Advertisements

Lava-Jato, notoriedade e o sumiço das cartas

(trechos da coluna de JUCA KFOURI, na FOLHA)

CADÊ A CARTA?

O ex-presidente do Corinthians Andrés Sanchez também está contemplado entre os citados na Lava Jato, como o atual vice, André Negão, algo que quem lê esta coluna sabia não é de hoje.

Como sabia como foi singelo o pedido de Lula a Emílio Odebrecht para a construção da Arena Corinthians, devidamente comprovado, enfim, pela divulgação do depoimento de Marcelo Odebrecht.

Mas, agora, quem estranha é o colunista; estranha o silêncio de Sanchez, que tantas cartas escreveu à redação desta Folha.

NOTORIEDADE

O obscuro deputado estadual Campos Machado (PTB-SP), empedernido defensor do ex-presidente da CBF José Maria Marin preso em Nova York, sai do anonimato graças à Operação Lava Jato: dois ex-executivos da Odebrecht o acusaram de ter recebido valores não declarados em espécie e o ministro Edson Fachin encaminhou à Justiça paulista petição para investigá-lo.

Menos mal que, em atitude rara nos dias que correm, o parlamentar disse em nota: “Estranho o fato de meu nome estar na lista. Não conheço ou não tenho relação com nenhum diretor ou qualquer funcionário da Odebrecht”. Que alívio!

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: