Dirigentes tentam abafar Sindicância do Palmeiras

porcosesgoto

Na surdina, almoços e jantares entre dirigentes e conselheiros do Palmeiras costuram uma espécie de acordo para abafar possíveis descobertas da Sindicância criada para investigar as gestões de Belluzzo e Arnaldo Tirone.

O argumento é sempre dos mais pífios, e vão desde “se divulgar vai denegrir  a imagem do clube”, até os mais ameaçadores “você poderá ser o próximo”.

É a hora do presidente Paulo Nobre mostrar desprendimento e autoridade.

Afinal se tem algo que mancha o Palmeiras são os deslizes de dirigentes, nunca a apuração deles, e, dirigente que tem medo de ser “o próximo” dá mostras de que pode, também, não ser confiável.

 

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.