Advertisements
Anúncios

Educação é coisa de ‘viado’

De O GLOBO

Por JOAQUIM FERREIRA DOS SANTOS

Eu estive de castigo nesta escola de que o novo ministro da educação faz a apologia, o ensino pela dor, e, ajoelhado no milho atrás da porta, eu testemunho que ela só serve para estimular a vontade de crescer rápido e tornar urgente a volta do cipó de aroeira no lombo de quem mandou dar.

O Brasil da política – o país do fraturo – tem saudade das torturas do Brilhante Ustra. O Brasil da escola – o país da criança desesperança – sente nostalgia da palmatória. Não é à toa que o novo ministro tem a cara do inspetor Miguel, o bedel que perseguia as gazetas de Bolinha e Luluzinha. Reprimir é preciso, educar é coisa de “viado”.

É um maluco atrás do outro na frente da classe, todos escolhidos para a missão governamental de não fazer nada, destruir o já feito, e eis que agora, depois do falsificador de currículos, aparece outro ainda mais détraqué. Como se permanecesse naquela escola onde eu estudei – na pré-história do sexo, as sacanagens do Carlos Zéfiro escondidas dentro do catecismo -, ele diz que uma menina de 13 anos pode enfeitiçar um homem a ponto de justificar um feminicídio. Liberadas as armas e as queimadas, agora chegou a vez da pedofilia acima de todos.

Eu estudei nesta escola antiga, a educação pelo puxão de orelha, e achava que a pedagogia do terror já tinha sido apagada do quadro negro. Ela teria desaparecido na mesma época em que, cheia de algodão nas narinas, a loura do banheiro se percebeu ultrapassada, aposentou os sustos e deixou a tarefa para esses personagens.

Os sinistros da educação são as novas assombrações das escolas brasileiras, senhores sem noção sobre o uso da cedilha e formados em matérias que já saíram do currículo faz tempo – como a de que um lar sem macho na liderança é fadado ao fracasso, o carro-chefe filosófico do novo encarregado da pista. Ele também lamenta a pílula anticoncepcional, essa senhora septuagenária, por deixar o sexo movido apenas pela busca do prazer. O único tesão permitido será o culto da morte. O uniforme da escola pública será o do PM da caveira.

É um desfile interminável de estupores, pessoas saídas não se sabe de onde, e uníssonas em declarar seu apego à violência, à tristeza, ao ressentimento e ao desinteresse com o específico da sala de aula. Não querem saber de análise sintática. Procuram comunistas, maconheiros, selenitas e o último devasso, o Joãozinho que cola espelho no Vulcabrás para investigar o que vai por baixo da saia da professora.

Doravante, todos os alunos serão obrigados a tomar uma colher de óleo de fígado de bacalhau e assim, formados no pátio, cantando o Hino Nacional, combaterão para longe do nosso Brasil o coronavírus do comunismo chinês.

O novo ministro-pastor da educação é mais uma piada para o aquecimento global das gargalhadas que acompanham a imagem do país. Não será surpresa para esta coluna se ele recomendar que os professores, ao estudarem a bacia do Rio Amazonas, forneçam aos alunos apenas os afluentes da margem direita. O teorema de Pitágoras, com o seu quadrado da hipotenusa igual à soma dos quadrados dos catetos, será reescrito pela evidente sugestão de sexo sem limites. A lei da gravidade perderá a maçã.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

2 comentários em “Educação é coisa de ‘viado’”

  1. O novo ministro é pastor? Então vai ensinar a julgar o necessitado, julgar a pessoa apenas por fazer sexo, pegar o gay como bola da vez, ensinar que é só o mais forte que tem o direito de viver, ou seja, estas coisas de fascistas disfarçados de cristãos. Porque Jesus não ensinou essas coisas e nem a bíblia.

  2. “Anarfa”, depois que você escreveu “preço” com dois “ss” ainda fosse uma palavra pouco escrita, a nota é zero, mas até justificável. Fiquei envergonhado por você. Para de comentar,” tu és mui burro”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: