Diretoria do Corinthians tem atitude deplorável na dispensa de Willians

flavio-adauto

Ontem, o jogador Willians, ainda no Corinthians, foi abordado por um desses idiotas que se dizem torcedores e “cobrado” por utilizar-se de shorts verde, logo após treino do clube.

Imbecilidade sem limites: torcedor cobra Willians do Corinthians por utilizar shorts verde

Hoje, foi dispensado do alvinegro, em decisão deplorável da diretoria, com a conivência do treinador Oswaldo de Oliveira (talvez para tentar manter-se num cargo em que claramente está ameaçado).

Que gente com histórico do diretor de futebol alvinegro Flavio Adauto ou o presidente Roberto “da Nova” Andrade tomem decisões niveladas com suas condutas pessoais, apesar de triste, ainda é esperado, mas não um profissional que sempre foi conhecido por atuar com lisura num meio repleto de gente tão imunda.

Pelo jeito as coisas mudaram, e Oswaldo, em desespero, desceu ao submundo do qual sempre procurou escapar durante a carreira.

Nem mesmo seria aceitável uma demissão de Willians antes do término do vínculo (daqui a semanas) pelo desempenho dentro de campo (expondo-o, cruelmente, ao escárnio popular), pior ainda após o atleta ter se manifestado (mesmo que em equívoco) contra um vagabundo que frequentava o espaço de trabalho do jogador para inferniza-lo.

Agora, além de estar sujeita a ações judiciais de reparação do atleta, o clube estimulou que outros marginais abordem seus jogadores da mesma maneira, certamente ampliando o clima ruim entre elenco e diretoria, iniciado desde a indicação de Adauto ao cargo (que dias antes tratou os jogadores como “sem caráter”), piorando com os atrasos salariais, frutos de gestões, administrativa e financeira, que se fundem na mediocridade.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.