Advertisements

Casares, São Paulo e Record

O presidente do São Paulo, Julio Cesar Casares, acertou sua saída da Record, emissora pela qual ocupou Diretoria comercial por quase 18 anos.

Em tese, uma boa notícia, que permitirá ao novo mandatário tricolor dedicar-se, na integralidade, ao clube.

A explicar se os R$ 28 mil mensais do cargo, bem abaixo dos rendimentos que recebia na Record, serão suficientes para seu sustento pessoal.

Para um cidadão comum, o valor é uma fortuna, mas não a executivos que recebiam bem mais do que R$ 250 mil a cada 30 dias.

Pouco provável que Casares e seus familiares se deem por satisfeitos com a dilapidação de patrimônio pessoal durante o período de cartolagem na agremiação.

É obrigação do presidente esclarecer essa questão para que as coisas se mantenham transparentes, como prometido em campanha, evitando que lhe sejam imputados interesses outros no exercício de poder no São Paulo.


Em tempo: o Blog do Paulinho corrigiu a matéria, que, equivocadamente, tratava o cargo de presidente do São Paulo como não remunerado, sem, porém, modificar o sentido da dúvida, ainda pertinente pelo fato de expressiva queda de rendimentos do presidente tricolor

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: