Advertisements

Os times beneficiados pelas “Viradas de Mesa”

mesa virada

Por JOSÉ RENATO SATIRO SANTIAGO

Ao longo das edições do Campeonato Brasileiro, muitas vezes o regulamento foi mudado durante a competição, quando não foi simplesmente ignorado. Segundo o levantamento que fiz, 45 equipes já foram beneficiadas, direta ou indiretamente, por estas modificações.

São as tristes e famosas “Viradas de Mesa”.

América MG

Acesso conseguido para a Primeira Divisão de 1993 graças à mudança de regulamento que aconteceu durante a Primeira Fase da Segunda Divisão de 1992. (vide texto do Grêmio)

Foi resgatado diretamente da Segunda Divisão, onde estava em 1999, para a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro de 2000 ( a Copa João Havelange)

América RJ

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

América RN

Foi salvo do rebaixamento em 1999 para a Terceira Divisão e resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Americano

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Anapolina

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Bahia

Foi resgatado diretamente da Segunda Divisão, onde estava em 1999, para a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro de 2000 ( a Copa João Havelange)

Bandeirante DF

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Bangu

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Botafogo RJ

Beneficiado pela mudança de regra durante a Primeira Fase do Campeonato Brasileiro de 1986, o que resultou em sua classificação para a Segunda Fase. (mais detalhes no texto sobre o Vasco da Gama)

Botafogo SP

Foi resgatado do Módulo Amarelo, equivalente a Segunda Divisão de 2000, diretamente para a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro de 2001.

Bragantino

Ao se classificar em último lugar, entre os 24 participantes do Campeonato Brasileiro de 1996, deveria ter sido rebaixado, no entanto, a CBF alegou a existência de problemas relacionados à arbitragem e cancelou o rebaixamento.

Brasil RS

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Caxias

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Ceará

Acesso conseguido para a Primeira Divisão de 1993 graças à mudança de regulamento que aconteceu durante a Primeira Fase da Segunda Divisão de 1992. (vide texto do Grêmio)

Central PE

Rebaixamento para a Terceira Divisão de 1997 foi cancelado.

Comercial MS

Beneficiado pela mudança de regra durante a Primeira Fase do Campeonato Brasileiro de 1986, o que resultou em sua classificação para a Segunda Fase. (mais detalhes no texto sobre o Vasco da Gama)

Coritiba

Acesso conseguido para a Primeira Divisão de 1993 graças à mudança de regulamento que aconteceu durante a Primeira Fase da Segunda Divisão de 1992. (vide texto do Grêmio)

Criciúma

Acesso conseguido para a Primeira Divisão de 1993 graças à mudança de regulamento que aconteceu durante a Primeira Fase da Segunda Divisão de 1992. (vide texto do Grêmio)

Foi salvo do rebaixamento em 1999 para a Terceira Divisão e resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

CSA

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Desportiva

Acesso conseguido para a Primeira Divisão de 1993 graças à mudança de regulamento que aconteceu durante a Primeira Fase da Segunda Divisão de 1992. (vide texto do Grêmio)

Foi salvo do rebaixamento em 1999 para a Terceira Divisão e resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Figueirense

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Fluminense

Ao ficar em penúltimo lugar entre os 24 participantes do Campeonato Brasileiro de 1996, deveria ter sido rebaixado, no entanto, a CBF alegou a existência de problemas relacionados à arbitragem e cancelou o rebaixamento.

Foi resgatado diretamente da Segunda Divisão, onde tinha conseguido acesso ao ser campeão da Terceira Divisão em 1999, para a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro de 2000 ( a Copa João Havelange)

Fortaleza

Acesso conseguido para a Primeira Divisão de 1993 graças à mudança de regulamento que aconteceu durante a Primeira Fase da Segunda Divisão de 1992. (vide texto do Grêmio)

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Goiás

Beneficiado pela mudança de regra durante a Primeira Fase do Campeonato Brasileiro de 1986, o que resultou em sua classificação para a Segunda Fase. (mais detalhes no texto sobre o Vasco da Gama)

Goiatuba

Rebaixamento para a Terceira Divisão de 1997 foi cancelado.

Grêmio

O Regulamento do Campeonato Brasileiro da Segunda Divisão de 1992 previa o acesso de apenas duas equipes, no entanto, com uma fraca campanha durante a Primeira Fase, o Grêmio foi beneficiado pela mudança do regulamento que passou a classificar 12 equipes para a Primeira Divisão de 1993.

Joinville

Beneficiado pela mudança de regra durante a Primeira Fase do Campeonato Brasileiro de 1986, o que resultou em sua classificação para a Segunda Fase. (mais detalhes no texto sobre o Vasco da Gama)

Juventude

De acordo com o regulamento do Campeonato Brasileiro de 1999, que considerava a média de pontos, o Juventude teria sido rebaixado, no entanto, a confusão provocada pelos problemas que envolveram a falsificação de documentos do jogador Sandro Hiroshi, permitiu que seu rebaixamento fosse cancelado.

Marcílio Dias

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Nacional AM

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Náutico

Beneficiado pela mudança de regra durante a Primeira Fase do Campeonato Brasileiro de 1986, o que resultou em sua classificação para a Segunda Fase. (mais detalhes no texto sobre o Vasco da Gama)

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Paraná

Foi resgatado do Módulo Amarelo, equivalente a Segunda Divisão de 2000, diretamente para a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro de 2001.

Paysandu

Foi salvo do rebaixamento em 1999 para a Terceira Divisão e resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Ponte Preta

Rebaixamento para a Terceira Divisão de 1996 foi cancelado.

Remo

Acesso conseguido para a Primeira Divisão de 1993 graças à mudança de regulamento que aconteceu durante a Primeira Fase da Segunda Divisão de 1992. (vide texto do Grêmio)

Ríver PI

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Santa Cruz

Beneficiado pela mudança de regra durante a Primeira Fase do Campeonato Brasileiro de 1986, o que resultou em sua classificação para a Segunda Fase. (mais detalhes no texto sobre o Vasco da Gama)

Acesso conseguido para a Primeira Divisão de 1993 graças à mudança de regulamento que aconteceu durante a Primeira Fase da Segunda Divisão de 1992. (vide texto do Grêmio)

Santos

Em 1982, o Santos ficou apenas em décimo no campeonato paulista que era classificatório para o campeonato brasileiro. Deveria disputar a Taça de Prata em 1983, no entanto, o critério para definição dos participantes foi deixado de lado, e o Santos foi convidado a disputar a Taça de Ouro de 1983, quando chegou a um surpreendente vice-campeonato.

São Caetano

Foi resgatado do Módulo Amarelo, equivalente a Segunda Divisão de 2000, diretamente para a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro de 2001.

Sergipe

Rebaixamento para a Terceira Divisão de 1997 foi cancelado.

Serra ES

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Sobradinho

Beneficiado pela mudança de regra durante a Primeira Fase do Campeonato Brasileiro de 1986, o que resultou em sua classificação para a Segunda Fase. (mais detalhes no texto sobre o Vasco da Gama)

União São João

Acesso conseguido para a Primeira Divisão de 1993 graças à mudança de regulamento que aconteceu durante a Primeira Fase da Segunda Divisão de 1992. (vide texto do Grêmio)

Foi salvo do rebaixamento em 1999 para a Terceira Divisão e resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.

Vasco da Gama

O regulamento do Campeonato Brasileiro de 1974 previa que a final do campeonato teria como mandante a equipe com melhor campanha ao longo de todo o campeonato. No caso o jogo seria no Mineirão, uma vez que o Cruzeiro tinha a melhor campanha, no entanto a equipe mineira foi punida, devido problemas ocorridos em um jogo anterior realizado no Mineirão frente o próprio Vasco da Gama. A CBD (atual CBF) não apenas tirou a partida final do Mineirão como colocou no Maracanã, isto é, o regulamento foi ignorado.

O mesmo fato ocorrido com o Santos aconteceu com o Vasco em 1983, quando ficou em nono no estadual daquele ano e foi “levado” para a Taca de Ouro de 1984, quando também conquistou o vice-campeonato.

Na Primeira Fase do Campeonato Brasileiro de 1986, o regulamento previa a classificação de 6 equipes em cada um dos grupos que contava com 11 participantes. A equipe carioca fazia má campanha e inúmeras manobras foram feitas tendo em vista punir outras equipes, com perda de pontos, entre elas o Joinville e a Portuguesa. A solução foi aumentar o número de equipes classificadas, o que significou a classificação do Vasco para a Segunda Fase.

Villa Nova MG

Foi resgatado para o Módulo Amarelo, Segunda Divisão, da Copa João Havelange em 2000.Tomara que seja apenas um equívoco.

Advertisements

Facebook Comments

53 Responses to “Os times beneficiados pelas “Viradas de Mesa””

  1. Lampião - GAIVOTAS DA FIEL, é do CURINTIAAAAAAA Says:

    Sugiro alterar o título do post

    Os times curicanados pelas “Viradas de Mesa”

  2. SANFONEIRO DE ZONA Says:

    NEM UMA PALAVRA SOBRE O PAULISTA DE 1990?

  3. Dona Olga Says:

    Alguém viu minha assinatura por aí?

  4. Antônio Carlos Says:

    É um tremendo fanfarão, ele não fala do Time do medo que caiu no Paulistão e teve uma virada de mesa fantástica.

    José Renato seu Bambi do C…. vai pra PQP.

    Tem medo mas não tem vergonha.

  5. Eduardo Says:

    Puxa paulinho, pensei que vc ia dar um jeito de colocar o timão nesta lista! Kkkkkkkkk

  6. Fred - Corinthians Gaivotas Fiéis. A unica torcida Gay do Brasil. Ricky Martin cantará na abertura da Copa no Gaivotão...Assim as bixas piram!!! Says:

    Gaivotaram o brasileirão

    Engraçado como os times do RJ são os mais beneficiados

    Antonio Carlos

    Ta tendo xiliquinho desde cedo no blog???….kkkkkkkk

    Brigou com o namorado no fds?? kkkkkkkkkkk

    Calma……. ele volta pra te beijar mtoooooo

  7. A copa ainda é nossa! Says:

    Uma vergonha tentar tampar o sol com a peneira!
    O sao paulo foi o dono da maior falcatrua para nao disputar a serie B do campeonato paulista de 1991 pois foi rebaixado e ninguem fala nada!
    Depois dizem que a imprensa só encobre as coisas ruins do corinthians!!

  8. MOSQUETEIRO Says:

    E o Corinthians?

  9. Verne Gomes Says:

    A principal virada de mesa, de 1991, não foi citada. Essa turma gosta de dar uma virada mas não conta pra ninguém, só escondidinho.

  10. Alexlyzardo Says:

    1990 ? Travecada.. pelo amor de Deus!!! Aprendam a ler e leiam o regulamento do dito campeonato que até hoje tem disponivel na net pra consulta.

  11. MOSQUETEIRO Says:

    Paulinho, daria pra vc falar quem é esse Jose Renato?

  12. hildo Says:

    caro SANFONEIRO DE ZONA leia o regulamento do paulistao de 90 e só procurar

  13. hildo Says:

    E O CORINGHINHA DE 97 CADE?

  14. Vinicius Says:

    Só uma correção: Paraná e São Caetano foram respectivamente, campeão e vice do Módulo Amarelo. Portanto, não houve virada de mesa, já que conquistaram o acesso em campo.

  15. Dio Lima Says:

    Cade a galinhada no Havelanjão de 2000 que ficou em ultimo lugar??? e o Brasileirinho de 97 e a vergonhosa ajuda aos galinhas??? ridículo….

  16. Guilherme Sana Says:

    Paulinho, a sua lista tem um erro muito grave quando fala do Paraná, o clube foi campeão do Módulo Amarelo e não foi campeão da Copa João Havelange no mesmo ano, porque foi roubado nos dois jogos contra o Vasco da Gama e não pode ir à final contra o São Caetano a quem já tinha vencido com facilidade no Módulo Amarelo.

  17. anti_corru_PT_os Says:

    Isso sim é uma GAIVOTADA sem precedentes..

  18. Rafael Mussi Says:

    Caro Antonio Carlos, se você quer que citem o Paulistão de 90, onde o regulamento já dizia que não tinha rebaixamento, é melhor colocar também o Corinthians nessa lista, pois em 2000 ficou em penúltimo lugar na João Havelange, onde não havia rebaixamento.
    Quanto ao São Caetano, creio que o José Renato se equivocou. O Azulão estava no módulo amarelo, onde ficou em segundo lugar (atrás do Paraná) e chegou a ser vice-campeão geral, quando foi para o módulo principal (acho que era o verde). Em 2001 jogou a Série A. Resumindo, mesmo que não tivesse essa mistura doida que a CBF fez, o São Caetano teria subido. O São Caetano não foi beneficiado por uma virada de mesa, mesmo que involuntariamente. Foi mérito próprio.

  19. Ricardo Says:

    FAltou destacar em letras GARRAFAIS que oamaior beneficiado pelo caso Sandro Hiroshi na verdade foi o Botafogo, atraves de uma pilantragem do Sr Luiz Sveiter, torcedor alvinegro, que tirou os pontos do São Paulo por escalar jogador irregular (corretamente), mas inovou ao transferir os pontos ao Botafogo para beneficia-lo (irrgeular, não previsto no codigo de justiça desportiva). Falta incluir esta mancha no curriculo da estrela solitaria. Abs.

  20. Guilherme Says:

    Em 1992 não houve virada de mesa, ou seja, o Grêmio não foi beneficiado com tal situação uma vez que ela não existiu. É dever de um jornalista procurar se informar para divulgar o que é correto, Na contra-capa do jornal Correio do Povo do dia 25/01/1992 (um Sábado) saiu a tabalea da CBF para a Série B do CB-1992 e alí já era citado que os classificados para a Série A seriam em número de 12 Clubes. Portanto, fato antes do início do Campeonato.
    Outra coisa: se fosse verdade que houve virada de mesa em 1992 porque só citas o Grêmio se foram doze Clubes que subiram?

  21. Rafael Says:

    Paulinho e o CB de 1996 onde comprovadamente Corinthians e Atlético-PR foram beneficiados pela arbitragem (Caso Yvens Mendes) e o Santos que no mesmo campeonato escalou o colombiano Usuriaga de forma irregular?

    E o caso Sandro Hiroshi de 1999? Onde a metade desses times foram beneficiados por uma manobra do Botafogo-RJ?

  22. #SPFC Says:

    João Avelange, o todo poderoso timinho, estava entre os ultimos do briasileiro

  23. Antônio Carlos Says:

    Fred vc não sabe o quanto estou chateado com sua velha.

  24. HEAVY-SP Says:

    Mais algumas viradas que não forma relatadas no texto:

    Fluminense — o texto fala do Flu sendo resgatado diretamente da terceira para a primeira divisão. O que faltou dizer foi que naquele ano a 3ª divisão foi decidida num quadrangular com Fluminense, Nãutico, Serra-ES e São Raimundo-AM. Para surpresa de todos, a duas rodadas do final, Serra e São Raimundo lideravam o quadrangular quando o STJD inventou algum pretexto p/ subtrair pontos das duas equipes. Se não fosse por isso, Flu e Náutico sequer subiriam da 3ª p/ a 2ª.

    Copa União 1987 (Módulo Verde) — O Coritiba havia sido o lanterna do Brasileirão 1986 (48º colocado). Foi resgatado para a Copa União do ano seguinte, assim como o Botafogo. Ainda na Copa União, o regulamento original previa que os dois últimos colocados do módulo verde dariam lugar no ano seguinte aos dois primeiros do módulo amarelo. Regulamento foi mudado e aumentaram a Copa União no ano seguinte de 16 para 24 clubes.
    Os dois beneficiados que deveriam ter caído: Santos e Corinthians.

    Copa União 1987 (Módulo Amarelo) — O módulo amarelo deveria inicialmente ser disputado pelos “injustiçados”, ou seja, os clubes que obtiveram vaga na primeira divisão dentro de campo no ano anterior, mas que ficaram de fora da Copa União promovida pelo clube dos 13. Entretanto, dois clubes que não obtiveram performance no ano anterior suficiente sequer para estar no Módulo Amarelo, foram resgatados pela CBF: Vitória-BA e Sport-PE (aquele mesmo que se proclama campeão brasileiro de 1987, mas que ninguém lembra qeu não deveria sequer ter disputado o Módulo Amarelo).

  25. NANDO Says:

    E Sveiter e o curica???

  26. Fabio (@fabiorooster) Says:

    Viadinho! É no teu time que rola beijo na boca! (e outras coisas, desde a base).
    Foi lá, tocou o terror, apanhou e agora se faz de vítima! É GAYvota mesmo!

  27. Alviverde/SP Says:

    Longe de mim querer me orgulhar de o Palmeiras ter tido que disputar nada menos do que seriam QUATRO segundas divisões(duas Taças de Prata 81(subiu para de Ouro nesse ano) e 82, e duas séries B, 2003 e 2013…é HUMILHANTE, sem dúvida, porém, me orgoulho de o Palmeiras sempre ter voltado no CAMPO de jogo Espero NUNCA MAIS, mas ainda prefiro disputar vinte vezes a série B e voltar na BOLA, do que ser beneficiado com esse tipo de VIRADA DE MESA.

  28. Paulo Roberto Says:

    E jogar duas vezes a mesma partida em 2005 não é virada de mesa?

  29. MACHÃO DA GAMA Says:

    QUEM DIRIA ATÉ O BLOG DO PAULINHO QUERENDO DENIGRIR O GIGANTE C.R. VASCO DA GAMA. ISSO Q ESTÁ ACONTECENDO É PURA ARMAÇÃO DA REDE ESGOTO, CBF E OUTRAS FEDERAÇÕES PARA PUNIR O VASCO PRINCIPALM,ENTE E O RJ Q É CONTRA O ATUAL MANDATÁRIO DA CBF (PAULISTA).

  30. Isac Says:

    E o Botafogo no caso Sandro Hiroshi???

  31. Lucas Says:

    E o Flamengo de 1987 que não jogou, perdeu por WO e que deveria ser desclassificado indo para a segundona em 88? Tá de onda, né paulinho?

    Paulinho: Burraldo, vc, assim como outros “orelhas”, até o momento, não conseguiram perceber que o texto não é meu ?

  32. ITAQUERENSE Says:

    altou é claro o rebaixamento do timinho do panetone, que foi rebaixado no paulista de 1990 e não pagou!
    então bambis, assim como o fluminense vocês devem uma serie B, só que é a do campeonato paulista!
    PAGUE A SERIE B BAMBIS!

  33. Helvio Says:

    O Roberto Dinamite mandou falar que um dos pés da mesa da foto que ilustra a reportagem é dele e ninguém toma. kkkkkkk…

  34. Marcos Says:

    Fica claro que a tal da Copa João Havelange foi inventada como um pacotão de viradas de mesa.

    Futebol brasileiro é o mais vergonhoso do mundo.

  35. José Oliveira Says:

    Vou falar sobre o meu clube.
    Primeiramente o autor erra ao citar o Campeonato de 74, totalmente fora do tópico de rebaixamento, talvez seja discípulo do Milton Neves. Mas já que ele falou… Na primeira partida do quadrangular entre Vasco x Cruzeiro, uma quarta-feira no Mineirão, houve diversas invasões de campo. Previa o regulamento que houvesse INVERSÃO DO MANDO como punição e não perda do mando com jogo em ouro estádio. Estava no regulamento e o então dirigente do Vasco, Antônio do Passo fez valer esse direito. E, antes que venha algum imbecil falar no gol do Cruzeiro anulado (muito corretamente, pois foi falta no jogador do Vasco antes do cruzamento que originou o falado gol), ainda no primeiro tempo, já com o Vasco vencendo, um gol legítimo do Jorginho Carvoeiro foi anulado. Isso o “Seu Marchand” não lembra. Eu estava lá.

    Quanto ao tópico especificamente, no início dos anos 80 realmente a classificação nos estaduais era critério para se jogar o brasileiro, porém o autor erra ao não relatar que os regulamentos da época previam corrigir esses eventuais “acidentes”, por isso em 84 o Vasco, e também o Grêmio, entraram pelo critério de ranking. E quase que o Botafogo dançava nesse ano, pois somente na última rodada o acaso resolveu ajudar, quando o Campo Grande Ganhou do Goytacaz e assim se classificando. Nesse ano, o Vasco foi 7º, e não 9º no Carioca. Eram épocas em que esta por nascer Eurico Miranda. A hegemonia fla-flu iria ruir 3 anos depois. Era para ser um ano antes, mas houve umas tais de papeletas amarelas… lembram-se?

    Já em 86, diversos problemas de inscrições e outros fizeram que o Vasco fosse ao CND, se não me engano, buscar seus direitos. Ou julgava-se o mérito ou parava o Campeonato. O Vasco foi incluído e o campeonato prosseguiu. Nesse ano, o Vasco começava a ter voz, alguém que o defendesse. Seu nome: EURICO ANGELO DE OLIVEIRA MIRANDA. Daí até 2003, todos conhecem a história.

    Vale ressaltar que em nenhum dos anos existiu beneficiamento a eventual rebaixamento, que só veio acontecer nas mãos deliberadas do Roberto Dinamite.. Foram critérios e regulamentos classificatórios e os direitos do Vasco foram respeitados.

  36. silva Says:

    e o rebaixamento do flamengo no estadual em 33 e o rebaixamento do fla em 87 por não cumprir o regulamento…….?

  37. Fábio Says:

    Aos acéfalos que insistem em citar o Paulistinha de 90, acessem o Blog do PVC, o regulamento está lá….

    Leiam e parem de falar besteira!!! Se precisarem, solicitem que alguém leia à vocês, já que tenho certeza muitos não saberão entender algumas palavras técnicas contidas no documento!!!

  38. silva Says:

    muito estranho protegeram o flamengo nessa matéria o rebaixamento em 87 por descumprir o regulamento……

  39. Pedro Says:

    Paulinho, boa tarde.

    Eu sei que não foi vc quem escreveu o post, mas ao postar aqui, acredito que esteja concordando com tudo que está escrito, correto?

    A pergunta que não quer calar é a seguinte:

    Você realmente sabe o significado da expressão “virada de mesa”?

    Pelo post apresentado, parece que não. Generalizou demais!!! Tem coisas aqui que estão muito longe de terem sido viradas de mesa!!! Se for assim, cadê a virada de mesa de 87? E a de 90?

    Saudações /+/

  40. valmir Says:

    o flamengo cumpriu o regulamento em 1987, o outro regulamento que previa cruzamento com times da 2ª divisão foi uma tentativa de virar a mesa, não aceita pelo mengão.

  41. Ricardo Says:

    O São Paulo não caiu no paulista de 1990 pelo mesmo motivo que o Corinthians não caiu no Brasileiro de 2000 (Copa João Havelange).

    O Regulamento afirmava que não haveria rebaixamento. Difícil entender isso? Como podem chamar isso de virada de mesa?

  42. valdir Says:

    Agora só falta sair um post sobre os times beneficiados pelas viradas de mesa no paulistinha.Nesse com certeza as bibas do JD leonor estarão presente em mais de uma vez…

  43. valdir Says:

    Já que dizem que o brasileiro de 2000 tinha o mesmo regulamento
    do paulistinha de 1990.Eu queria saber com quem o SCCP jogou
    a serie B de 2001.Em de 1991 eu sei contra quem jogou os bambis
    na série B do Paulistinha…

  44. Alessandro Says:

    Valdir

    se o SPFC jogou a série B em 1991 como ele ganhou o campeonato paulista em cima do SCCP ??
    q eu saiba não teve nenhuma virada de mesa no meio do campeonato, o regulamento foi respeito do começo ao fim.
    Eu nunca vi um clube estar na segunda divisão e ser campeão da primeira divisão, kkkkkkk… só nos pesadelo das gaivotas e das leitoas isso é possivel pq não tem explicação!

    mas vão tentando, quem sabe um dia a gente acredita nesse devaneio de vcs. kkkkkkkkkkkk

  45. Ricardo Says:

    Valdir, acho que preciso desenhar pra vc entender.

    O Regulamento do campeonato paulista de 1990 afirmou que não haveria descenso naquele ano.

    O campeonato de 1991 teve o grupo A e o grupo B. O São Paulo ficou no grupo B, que não era a 2ª divisão. Este grupo não poderia ser impedido de disputar o título de 1991, pois essa medida iria contrariar o regulamento do campeonato de 1990, que não teve rebaixamento.

    Logo, o São Paulo ficou em 1º lugar no grupo B e eliminou o Palmeiras na semi-final e venceu o campeonato ao bater o Corinthians po 3×0 na 1ª final e empatar o 2º jogo da final.

  46. Luiz Says:

    “O Regulamento do Campeonato Brasileiro da Segunda Divisão de 1992 previa o acesso de apenas duas equipes, no entanto, com uma fraca campanha durante a Primeira Fase, o Grêmio foi beneficiado pela mudança do regulamento que passou a classificar 12 equipes para a Primeira Divisão de 1993.”

    Errado. O regulamento foi definido um mês antes do campeonato começar. Houve, sim, uma “virada de mesa” em favor do Grêmio, com o acesso de doze times da Série B, mas os gaúchos já sabiam, antes da primeira rodada, que teriam que ficar entre os 3 primeiros de seu grupo para poder subir. Essa história de que “o Grêmio terminou em oitavo e aí a CBF decidiu que subiriam doze” é, portanto, MENTIRA. O Grêmio ficou entre os doze primeiros, se garantiu e então relaxou, saindo da competição na primeira oportunidade.

  47. Felipe Says:

    E o Corinthians de 87 já que é pra falar do SPFC de 90 fala das gayvotas tbm krl!!!!

  48. Edgar Says:

    Não sei quem é Jose Renato Satiro, mas esse texto foi elaborado pelo jornalista Vitor Birner em 28/03/2008, deve ser reconhecido o devido crédito, pois esse post é pura cópia.

    Paulinho: Não é verdade.Se estiver publicado lá, naquela época o José Renato escrevia no site do Birner

  49. Renato Santos Says:

    Está faltando Internacional e Flamengo que ao se recusarem enfrentar o Sport e Guarani em 1987, deveriam ter sido rebaixados conforme determinava a regra. A Classe representante destes clubes assinou o regulamento da CBF prevendo o cruzamento.

  50. Marcelo Says:

    FRA E INTER REBAIXADOS EM 87!
    Viraram a mesa e não caíram!!!

    FRA EM 2003 no caso do jogador Wendell. Portuguesa foi rebaixada.
    Uma vergonha! A grobo escondeu tudo!!! Esse time é uma vergonha nacional. Cheio de asterisco. O dia que a grobo parar acaba o FLORMEIGO!

  51. Tião Aragão Says:

    Paulinho vc esqueceu as viradas de mesa quando o Flamengo foi Campeão em 1983? O Flamengo estava entre os últimos – não havia descesso – e no final do Campeonato em que o Atlético liderou de ponta a ponta, resolveram que o Flamengo entraria por renda e o Fla acabou campeão. Se não me falha a memória em 1985 foi a mesma história. Em ambos o Flamengo, ganhou um campeonato em quatro partidas, sem nenhum mérito durante o campeonato, mas até hoje endeusam aquele time equivocadamente. É só pesquisar. Lembro muito bem disso.Essa foi a maior de todas as viradas e a mídia nada escreve.

  52. Jean Lazarides Says:

    O melhor, é que alguns ainda tentam justificar a presença de seus clubes…

    Estão aí os fatos. Sem clubismo ou invencionices.

  53. Rinaldo Says:

    o Paraná foi campeão do seu modulo da copa João Avelange o que equivalia a segunda divisão, por isso voltou no campo

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: