Garota pede R$ 70 mil na Justiça do São Paulo por ‘pancada na cabeça”, mas passa vexame

vergonha

No último dia 03 de setembro, Jessica Daiane de Araújo Silva, ingressou com ação de Responsabilidade Civil contra o São Paulo, no valor de R$ 70 mil, a título de custeio de exames médicos, alguns realizados, outros ainda a serem executados.

A garota diz que foi vítima da queda de uma placa instalada nas dependências do clube, em 16 de março, e que, por consequencia, até dos dias de hoje sofre com dores de cabeça.

Porém, ao pedir liminar para que o Tricolor, desde já, fosse obrigado a ressarci-la, ficou a impressão de que a “pancada” atingiu, psicologicamente, seus advogados.

Nenhum documento comprobatório estava anexado ao processo, nem BO, muito menos exames, com o agravante, para a postulante, da confirmação de que o Tricolor, de fato, prestou-lhe os primeiros socorros na ocasião.

Um caso que precisa ser analisado pela OAB, seja pela incrível incompetência dos defensores, ou talvez, mais grave, a aceitação de um caso, mesmo sabedores de tratar-se de uma causa perdida, a troco de colocar honorários no bolso a qualquer custo.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.