Advertisements
Anúncios

Timão arrasa com ABC

 

Foi um massacre, como tinha que ser.

A diferença técnica entre Corinthians e ABC chega a ser covardia.

O Timão, que nada tem a ver com a ruindade de seu adversário, cumpriu a sua obrigação e fez boa partida.

Após perder muitas oportunidades de abrir o placar, uma delas incrível, aos 13 minutos, quando Douglas fez ótimo lançamento para Herrera fintar o goleiro e bater para fora.

Mas o gol já era inevitável e aconteceu aos 21 minutos.

Herrera, mais uma vez com boa atuação, lançou Elias pela direita que avançou com a bola e bateu no canto esquerdo alto do goleiro para abrir o marcador.

Seis minutos depois o Timão já ampliava o marcador.

Alessandro fez boa jogada e lançou para Herrera que, demonstrando espírito de equipe, cruzou para Douglas, sozinho, marcar o segundo gol da partida.

O ABC, perdido em campo, rezava para a primeira etapa terminar.

Teve um momento de esperança aos 38 minutos, quando Nilton foi expulso por deixar o braço no rosto do adversário.

Não adiantou muito, um jogador a menos ainda era pouco perante a imensa diferença de nível das equipes.

E o Timão continuou comandando a partida.

O segundo tempo manteve o mesmo panorama.

Corinthians no ataque, com menos ímpeto, mas sempre melhor.

Por isso o terceiro gol não demorou a surgir.

E foi bonito.

Aos 20 minutos, Elias tocou para Douglas, que deixou a bola passar para André Santos dominar, fintar o zagueiro com categoria e ampliar o marcador.

Era um passeio.

Aos 29 minutos, finalmente o ABC demonstra existir na partida, em uma despretensiosa cabeçada de Warley que atingiu a trave corinthiana.

Ainda deu tempo para o Corinthians fazer mais um.

Lulinha é lançado pela esquerda e sofre pênalti.

Aos 41 minutos, Chicão bateu a penalidade com perfeição, marcou o 100º gol do Corinthians no ano, em seu jogo de número 1500 no Pacaembu, dando números finais a partida.

Do jeito que as coisas caminham o Timão sobe antes da metade do segundo turno.

Não há adversários a altura na Série B.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

12 comentários em “Timão arrasa com ABC”

  1. Corinthians 4 x 0 ABC.

    Vão dizer que o ABC é fraco, que a Série B do Brasileirão é fácil… Pouquíssimos irão reconhecer, minimamente que seja, os méritos do Corinthians na grande campanha que realiza no seu caminho de volta para a Série A.

    Explicar a grande campanha corinthiana é fácil. Para começar, o Corinthians tem uma equipe que não deve nada às melhores da Série A. Além disso, o Corinthians, ao contrário dos outros grandes que disputaram a Série B do Brasileirão, ostenta, desde o início da competição, seriedade e determinação incomuns. O Corinthians, em quase todas as partidas, ganha mais divididas e luta mais do que os seus adversários. Por fim, o Corinthians vem conseguindo evitar uma conseqüência que seria natural, a partir da trajetória segura e da liderança folgada que ocupa: o relaxamento.

    Apesar da temperatura de 10 graus e da garoa, a Fiel, mais uma vez, fez juz à alcunha, e levou quase 20 mil pessoas ao Pacaembu, que vibraram com a grande atuação e a goleada corinthiana (apesar do time atuar mais da metade da partida com um jogador a menos). Na saída do estádio, era vizível a satisfação e o orgulho pelo atual momento da equipe.

    Deve-se reconhecer o bom trabalho da administração do clube pelo acerto na maior parte das contratações, que significaram a formação de um plantel quase que inteiramente novo para o corrrente ano.

    E merece destaque o técnico Mano Menezes. Quando resolveu dirigir o Corinthians na Série B do Brasileirão, preterindo o trabalho em outras equipes que disputariam a Série A e a Libertadores, foi chamado de louco, burro e mercenário (dentre outros adjetivos). Os mesmos que o criticaram pintaram um quadro tenebroso do Corinthians na Série B: falta de dinheiro, de visibilidade, jogos difíceis, o apequenamento do clube…

    Mano Menezes reconheceu a obviedade que todos negam: o Corinthians é grande demais, independentemente de onde, e como, esteja. E frisou: “Levar o Corinthians de volta à Série A é o mais importante projeto do futebol brasileiro em 2008.”

    De fato, o Corinthians continua tão grande quanto sempre foi, e a Série B do Brasileirão só está servindo para ressaltar a grandeza corinthiana, pela campanha que vem realizando, pela repercussão que o time causa, e pelos patrocínios que conseguiu.

    Estamos voltando.

    Vai, Corinthians!

  2. Ola Paulinho.

    Vendo o jogo de hoje gosrei da disposição tática do time. Tudo bem que não se pode ter o ABC como parâmetro, mas achei que o time jogou bem. Gostei do futebol apresentado pelo Lulinha, que ainda tem inúmeras falhas, e que tanto a imprensa pega no pé, mas quando o garoto faz uma bela partida não aparece um “santo” para elogiar. Existe uma má vontade da imprensa e dentro do clube contra o pequeno molusco?

  3. Ótima partida dos jogadores contratados a pedido do Mano Menezes, hein? Os “Manos do Mano” já estão ganhando elogios até do blogueiro.

    Ah, e uma pergunta, Paulinho.. Quando o time vai começar a cair de rendimento rumo à série C, como você noticiou em primeira mão?

  4. Quer dizer então que você Paulinho fez o prognóstico de que o Corinthians cairia para a série C?? Puxa…

    No ano passado, contra todas as evidências, você jurou até o penultimo jogo contra o Vasco, que o Corinthians jamais cairia para a Segunda Divisão.

    É obvio que jornalismo esportivo não se resume a fazer prognósticos de resultados de jogos ou campeonatos. Mas tudo tem limite né? Comentando depois do fato acontecido, até eu, que não sou analista esportivo profissional.

    A maioria esmagadora dos jornalistas esportivos paulistas são irritantemente primários e mediocres. E os que podem são corruptos e “mercantilistas” baratos, o que não os impedem também de serem primários e mediocres.

  5. Paulinho,

    barre estes chatos do Blog!!! Voce quer que o Corinthians ganhe sempre como eu também!!!
    O Nilton conseguiu ser expulso jogando em casa contra o ABC!!!!!

    Abraços.

    Feliz timão 2008!!!

  6. Caro Paulinho.

    Não sei se é pela sua ânsia em sempre falar negativamente do time que jura que torce… Mas deve ter visto outro jogo.

    A expulsão do Nilton(justa, diga-se de passagem) não foi por ter deixado o braço em rosto algum.

    E a bola na trave do Corinthians, foi uma clara cabeçada (atrapalhada) do zagueiro Willian. O Abc não demonstrou nada na partida.

    Ok, ok.. o ABC é um time fraco.
    Mas também devia ponderar quando o time jogou bem acima da média, talvez sua melhor partida no pacaembu.

    Não é falar bem… é apenas ser justo.
    Porque senão, por mais que gostemos do seu estilo de jornalismo, as vezes fica parecendo mesmo uma certa perseguição com o time de seu coração.

    abraços

  7. Há 98 anos, no bairro do Bom Retiro, sob a luz de um lampião, um grupo de trabalhadores resolveu fundar um clube de futebol.

    Começava ali a mais fantástica história de um clube de futebol brasileiro.

    Sintetizada e profetizada por Miguel Bataglia, seu primeiro presidente :
    “O Corinthians será o time do povo e o povo é quem vai fazer o Corinthians”.

    PARABÉNS, CORINTHIANS!

  8. Louve-se a campanha até aqui, QUASE impecável do Corinthians(houve quem tivesse a ilusão de que faria os 100%…ora, convenhamos!!)na sére B, e que DEVERÁ voltar à série A em 2009, com um pé nas costas…PORÉM, deve-se ressaltar que para sua SORTE, neste ano esse campeonato passou a ser em PONTOS CORRIDOS, diferentemente dos anos anteriores onde os grandes advindos da série A tinham de RALAR na fase dos octogonais, onde qualquer VACILO poderia pôr em risco o retorno à elite, mesmo tendo realizado uma campanha irretocável na fase de classificação.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: