Advertisements
Anúncios

André Negão, diretor do Corinthians investigado pela Lava Jato, declara apoio a Jair Bolsonaro

O discurso de combate à corrupção de Jair Bolsonaro, candidato à presidência da República, raso como pires, como evidenciam Wal do Açai, imóveis em nome de parentes e a recente acusação de fraude contra seu guru, Paulo Guedes, não tem assustado nem mesmo os que possuem fama de malfeitores.

Hoje à tarde, o diretor administrativo do Corinthians, André Negão, que, além de ter sido preso, pelo menos em três oportunidades, por contravenção ligada ao Jogo de Bicho, também é investigado como recebedor de propinas da Odebrecht, para si e como preposto do deputado federal Andres Sanches (PT), com objetivo de superfaturar o estádio de Itaquera, declarou apoio explicito à candidatura do capitão.

Não é o primeiro do clube, com problemas judiciais, a fazê-lo.

Confira, no vídeo a seguir:

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

1 comentário em “André Negão, diretor do Corinthians investigado pela Lava Jato, declara apoio a Jair Bolsonaro”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: