereiro de 2021.

Para encobrir o fato, por conta do São Paulo estar disputando o Campeonato Brasileiro, tentando, evitar, talvez, a possibilidade de discussões jurídicas sobre possível escalação irregular, a CBF mentiu ao notificar a nova alteração como ‘publicada’ no BID do dia 30 de dezembro de 2020, às 13h15m36s, quando não houve expediente na entidade.

O Blog do Paulinho, agora pela manhã, reiterou a busca no sistema do Boletim Informativo, que revela a inexistência de documentações inseridas na data apontada:

Outro tentativa de encobrir o deslize é demonstrada na nova relação de contratos inseridos pelo São Paulo na CBF, em que foi suprimida a ‘prorrogação’ de Juan Fran, constando, porém, sequencialmente, dois contratos idênticos do atleta, com mesma data e horário de publicação.

Ouvido pelo Blog do Paulinho, especialista em direito desportivo, sob anonimato, opinou:

“Em tese, o jogador estava irregular, porque o BID da CBF, com informação equivocada, corrigida posteriormente, é soberano na liberação ou não dos atletas para a disputa dos campeonatos”

Não é a primeira vez que a CBF se vê envolvida em equívocos, manipulações de BIDs e demais documentações, conforme comprovam matérias anteriores deste Blog do Paulinho e também o relatório paralelo da CPI do Futebol, assinado pelo senador Romário.


ATUALIZAÇÃO: O BID de 30 de dezembro de Juanfran, até hoje pela manhã, não constava em nenhuma das buscas do site da CBF… agora surgiu quando a procura é efetuada sem o filtro por Estado… Porém, apesar de agora estar publicado, não explica os demais equívocos cometidos.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: