Advertisements

Duílio ‘do Bingo’ só faz obedecer desde que assumiu a presidência do Corinthians

Duílio ‘do Bingo’ Monteiro Alves, desde que assumiu a presidência do Corinthians, só faz obedecer, quando não aos desejos do padrinho Andres Sanches, ao de outros caciques do Timão.

A submissão é tamanha que sequer conseguiu, ainda, anunciar a composição total de sua diretoria.

Seu desejo, que para alguns está se tornando promessa não cumprida – principalmente aos pares da chapa ‘Preto no Branco’, formada em grande parte por gente do núcleo dos ‘Fora Dualib’ – de eliminar o poder de André Negão dentro do clube caiu por terra.

O presidente, em verdade, tomou um choque de realidade.

Negão, mesmo sem cargo, tem feito reuniões no prédio sede da diretoria, local em que, como se fosse ele o mandatário, tem definido as funções de seus comandados dentro do Parque São Jorge.

Além disso, o cartola acaba de ser eleito vice-presidente do Conselho Deliberativo e presidente da Comissão de Ética e Disciplina do clube.

Seja quem for o escolhido para o departamento social, terá que obedecer ao imortal Antonio Rachid, que se encosta em todas as diretorias desde a era Dualib.

Duílio teve que engoli-lo, assim como seu grupo, que antes demonizavam o dirigente.

Até mesmo na escolha do diretor jurídico, o cartola somente serviu de instrumento, orquestrado por seus superiores, para obstruir os discursos oposicionistas do empossado.

Cooptado, Herói Vicente tem prazo de validade na gestão.

O único espaço em que o presidente do Corinthians mantém alguma autonomia, desde que não deixe de favorecer seus aliados mais relevantes, entre os quais Andres Sanches, é no departamento de futebol profissional, em que escolheu o ‘parceiro’ Roberto Andrade, que, assim como ele, não possui emprego, é acusado em ações judiciais e necessita do que pode ser propiciado no setor para sobreviver.

Já no Sub-23, para pisar no local, Duílio tem que beijar o anel do bicheiro e pedir licença antes de abrir a boca.

Por conta de sua condição financeira deplorável, devedor que é de quase uma centena de milhões de reais (impostos, ações trabalhistas, etc), com bens e contas bloqueadas pela Justiça, o Corinthians é o último reduto encontrado pelo presidente para salvação dele e de sua família, razão pela qual ajoelha-se sem constrangimento, a quem necessitar, pouco se importando com a imagem que sobrará, ao final, de sua gestão.

Facebook Comments
Advertisements

Um comentário sobre “Duílio ‘do Bingo’ só faz obedecer desde que assumiu a presidência do Corinthians

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: