Morador do Morumbi não desiste e mantém briga judicial com o São Paulo

O presidente do MMT (Movimento Morumbi Total), Sergio Orlando Santoro, após algumas conquistas, e também derrotas, continua sua luta judicial contra o São Paulo Futebol Clube.

Proibido de falar sobre os processos, sob pena de ser multado em R$ 50 mil, ingressou com dois recursos objetivando reverter decisões judiciais que lhe foram desfavoráveis.

Num deles, novamente teve pedido indeferido.

Noutro, que ainda será julgado, referente à Ação Popular contra não apenas o Tricolor, mas também alvejando a Prefeitura de São Paulo, tem como apoiador o movimento SAVIAH, também de moradores do bairro.

SAVIAH que ingressou recentemente com processo em que pede cobrança de décadas de contas de agua e esgoto que, em seu entendimento, o São Paulo teria que devolver aos cofres públicos.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.