Advertisements

Corinthians: primeiro ministro foge de reunião para explicar “negócio” estádio de Itaquera

Ontem (04), o Corinthians realizou reunião do Conselho Deliberativo que tinha como pauta explicar o “negócio” estádio de Itaquera (itens contratuais, contas, renegociações, etc.).

O primeiro ministro do clube, Luis Paulo Rosenberg, responsável por toda a orquestração financeira, comercial e contratual da Arena, não deu as caras.

Evidentemente, a manobra visava limitar (ou adiar) respostas a questionamentos mais profundos.

Em resumo, enquanto alguns conselheiros tentavam esclarecer os problemas, entre os quais Rubens Gomes, Herói Vicente e Roque Citadini, a diretoria se escondia na retórica política de Andres Sanches ou em manifestações desinformadas, como no patético discurso de Jorge Kalil (diretor adjunto de futebol).

De certeza, apenas que, conforme revelado pelo Blog do Paulinho em documentação oficial do MPF, o Corinthians não negocia acordo algum com a CAIXA, e diz, sem comprovar, que o faz com a Odebrecht.

Sobre o estádio, permaneceram todas as outras dúvidas, desde contas até detalhes de contrato, tendo sido abordado, também, o assunto BMG, com constrangedora defesa da diretoria a um negócio menor (em comparação, com valores atualizados, 1/6 do que a Pepsi pagava ao Timão, mais de vinte anos atrás) e muito mal explicado.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: