Advertisements
Blog do Paulinho

BNDES emprestou R$ 496,6 milhões a José Carlos Bumlai (amigo de Lula) e tomou calote

bumlai

Amigo do presidente Lula, tão íntimo a ponto de frequentar sua residência, o pecuarista José Carlos Bumlai, preso pela Operação Lava-Jato da Polícia Federal, foi tratado pelo BNDES, durante o Governo petista, com absoluta camaradagem.

Recebeu três empréstimos, que, somados, correspondem a R$ 496.673.000,00.

Está inadimplente em todos.

A ponto do BNDES ter solicitado a falência de suas empresas, após diversas tentativas de acordos judiciais.

Em 12 de fevereiro de 2008, o BNDES emprestou ao Grupo São Fernando (empresa de Bumlai) a quantia de R$ 330.509.000,00, em operação contratual nº 08.2.1031.1.

Quase um ano depois, em 03 de fevereiro de 2009, Bumlai tomou mais R$ 64.664.000,00 da instituição.

Total, até então, de R$ 395.173.000,00.

Porém, inadimplente, pouco quitou do montante acertado, tanto que o saldo devedor em 15 de dezembro de 2011 era ainda de R$ 362,45 milhões, situação que ocasionou, em 05 de junho de 2012, aprovação do BNDES a um refinanciamento da dívida, nas seguintes condições:

– R$ 59,37 milhões seriam assumidos pela Bertin Energia, com promessa de pagamento em quatro anos (contrato nº 12.2.05331) a juros de TJLP + 2,32% ao ano;

– R$ 303 milhões renovados, nas mesmas condições do empréstimo inicial, com o próprio Grupo São Fernando, mediante Contrato de Confissão, Consolidação e Reescalonamento de Débito, nº 12.2.0533.2, de 23/07/2012.

Porém, paralelamente a este acordo, quando Bumlai já era inadimplente, o BNDES aprovou novo empréstimo ao Grupo São Fernando, de R$ 101,5 milhões, um mês antes da referida renegociação, em 26 de junho de 2012, a título de Crédito para Recuperação Judicial, negócio que foi intermediado pelos Banco do Brasil e BTG Pactual (contrato nº 629/2012).

Todos os acordos, renegociação e Recuperação, não foram honrados, gerando prejuízo imenso aos cofres públicos, mas grande lucro ao amigo de Lula.

Dos R$ 303 milhões renegociados, o Grupo São Fernando pagou apenas R$ 2 milhões, dos R$ 101,5 milhões, nada quitou, gerando pedido de falência em curso judicial.

Do acerto com a Bertin, os R$ 59,37 milhões em quatro anos, R$ 39,4 milhões foram pagos, quando, a partir de julho de 2014, as parcelas entraram em inadimplência.

O BNDES tentou acordo, sem êxito, restando ingressar com infrutífera ação de execução, nº 0006745-82.2015.4.03.6100, sob saldo devedor corrigido de R$ 37,7 milhões.

lula e bumlai

CONFIRA ABAIXO A CÓPIA DOS CONTRATOS, NA ÍNTEGRA, DAS EMPRESAS DE JOSÉ CARLOS BUMLAI (AMIGO DE LULA) COM O BNDES:

Escritura contrato 8.2.1031

Escritura contrato 8.2.1032

Aditivo nº 02 – confissão débitos

Confissão e reescalonamento de débitos

Contrato de Reescalonamento 12.2.0533.2

Contratos e aditivos

Escritura aditivo contrato 8.2.1031

Escritura aditivo contrato 8.2.1032

Escritura contrato BNDES e Bertin

Escritura de aditivo nº1 12.2.0533.2

Plano de Recuperação Judicial

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: