Advertisements

Real Madrid debocha da CBF

O Real Madrid não liberou Robinho para as Olimpíadas.

Mesmo tendo prometido que o faria, dias atrás.

Mostrando total desprezo e falta de respeito pela CBF, a equipe espanhola mudou de idéia e só comunicou a entidade no dia do embarque para Pequim.

É claro que o Real não agiu com correção.

Robinho, aparentemente, queria disputar os jogos.

Embora não acredite em nada que seu empresário diga para a imprensa.

Wagner Ribeiro não é confiável.

A CBF mais uma vez sofre uma humilhação de um clube da Europa.

Ninguém consegue respeitar uma entidade que é presidida por alguém que já foi acusado de treze crimes.

Reconhecido também pela incompetência administrativa.

Pior, abriu um precedente para que outros comecem a desrespeitar o futebol brasileiro.

Quem será o próximo ?

Facebook Comments
Advertisements

9 comentários sobre “Real Madrid debocha da CBF

  1. Emerson Lima

    Lá na Europa eles nos tratam como se fossemos amadores, já passou da hora de dar um fim nisso, poxa somos penta, nossos jogadores dão show lá e eles é que são dependentes da gente, o problema também é que os jogadores não demostram aquela vontade de antes, que Pelé, Falcão, Dunga, Garrincha, Zagalo e companhia tinham. Por isso o futebol brasileiro precisa de uma renovação urgente e pra isso, precisa começar lá de cima.

    roxosporfutebol.blogspot.com

  2. alessandro

    Vejamos o lado bom: com o corte do foca marqueteiro do Robinho, agora temos algumas chances de conquistar o ouro..

  3. Marcos Rogério Cabral

    Mas Paulinho, quem tem razão? A casa bandida, no Rio, ou os clubes europeus, que pagam fortunas por estes jogadores? Aliás, que falta fará,
    como diz um certo mentiroso nato, Robinho Arantes do Nascimento à esta “seleção”??

  4. Cristiano

    O Wagner Ribeiro tem que ser confiável para o Robinho e os jogadores que ele representa. SÓ !

    abraços

  5. Ramon

    Os europeus nos tratam como amadores porque nós somos amadores. É só olhar pros nossos dirigentes que parecem piada de mau gosto.

    No mais, nao houve nenhuma falta de respeito. O Real Madrid tem o direito de vetar o Robinho na seleção olímpica, e assim o fez para que ele participe da pré-temporada. Se ele disputasse a olimpíada, perderia a pré temporada e provavelmente faria uma temporada européia ruim, abaixo das condições físicas ideais.

    O Real Madrid pagou uma fortuna pelo passe do Robinho, paga um salário astronômico para ele; Sendo a competição uma olimpíada e o Robinho maior de 23 anos, é compreensível e lógico que o Real exija a presença dele, treinando junto com o resto do elenco.

  6. geraldo c araujo

    O Real Madrid. o Milan e outros clubesw europeus só estão mostrando que não devem nenhum tipo de vassalagem – como acontece com os brasileiros – nem à CBF, nem ao Ricardo Teixeira, e são independentes até mesmo em relação à UEFA. Os altos investimentos feitos no futebol precisam ser preservados e não ficar à merçê de traficâncias políticas de entidades. Os clubes brasileiros deviam mirar-se nesse exemplo e insurgir-se contra o desfalque compulsório de seus elencos para disputar um torneio para o qual ninguém – excessão feita aos basbaques de sempre, à procura do “título inédito do nosso futebol” – dá pelota. Isso se os nossos clubes não vivessem numa eterna dependência, agarrados aos alforjes do Ricardo Teixeira.

  7. Luis Fontes

    Que humilhação.. vc acha que a CBF já nao sabia disso….vc acha que o robinho queria mesmo ir para os jogos olimpicos, assim como o Kaka…

    o dó…. acorda!!!!!

  8. Brav0

    É como o rapaz falou, se você ta achando que Kaká e Robinho estavam dando a mínima para Olimpíadas é bom dar umas gargalhadas agora, único que quer ir é r10 que está totalmente por baixo depois das fracas atuações no futebol Europeu nas ultimas temporadas.

    Mas de qualquer forma Real Madrid totalmente certo, é o “patrão” do robinho, quem paga o salário dele.

    Vamos parar de tratar futebol como o amadorismo de antigamente e o chamado “amor a camisa”, pois isso já ta batido e chato.

    Bem vindo ao que se tornou o futebol.

  9. Ramon

    Geraldo, os clubes são obrigados a liberarem os jogadores de até 23 anos, caso dos que atuam no Brasil.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: