Advertisements

“Pastor” Marco Feliciano selecionará “obreiros” na Bolívia

O “pastor” Marco Feliciano (PSC-SP), que, mesmo acusado de racismo e homofobia é presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, num gesto de absoluto oportunismo político, decidiu interceder a favor dos “12 apóstolos” de Oruro.

Boa parte deles, segundo o próprio, por ter a pele negra, seriam indiretamente oriundos de um povo amaldiçoado por Deus.

A ação em si, de um aproveitador da fé alheia, verdadeira e rentável profissão do “pastor”, se unindo em defesa de gente ligada à criminalidade, caso do torcedor Tadeu, líder dos Gaviões da Fiel, e de alguns outros, é de um simbolismo esclarecedor.

Embora, não seja nada impossível que o líder “religioso” esteja disfarçando o objetivo principal de sua busca, que pode ser, talvez, selecionar “obreiros” para o seu “Bingo” disfarçado de igreja, local em que o povo “aposta” quantias em dinheiro na esperança de ter a “cartela” premiada por Deus.

Convenhamos, bandidos por bandidos, pelos menos os dos Gaviões possuem experiência internacional, enriquecendo o currículo, tornando-se perfeitos para auxiliarem fisicamente na prática do furto espiritual.

Há também a questão da gratidão, que certamente beneficiaria o “Pastor” Feliciano, que tem precisado, nos últimos tempos, de alguma proteção.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: