Advertisements

Casares apequena o São Paulo em reunião da FPF

Ontem (18), FPF e clubes reuniram-se para decidir sobre a possibilidade de levar à Justiça Comum o impasse com o Governo de São Paulo sobre a liberação dos jogos do Paulistinha no Estado.

A votação, que rejeitou a pretensão, serviu para demonstrar o quão pequena é a diretoria do São Paulo.

Talvez temeroso em desobedecer ao presidente da CBF, Rogério Caboclo, que é influente no clube, Julio Casares, mandatário Tricolor, foi o único representante das grandes agremiações a ser favorável ao processo.

Ficou ao lado de Inter de Limeira, Ituano, Guarani, Mirassol, Novorizontino e São Bento.

Os demais, apesar de terem assinado documento, alguns por covardia – como o presidente do Santos, à favor dos jogos em meio à pandemia, não ousaram ir tão longe no ataque à saúde da população.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: