Advertisements

Mustafá Contursi acredita ter sido traído por madame Leila Pereira, da Crefisa

Leila Pereira e Paulo Serdan

A derrota de suas propostas no Conselho do Palmeiras – local em que sempre ditou as regras, concomitantemente às denúncias, formalizadas pelo notório malfeitor Paulo Serdan, líder da facção “Mancha Verde”, da prática de cambismo, que revelou mensalinho recebido pelo cartola, oriundo da  Crefisa – patrocinadora alviverde, abriram os olhos de Mustafá Contursi.

O caso foi parar no MP-SP, que, estranhamente, quer isentar a pagadora de vantagens, punindo apenas o beneficiado.

Mustafá acredita estar sendo traído pela madame Leila Pereira, para quem moveu mundos, fundos, bolsos e estatutos no intuíto de garantir, a ela e ao marido, dono da Crefisa, cadeira no Conselho Deliberativo palestrino.

Vale lembrar que Leila e Serdan firmaram parceria pessoal (dizem, em diversos sentidos), com madame tratando-o como “meu presidente” (vídeo abaixo), assim que a emprestadora de dinheiro a juros de 22% ao mês ingressou na vida política alviverde, com direito a generosas doações à Mancha Verde.

Advertisements

Facebook Comments

2 Responses to “Mustafá Contursi acredita ter sido traído por madame Leila Pereira, da Crefisa”

  1. marcospaulo2015 Says:

    “Em diversos sentidos”. Não duvido nada.

  2. Edwaldo Oliveira Says:

    “Em diversos sentidos”… como assim?…

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: