Advertisements

O “Luxemburgo” inteligente

 

A farra dos empresários está cada vez mais explícita no Corinthians.

Delci Sonda agora é parceiro de André Negão no futebol amador do clube.

Marcel Dijian representa os interesses da presidência.

Carlos Leite é o beneficiado por Mano Meneses e Mario Gobbi, no departamento profissional.

O treinador corinthiano nem se preocupa mais em esconder sua relação comercial com o empresário.

Em seu site oficial, Mano Meneses indica Carlos Leite em seus “links” de parceiros.

Mano e Luxa tem muito em comum.

Embora suas diferenças de postura, as vezes, escondam algumas verdades.

Enquanto um é arrogante e espalhafatoso, o outro é mais contido, inteligente.

Para bom entendedor…

manosite

Facebook Comments
Advertisements

33 comentários sobre “O “Luxemburgo” inteligente

  1. Larissa Beppler

    Eu até penso que o Mano Menezes seja o Luxemburgo reeditado, mas para a versão esperta e discreta, não inteligente. Não consigo considerar inteligente um treinador que está há mais de um ano numa equipe e não se nota um dedo do trabalho do técnico no time em campo, mal se vê um padrão de jogo e a equipe só ganha na base das bolas paradas ou jogadas individuais e nunca funciona coletivamente, erra passes demais, não sabe marcar atrás da linha da bola, não aperta a saída de bola e cede, por vezes, até a própria intermediária para o adversário jogar, seja ele qual for, do Misto ao Palmeiras, não valoriza a posse de bola, costuma jogar de maneira desorganizada e parece mesmo não treinar e até há quem diga que não treina mesmo (fica mais no físico, piscina e bla bla bla).

    Duvido sim do caráter do treinador e acho que é lobo em pele de cordeiro e que veste muito bem essa máscara, posa de bom moço, o que sabe fazer de melhor é conceder entrevistas, fato no qual destoa de todos os outros e não deve ser à toa que ele se especializou nisso, enfim, tudo para não levantar suspeitas.

    Agora, são em inúmeros outros casos, como por exemplo, as vindas de Marcel, Denis, Eduardo Ramos e outros que nunca tiveram as condições mínimas aceitáveis para atuar no Corinthians, mas vieram pq o empresário era o agente do treinador, ou então o fato de não escalar Acosta, Otacílio Neto ou até Marcelinho e continuar insistindo em Souza que já mostrou que não tem futebol, mas continua recebendo chances, além de altos salários, para agradar o Carlos Leite que, por sinal, tornou-se até credor do clube, etc… Nesses e em outros casos é que essa face oculta de Mano Menezes pode ser mais facilmente observada, não no fato dele indicar o agente no seu próprio site oficial. Isso eu já acho que é direito dele e também nunca foi segredo que o cara é seu agente.

    Sobre o caso Luxemburgo x Mano, é verdade que o mundo do futebol engloba inúmeros favorecimentos indevidos e que não deveriam ser tolerados e são, no entanto, pior para o clube e, portanto, para o torcedor são os casos em que se prejudica o time para exercer favorecimentos de perebas inúteis. O Luxemburgo pode até ter os meios deles para trazer os atletas que ele deseja, mas acaba montando bons times (apesar de aparentar estar em franca decadência) porque suas negociatas, na maioria das vezes, não incluem jogadores do nível do Souza, por exemplo.

    Pode parecer uma visão meio malufista – rouba, mas faz – da qual eu discordo inclusive, mas é uma maneira de tentar lidar com a podre realidade do futebol que eu, infelizmente, não posso mudar. Em resumo: se quer favorecer empresários, então, que seja com gente que, no mínimo, jogue bola. É mais ou menos por aí, para resumir…

  2. Helio Souto Jr

    É claro que o Brasil todo já sabe que quem comanda o Corinthians é uma quadrilha organizada, criminosos chucros, bandidos da ZL mesmo, aqueles que nem ser bandido sabe de tão analfabetos que são.

    Pra trabalhar ali tem que ou nunca ter se formado na 8a série ou ser muito desonesto…tanto faz….o que não entendo é o Dr. Miguel, o Ezabella, esse pessoal que “luta” para impor ordem no país, desfilam de carro importado comprado com a $$ que ganham para instaurar a tal ordem no país, mas não conseguem colocar ordem nem em um clube….e pior tomam ordens de bicheiros.

    Eu se fosse esses 2 escondia a cabeça no solo de tanta vergonha!!

    Larissa, favorecido por quem joga ?? Pergunte ao seu amigo Boquita o que e porque o treinador do sub15 foi demitido, e porque estão fazendo peneira de treinador para o lugar dele…

  3. Chicó

    Ô Larissa, então quer dizer que um time que está invicto no ano, que não perde clássicos, que jogou o que jogou contra o SP no último fim de semana… não tem dedo do treinador? A questão ética do Mano Menezes pode – e DEVE – ser investigada, mas questionar a qualidade dele como profissional me parece no mínimo estupidez. É retranqueiro de vez em quando? É. Indicou alguns cabeças-de-bagre pro Corinthians? Indicou. Mas me responda: que treinador não comete esses equívocos? Se vieram Marcel e Souza, vieram também Elias, Chicão, Cristian…

    E não me venha falar que as negociatas do Luxemburgo não envolvem jogadores ruins. Então o Capixaba é craque? O Jeci é gênio? Pelo amor de Deus. Pra mim o Luxemburgo já era. Não é mais vencedor, não sabe ganhar mata-mata, se acha maior do que realmente é. Achei uma piada de mau gosto o boato de que ele treinará o Corinthians no centenário. Na boa, prefiro disputar a Libertadores com o Celso Roth ou o Geninho do que com esse sujeito. Já até vejo o filme: bom desempenho no paulistinha, alguns jogos de encher os olhos, o ego do sujeito chegando aos céus… e desclassificação nas oitavas, para algum timinho peruano ou equatoriano. Luxemburgo nunca mais. E amanhã é nóis, caçamba.

  4. Paulo Almeida

    Caro paulinho. Não entendo o porque de sua revolta. Ou vai me dizer que voce nao sabia que futebol é um antro de corrupção?Agora me diga: qual tecnico não faz esquema, qual tecnico nao leva grana de empresarios pra contratar jogadores…nao existe nenhum, repito, nenhum que nao ganhe grana nisso. Até mesmo Muricy, que tanto exaltam por ai, leva o dele. nao tenha duvidas disso.

  5. Ribamar Bianchini

    Paulinho, na época da contratação do Souza você se dirigia ao empresário SONDA como um homem sério, até cópias da contratação do Souza pelo Santos através do grupo Sonda você apresentou aqui e disse que o atleta e seu empresário contrariaram os diregentes do clube do exterior (que não lembro o nome) e assinaram com o Corinhians deixando o empresário Sonda na mão. Agora você vem dizer que ele está de certa forma lesando o Corinthians com parcerias com pessoas tipo André Negão que você diz ter carater duvidoso. Ai pegunto: E o empresário que a meses você dizia ser sério? Será que agora ele mudou o perfil. Abraços!!!

    Paulinho: Pior do que a burrice é a mentira. Nunca disse que ele era sério, apenas o utilizei como fonte de informação porque ele era parte da negociação. A outra parte, seu ídolo, Andres Sanches, é sério ?

  6. Igor

    Po e o que dizer sobre um tal “Idolo” do Corinthians o Neto , po ele fala explicitamente a sua aprovação para o Presidente Andres Sanchez , diz que é um cara sério e tal………., cade seu jornalismo sério perante a isso .
    Todos sabem que esse Neto é conivente nas maiorias daas coisas feitas pelo “Presidente” , respeito seu trabalho até concordo nas maiorias das coisas escretias , mais tente ser um pouco imparcial , pois quando o convem vc é , caso ESPN , falando sobre Caio e ainda dia que naum é pessoal , assim como vc ganha seu paõ escrevendo ele ganha o dele comentado !!
    Abraços

  7. Roberto

    Larissa
    A sua irmã anda com o Boquita PORQUE ELE É BONITO OU POR DINHEIRO?
    Como ele é lindo né, e você vem falar do treinador ainda, nos poupe.

  8. Ramón

    Qual o problema de alguém ter empresário ou agente? Todo mundo sabe que é impossível construir uma carreira nessa área sem um agente competente….. Não vejo o problema disso, nem consigo entender porquê alguém vê. O estranho seria se ele precisasse esconder essa relação. Se for assim, toda dupla sertaneja é “vendida” pq beneficia seus agentes……

    Também não consigo encontrar incompetência em um técnico que tem uma derrota nos últimos cerca de 50 jogos, é um dos únicos invictos do ano no futebol brasileiro, construiu a melhor defesa de todos os campeonatos que disputou desde que assumiu o Corinthians… Se ele é ruim quem é bom? Será que esse que vocês julgam “ideal para o Corinthians” trabalha sem agente? Vai ganhar quanto pra assumir o Corinthians?

    Nossa, cara……. Na boa. Vão namorar, ler um livro… sei lá.

  9. paulo henrique

    o Mano Meneses nunca escondei de ninguem que o carlos e leite e seu empresario

  10. Larissa Beppler

    Pois é, analisam só resultado e ainda querem dizer que manjam alguma coisa de bola… Pfffff! Dá até dó.

    Chicó,

    Invencibilidade agora justifica tudo, como se o time jamais tivesse jogado mal no campeonato, desorganizado e nunca tivesse achado os gols de bola parada ou talento individual de atletas que chamam a responsabilidade e acabam conquistando a vitória, como ocorreu muito nesse Paulistão, mas não sempre, já que o time tem de empates quase o mesmo número de vitórias.

    E olha que eu nem estou pedindo que o time seja a seleção de 82, só querendo que seja mais organizado que o Santos de 2009, é pedir muito? E quando se fala em organização, trata-se da ofensiva, não de disposição no campo. De todo mundo saber o que fazer com a bola quando o time ataca. Sim, o São Paulo, por exemplo, marcou bem demais. Mas tem algo que você percebe quando vê o time no estádio, e talvez não perceba na televisão, que foi nítido em todos os jogos que eu fui esse ano, mas ficou MUITO evidente no domingo, que é a falta de movimentação do time, sobretudo do lado esquerdo do ataque, com o A. Santos, Dentinho e Douglas. Quem não tem a bola fica parado, e não dá opção pra quem está com a bola, e a jogada não evolui.

    Não é querer que seja a laranja mecânica. É querer que o time seja apenas bem treinado e consciente quando tem a bola no pé. Ficou MUITO claro domingo que o time quando tem a bola não sabe o que fazer com ela, provavelmente, por falta de treino.

    Todas as jogadas que deram no que estou pedindo, em tabelas ou triangulações, foram as que passaram pelo pé do Ronaldo, que tem mais consciência tática, e força isso no time. E é dever do Mano fazer que isso funcione para o time inteiro, até para deixar o Ronaldo dentro da área, onde ele é mais perigoso.

    E antes que me interpretem mal, novamente, deixa eu explicar que uma coisa é depender de talento individual, outra coisa é depender de JOGADAS individuais.

    O time de 99 era repleto de talentos individuais, e nem por isso dependia de algum deles pegar a bola e resolver tudo sozinho. Isso acontecia ocasionalmente, mas o time não dependia do Marcelinho ou o Edílson pegarem a bola, carregarem metade do campo e fazerem o gol sem participação de mais ninguém.

    Não ver diferença entre as duas coisas, é pedir pra se iludir com esse time. Desse jeito pode ganhar Paulista, mas vou odiar discutir porque a gente não consegue ser regular no Brasileiro, porque vai ganhar duas e empatar quatro, sem ninguém ver explicação, e o time não vai conseguir se manter no topo da tabela.

    Quer dizer que não tem diferença num gol de fora da área e uma jogada tramada e ensaia, treinada 200 vezes durante a semana, e executada com perfeição no domingo?

    Uma coisa era o vampeta acertar um chutaço de 30 metros, que acontecia uma vez a cada 15 jogos. Outra coisa, era o Rincón lançar o Kléber, que tabelava com o Ricardinho, ia no fundo e cruzava pro Luizão finalizar, que acontecia 5 vezes por jogo. Porque é muito, mas muito mais simples, é o básico do futebol.

    O Cristian fez quantos gols de fora da área no Corinthians?

    Já o Alessandro recebe, olha pros lados, ninguém se apresenta, ele volta pro Chicão, e ninguém se apresenta, e ele tenta o Alessandro, que não tem o que fazer, e fica na mesma coisa, até que alguém afunila, e normalmente não da em nada. E acham que massacramos as meninas, mas foram 35 minutos com 1 a mais, e 4 ou 5 jogadas de perigo (uma a cada 10 minutos quase).

    Claro que o time vai depender do talento dos jogadores. Mas se não souber o que fazer com a bola, fica dependendo que cada jogador decida sozinho, como aconteceu no Domingo. Ambos os gols dependeram de alguém pegar a bola, carregar um tempão, e finalizar, tudo SOZINHO, sem ninguém participar.

    O problema disso a longo prazo, é que não dá para depender disso, porque no dia que isso não sai, o time não ganha e com esse monte de empates, bem, nem preciso lembrar de quantos empates o time tinha em 2007, ou preciso?

    O Gol do Cristian, domingo, foi sublime, mas escondeu a ineficiência do time no segundo tempo.

    Esse time PRECISA treinar movimentações, triangulações, botar na cabeça de todo mundo que tem que se movimentar, dar opções pra quem está com a bola. Se fosse só treinar finalização, como alguns sugerem, estava fácil, aliás, tem que treinar cruzamento também, mas não é só isso não.

    E não acho – por não ser verdade mesmo – que foi esse massacre todo jogo, para a invencibilidade justificar alguma coisa, mesmo quando ocorreu na base de muitos empates. Domingo, por exemplo, considerando que o São Paulo praticamente não passou do meio-campo e decidiu só se defender, ter criado 4 chances de gol foi MUITO pouco para 35 minutos com um jogador a mais. É difícil perceber isso?

    É exagero dizer que somos um time praticamente imbatível, já que faz quase um ano que mais de 95% dos nossos adversários são galinhas mortas.

    Durante todo esse período, desde a derrota contra o Vila Nova pra cá, excluindo o jogo contra o América RN, é preciso ressaltar que fizemos apenas 4 jogos contra adversários de nível, sendo que em uma dessas 4 partidas o adversário era de porte, mas a equipe que mandou a campo não e mesmo assim conseguimos apenas nos salvar da derrota no finzinho desse jogo que foi contra os reservas do São Paulo.

    Aí em campo neutro enfrentamos o Palmeiras num dia irreconhecível do Luxemburgo, ainda assim, nosso treinador seguiu com aquela sua tática de até então de se acovardar em clássicos e novamente só escapou da derrota no fio da navalha após soltar o time.

    Vieram duas vitórias a se comemorar em clássicos, ambas no Pacaembu, uma delas contra um time em formação do Santos e outra que foi a vitória realmente expressiva em todo esse período contra os titulares do São Paulo nos primeiros 90 minutos de uma decisão de 180 min.

    Só que agora é hora de mostrar se toda essa invencibilidade e suposta consistencia é sinal de algo sólido ou se é mera ilusão, , não adianta essa conversa de que seria normal perder agora.

    Aliás, normal até seria, de repente para um time que não perde há tanto tempo, poder perder por até um gol de diferença seria uma baita vantagem, mas lembro que jogamos fora a possibilidade de contar com essa vantagem na reta final da primeira fase ao perdermos pontos bobos contra equipes pífias onde mostramos toda nossa ineficácia na criação de jogadas ofensivas conscientes.

    Faz tempo que dependemos só do individual pra vencer. O time, como conjunto, desconhece o caminho do gol.

    Será que conseguiram captar alguma coisa?

    —————————————————-

    beto, escrevo quanto eu tiver vontade, viu? Não gosta? Vai dar meia hora de bunda então!

    —————————————————-

    Roberto, a minha irmã não “anda” com ninguém, ela namora há um bom tempo já e a sua mãe? Continua na esquina?

    —————————————————–

    O jeito é mudar a linguagem, afinal, é impossível argumentar com gentinha tão medíocre que nem discutir na base do argumento, como fiz, consegue.

  11. Larissa Beppler

    Para resumir, aos menos favorecidos intelectualmente, eu discordo bastante da tese que inventaram a fim de blindar o “treinador” de que bom é o técnico e o elenco é fraco, principalmente quando tenho visto as nossas jogadas de gol serem construídas ultimamente apenas na base de um ou outro jogador resolverem pegar a bola, baixarem a cabeça e resolverem individualmente em jogadas de começo, meio e fim realizadas por talento ou raça de uma peça só.

    Tá virando clichê já essa coisa de dizer que o time não joga mais por falta de elenco, até porque nunca se viu um time do Mano de encher os olhos mesmo em outros clubes e também porque Palmeiras e Santos que ainda estão em formação, sendo montados ao longo dessa temporada, já tem mais noção do que fazer com a bola automaticamente do que nosso grupo que fica naquele chove não molha de nego com a bola ficar 3 horas de cabeça em pé esperando um companheiro se mexer para receber.

    De qualquer forma, não é agora que eu espero que o time venha começar a jogar bonito, só espero que se faça o que tem sido mais comum com esse treinador e empate no próximo jogo que já é o mínimo. E espero mais ainda que algum jogador resolva sozinho e na raça novamente.

    Sustentamos uma invencibilidade meia boca a base de empates em metade do campeonato estadual, nos custando inclusive a vantagem de jogarmos por dois resultados iguais por conta de pontos perdidos contra times ridículos, medíocres então que agora que nos encontramos na condição onde o empate de fato será uma coisa útil, que não venha a perder.

    Gostem ou não falta padrão para esse time, ou seja, todo mundo saber o que fazer com a bola (e não aquele posicionamento inicial, estático que vocês julgam como padrão tático). Falta o que o Mancini fez no Santos em 2 meses de trabalho.

    E o que estou cobrando é um salto, que esse time pode dar, sim senhores. Um salto que vai fazer o time pular de mero participante, a concorrente ao título do Brasileiro. Até um gênio no ataque a gente tem. Uma boa dupla de zaga, laterais decentes, bons volantes. Goleiro que não perde pra nenhum no Brasil. E o Douglas se jogar mais, é um ótimo meia (ainda acho que ele tem problemas físicos). Com tudo isso, ficar chorando que esse time é limitado é perda de tempo, num Brasileiro nivelado por baixo. Limitada é a inteligência e capacidade do técnico, pra não falar da covardia…

  12. Lopes

    A partir do momento em que os comentários omeçaram a ficar pessoais, fica complicado…

  13. Otavio

    Larissa, o que fica claro no seu post é que o seu problema é pessoal e nada mais que isso.
    Agora você vir aqui e falar que o time não tem padrão aí você já está forçando a barra. Compara o time antes do mano entrar e o time agora !
    Você deveria assistir mais ESPN, pois eu sempre acompanho e nunca vi o PVC, CALÇADE, MAURO CEZAR PEREIRA e outros comentarem que o time não tem padrão e muito pelo contrário.
    Você que diz ser favorecida intelectualmente deve saber que um dos meios para avaliarmos algo é através estatística, e a estatística está aí para mostrar que ele não parece ser tão ruim assim.
    Não digo que o mano possa ser o melhor técnico do mundo, mas com certeza atualmente está entre os melhores do país sem dúvida nenhuma.
    E você lembra do time de 2007 né ? O corinthians logo no campeonato paulista com o time não muito bom foi capaz de terminar o time em quinto colocado e logo após terminar uma copa do brasil como vice colocado.
    O que não dá para querer é que o time seja campeão em todos os torneios que disputa, mas deve-se observar melhor a evolução do time, e com certeza um pouco é mérito do treinador que criou um ambiente no time, coisa que não tinha em outras temporadas.
    E quanto a questão do agente que o paulinho colocou eu acho isso a tendencia. Os cantores não tem empresários ? Jogadores ? e pq não o técnico.

  14. Larissa Beppler

    HUAHAUAHAUAHAUAHUAA luiz,

    Pior pra vc é que acabou de citar outra coisa que eu adoro fazer e olha que eu cozinho tanto quanto entendo de futebol, querido. E até agradeço o mimo, mas já tenho um belo e bem equipado fogão que eu não troco, aliás, por nenhum outro. 😉

    A boa notícia é que ainda sobra tempo para ensinar alguma coisa sobre futebol (ou culinária, se preferir) para pessoas como você.

  15. Ciro

    Paulinho

    Por que você deixa baixar tanto o nivel do seu blog, assim cai em contradição e a credibilidade é 0.
    Todos que acompanham a internet, sabem da inveja que a Lara tem da Yule, por ela ter conseguido o blog da Globo.

    O blog da Lara é pouco visto, pouco comentado e ela vem aqui vomitar as suas frustrações porque sabe que aqui tem muito mais IBOPE do que lá.

    Todos que acompanham o orkut, sabem do tipo de interesse que a irmã da Lara tem pelo Boquita.
    Uma mulher de bem, de familia, de caráter, de indole, coloca fotos na internet se insinuando do jeito que ela faz?

    Paulinho
    Você sabe como o jogador é ingênuo, ainda mais nessa idade, ele quer pegar todo mundo porque sabe que elas se interessam puramente por dinheiro.
    Ou seja, é a leia da oferta e da procura pelo sexo, elas colocam na poupança o seu corpo, engravidam e chutam o moleque e isso jamais vai acabar, porque eles são pouco preparados, inteligentes e acham que elas andam com ele pela sua belezinha (o Boquita é HORRIVEL) e por sua intelijumência.

    Outra coisa:
    sobre argumentos de futebol, incrivel ela falar de 82, impressionante, ela viu aquela seleção jogar? não, não viu e não tem idéia do que foi a seleção do Telê Santana.
    outro absurdo:
    Ela fala que o Boquita parece o Ezequiel…..
    HEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHEHE
    Paulinho, você acompanha o futebol e sabe que não tem absolutamente nada a ver o futebol dos 2, por aí dá para ver o nivel de tabela que a familia Beppler está atingindo.

  16. Ramón

    Roberto

    Deixa minha cunhada em paz. O namorado dela não é problema de ninguém!

    E Larissa, a gente podia marcar um jantarzinho pra discutir esquemas táticos…

  17. Larissa Beppler

    Otávio,

    Nós precisamos compreender os comentaristas esportivos porque eles são iguais clínicos gerais.

    Conhecimento eles tem, porém não tem mais propriedade pra falar sobre determinada equipe do que um torcedor que entenda do riscado e acompanhe seu time diariamente.

    Fiz a comparação no campo da medicina porque o clínico geral também é um cara estudado, mas apesar de sua denominação ele não é o que entende de tudo enquanto médicos específicos são mais limitados, ao contrário, o especialista é sempre o mais indicado enquanto que o clínico geral faz mais o papel de um pré-diagnóstico para encaminhar em seguida a um colega especializado.

    O que eu quero dizer é que muitas vezes pode parecer que estamos menosprezando comentaristas, quando na verdade não é isso, apenas eles manjam na hora de dar uma pincelada por cima de modo geral, mas com todo respeito e sem a intenção de parecer arrogante, do meu time entendo eu, me garanto quando é pra falar de algo que certamente eu acompanho com mais afinco do que eles, até porque não tenho a obrigação de dividir meu tempo de analise para diversos times do futebol brasileiro como eles, meu foco é uma equipe só, a minha, e nesse ponto tenho um conhecimento de detalhes maior sobre o meu time do que qualquer comentarista que precisa se dividir no acompanhamento a uns 20 clubes ou mais.

    Sobre organização… Bem se vê que os jogadores obedecem o técnico pela disposição das peças no gramado, postura tática adotada etc. e tal, o que nem sempre tem se mostrado uma vantagem, porém, no quesito padrão de jogo, desenvolvimento automático de jogadas básicas ou entrosamento, até agora em um ano e meio de trabalho o treinador não conseguiu implantar.

    O time demonstra claramente uma assimilação de posicionamento do que aos atletas é apresentado numa prancheta, porém o treino de repetição que faz com que os jogadores conheçam a movimentação uns dos outros de olhos fechados, que em um ano e meio já deveríamos estar vendo, inexiste.

    Não adianta criticar quem não gosta do Mano e só disse a verdade, a não ser que estas pessoas, inclusive eu, entrem aqui e critiquem hoje, que fiquem caçando argumentos para cornetar o ‘incornetável’.

    O time ganhou hoje, assim como semana passada, e contra o Santos na primeira fase, porque jogou do jeito que quem criticava antes, pedia: para frente e como CORINTHIANS!

    O Mano podia ter sido medroso, e colocado volante no lugar de um atacante, que seria uma cagada, e não fez.

    Diga-se de passagem, eu dizia há muito tempo que essa escalação era a melhor que o Corinthians tinha, e não por acaso, nas duas únicas vezes que entrou esse time titular, fizemos os dois melhores jogos do ano.

    O Corinthians, nesse jogos, postou-se no ataque, jogou com mentalidade de Corinthians, não teve medo, jogou com raça e ganhou. Que era o que os críticos pediam.

    A gente criticava, não porque gostava do Corinthians como time pequeno, ou porque achava isso bom, mas pelo contrário, queria que mudasse pra ser o que a gente queria.

    Hoje tá a prova. Era isso mesmo. Tinha que jogar como Corinthians, e seria o Corinthians como foi.

    E é bom ver o Corinthians do jeito que eu gosto.

    Hoje parabenizo o Mano, como parabenizei contra o Santos, embora isso não mude nada do que fez antes e do que apontei. Parabéns, mas agora precisa ser Campeão Paulista… E espero, do fundo do meu coração, que não faça como na final da Copa do Brasil em 2008, afinal, chega de tropeçar em decisão após fazer o mais difícil, né?

    Para o Corinthians já está mais do que na hora de voltar a ganhar um título em disputa direta contra times grandes e para o Mano já está na hora de ganhar um título de expressão, até porque Campeonato Gaúcho não conta, como já vimos nas duas últimas temporadas só tem dois times disputando lá e quando a final não é Inter X Grêmio o vice toma de 8 como no ano passado e também agora.

    Várzea de gaúchão e de série B não contam, o Mano tem a faca e o queijo na mão para botar um título de peso no seu curriculo agora, é só não bobear e encorajar o time como fez na semifinal, sem entrar com medo dá para se garantir numa boa contra o Santos que apesar de ter melhorado muito, é um time que foi se montando durante a competição.

    Enfim, dessa vez o Corinthians foi Corinthians do começo ao fim do confronto e o técnico não teve das suas recaídas, agora é só não inventar e seguir o mesmo modelo pra decisão, deixar o time jogar sem amarra-lo.

  18. Larissa Beppler

    Ciro,

    Vá cuidar da bunda da sua mãe e para de falar de quem você não conhece ô invejoso super virtuoso.

    E eu não vou falar sobre a Yule pq ela não está presente aqui e seria até injusto, mas eu não tenho um único motivo no mundo para inveja-la, graças a Deus!

    Eu nunca me inscrevi pra porra de Globo nenhuma, não faço e não quero fazer o perfil desse tipo de mídia. Eu gosto de liberdade de expressão e de poder falar de quem se DEVE falar e como se deve falar.

  19. André Azevedo

    Quanta cornetagem ridícula. O que falar do time hoje? Tava mal armado né?

    Assume lá Larissa, você pelo jeito acha que sabe mais de futebol do que todo mundo aqui junto. “Pior pra vc é que acabou de citar outra coisa que eu adoro fazer e olha que eu cozinho tanto quanto entendo de futebol, querido”

    Na boa, ou você cozinha muito mal, ou é metida demais e fala muita besteira.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: