Advertisements
Anúncios

Lusa vs. CBF: a batalha vai longe…

charge marin del nero

Em estranhíssima manobra jurídica, a CBF conseguiu, exatamente no horário da reunião que definia os grupos do Brasileirão, cassar quatro liminares, de dias diferentes, que beneficiavam a Portuguesa.

De maneira também, digamos, esquisita, seu departamento jurídico não se movimentou, até agora, para lutar contra liminares que favorecem o Fluminense, mais alinhadas ao desejo do sistema.

Porém, apesar da divulgação do torneio com 20 clubes, e sem a Lusa, dificilmente esse quadro será mantido nos próximos dias.

O MP-SP já se posicionou a favor da legalidade, ou seja, da obviedade de uma Lei Federal se sobrepor a uma mera regulamentação esportiva, e deve, em breve, ingressar com Ação Civil Pública, juntamente com Liminar, garantindo novamente a Portuguesa no torneio.

E, diferentemente das outras liminares derrubadas, nesta, específica, a CBF será obrigada a discutir o mérito da questão, numa demanda que tende a ser demorada, com provável derrota da entidade no final.

Daí, para que possa ser assegurado o Brasileirão de 2014, dentro dos limites da legislação, o caminho será beneficiar a todos, os que estão certos, e também os errados, numa composição que elevará o número de participantes para 24 equipes.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: