Advertisements
Anúncios

O melancólico final de Havelange

Elogiado pela mídia do “oba-oba”, que o trata como “doutor”, assim como fazia com o semianalfabeto Ricardo Teixeira, seu genro, João Havelange renunciou, há dez dias, de seu cargo de Presidente de Honra da FIFA.

Exatamente pela falta de honra, flagrado que foi em recebimento de propina para diversos assuntos da entidade, sempre acompanhado de sua “criatura”, o ex-presidente da CBF que fugiu para Miami.

Mesmo motivo que o levou a renunciar, recentemente, de sua cadeira no COI.

Um final melancólico, porém merecido, para quem já foi tratado um dia como dos homens mais poderosos do mundo.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: