O adeus de Rivaldo

rivaldo

Por ROBERTO VIEIRA

Rivaldo publicou em sua página do Facebook seu adeus.
Um adeus após vinte e quatro anos de superação.
O mais desacreditado dos gênios de nosso futebol.
Desde o começo de carreira driblou os críticos.
Os fatalistas.
Os profetas de plantão.
Rivaldo que tirava da cartola gols.
Lances inacreditáveis.
Jogadas do arco da velha de Paulista.
Muitos outros jogadores são adorados por muito menos.
Por migalhas.
Por frequentarem o high society.
Por puxarem o saco de quem escreve com as tintas da amizade.
Rivaldo driblou a todos.
Garoto pobre.
Órfão.
Pentacampeão mundial.
Maior do mundo.
Rivaldo se despediu com a humildade dos grandes.
Com a modéstia dos imortais.
O futebol chorou com as lágrimas de Rivaldo.
Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.