Para humilhar Rosenberg, Corinthians estuda dispensar Zizao

Assim como ocorre em momentos importantes da história, em que, por exemplo, derrubou-se um muro para exemplificar a unificação de um país, dirigentes alvinegros querem realizar uma ação para explicitar o descontentamento com o “aposentado” dirigente Luis Paulo Rosenberg.

Fala-se, intramuros, que a melhor maneira de fazê-lo seria dispensando o chinesinho Zizao.

Um dos símbolos da megalomania “Rosenberguiana”.

Embora, cá entre nós, romper o contrato com a Poá Têxtil (SPR) o atingiria de maneira mais eficaz, retirando de seus bolsos o exemplo maior das traquinagens ocorridas durante o período em que esteve no poder.

E, quem sabe, até possibilitando uma renegociação de valores com a Nike, certamente prejudicada no acordo anterior por ter que dividir o mercado popular com a empresa ligada ao ex-dirigente.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.