Advertisements

Futebol e narcotráfico

Fernando Garcia (1º à esq) e Padrinho (3º da esq. para a dir.)

O Blog do Paulinho, semanas atrás, revelou que o agente Ângelo Canuto, afamado ‘Padrinho’, condenado pela prática de narcotráfico internacional (uma tonelada de cocaína apreendida no Porto de Santos), associou-se ao empresário Fernando Garcia, passando a dar expediente na Elenko Sports.

A periculosidade do sujeito talvez possa ser medida pelo fato dele, segundo relatos de companheiros de prisão e de alguns guardas, quando esteve recolhido no presídio de Tremembé, ter solicitado transferência da ala menos perigosa para o anexo em que eram direcionados integrantes de conhecida facção criminosa.

Não é difícil, dentro desse contexto, supor que Garcia poderia, talvez, estar se beneficiando ou fechando os olhos para dinheiro que poderia ter origem na venda de drogas.

Em se confirmando, tratar-se-ia de expor o futebol ao que há de mais vil no submundo da sociedade contemporânea.

Se antes a associação de Garcia e Padrinho era ocultada, semana passada a dupla esteve em badalado restaurante e posou para fotografias, republicadas no instagram do dono da Elenko, que é irmão de Paulo Garcia, proprietário da afamada Kalunga.

Padrinho associou-se, oficialmente, à ELENKO Sports, de Fernando Garcia

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: