Advertisements

O calvário dos funcionários mais humildes do Cruzeiro

Reflexo de uma política voltada à lucratividade de poucos, a situação dos funcionários mais humildes do Cruzeiro é lastimável.

Desde atrasos de salários e 13º até condições insalubres de trabalho.

Enquanto isso, amigos do presidente, recentemente contratados, mantém regalias.

Em desespero, alguns dos trabalhadores enviaram desabafo ao Blog do Paulinho.

Quase um pedido de socorro:


“Carta à Administração do Cruzeiro Esporte clube”

“Em nome de uma grande parcela de funcionários do Cruzeiro Esporte Clube manifestamos nossa indignação e tristeza em razão do momento vivenciado nesta instituição. Muitos de nós somos colaboradores antigos, e exercemos com muita dedicação e respeito nossas funções (das mais simples às mais complexas). Dos bastidores assistimos uma verdadeira devassa no nosso clube, sem nada podermos fazer”

“Novos funcionários chegaram ao Clube por indicação, cresceram rapidamente, tiveram salários rapidamente aumentados. Enquanto isso, vimos nossa fonte de renda secando. Estamos passando por momentos nebulosos, de incertezas. Salário de todas as unidades do Cruzeiro atrasados; nenhuma perspectiva de pagamento de 13º salário”

“Funcionários trabalhando arrastados, doentes, tristes, alguns com problemas familiares e sem qualquer perspectiva de melhora. Hoje, nos corredores, não mais comemoramos vitórias. Perguntamos uns aos outros “quando iremos receber?”, “o salário será parcelado?” O sentimento de tristeza está estampado no rosto de cada colaborador. A incerteza do dia de amanhã nos entristece e preocupa. Nada é dito. Ninguém se manifesta ou nos dá explicações. Vamos trabalhando um dia após o outro na esperança de que algo aconteça, de que, quase que milagrosamente, alguém faça algo por nós. Não temos voz. É necessário lembrar que por trás do futebol, existe um outro “time” que é fundamental para o funcionamento da instituição. Quem aqui está, sabe bem quem é quem. Nossa grande esperança não aconteceu até o momento: um choque de gestão”

“Pedimos a Presidência, encarecidamente, que pense na instituição, e tome decisões capazes de reverter esta situação. O Cruzeiro é grande demais para passar por problemas como este”

“Funcionários do Cruzeiro Esporte Clube”


Sim, há margem para submergir além da segunda divisão.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: