Advertisements
Anúncios

Os antecedentes do candidato Romeu Tuma Junior

Romeu Tuma Junior e Luis Inácio Lula da Silva

Certidões obrigatórias, protocoladas no site do TSE, demonstram que a vida do candidato a deputado federal Romeu Tuma Junior, pessoal e pública, não é nada monótona.

Sem contar as acusações conhecidas de favorecimento à mafia chinesa, que culminaram no seu afastamento do Governo do PT, donde obedecia ao ex-presidente Lula, o ex-delegado enfrenta, atualmente, ação criminal, na Justiça Federal, por caluniar, injuriar e difamar ex-servidor da Secretaria Nacional de Justiça em seu livro “Assassinato de Reputações”.

Mas outras distribuições processuais foram elencadas pelo TJ-SP.

No documento que relata distribuições de “Ações Civis Públicas e de Improbidade Administrativa e Criminais”, anteriores a 12/07/2018, contaram:

  • Inquérito Policial nº 0029722-57.1985.8.26.0050, localizado no DIPO 3 – Seção 3.2.3 – Foro Central Criminal Barra Funda;
  • Inquérito Policial nº 0092867-62.2000.8.26.0050, localizado no DIPO 4 – Seção 4.1.1 – Foro Central Criminal Barra Funda;
  • Inquérito Policial nº 0056283-30.1999.8.26.0050, localizado no DIPO 3 – Seção 3.1.1 – Foro Central Criminal Barra Funda;
  • Inquérito Policial nº 0007611-89.2001.8.26.0609, localizado no Foro de Taboão da Serra

Parte deles por desvios de conduta supostamente cometidos na carreira policial.

Vale lembrar, Tuma Junior foi acusado de pedir propina para não prender testemunha do “Caso Celso Daniel”, que o denunciou em entrevista à Rede Record, mas depois, ao ser procurado e processado pelo ex-delegado, retratou-se, talvez voluntariamente.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: