Advertisements

Futebol brasileiro tem dois cartolas sensatos, dezoito lamentáveis e vinte acovardados

A FOLHA de hoje revela o posicionamento dos 40 presidentes de clubes em relação à paralisação dos campeonatos de futebol em meio ao agravamento da pandemia de COVID-19.

Parece óbvio, a quem raciocina, que se o esporte esteve proibido, por meses, quando a mortalidade era bem menor, não há o que se discutir nesse momento.

Porém, de todos, apenas dois cartolas foram favoráveis à paralisação.

São eles os presidentes de Brasil de Pelotas e Chapecoense.

Dezoito posicionaram-se pela manutenção da irresponsabilidade: América/MG, Atlético/GO, Avaí, Brusque, Ceará, Confiança, CSA, Fortaleza, Goiás, Guarani, Internacional, Juventude, Londrina, Operário/PR, Remo, Sampaio Correa, Vila Nova e Vitória/BA.

Pior do que eles, somente os que se recusaram a responder (04) ou preferiram não se posicionar (16), entre os quais todos os grandes de São Paulo e Rio de Janeiro:

Corinthians, Athletico/PR, Bahia, Botafogo/RJ, Coritiba, CRB, Cruzeiro, Cuiabá, Flamengo, Fluminense, Palmeiras, Ponte Preta, Bragantino, Santos, São Paulo, Vasco, Atlético/MG, Grêmio, Náutico e Sport.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: