Advertisements

A ‘ironia’ burra de Neymar

Neymar, após se ver obrigado a cancelar participação em reveillon para 500 pessoas devido à péssima repercussão mundial por conta da afronta à população durante a pandemia, em vez de silenciar ou pedir desculpas, seguiu demonstrando, se não problemas de caráter, alguma limitação intelectual.

O sujeito postou, em rede social, com ar e texto de deboche, preparativos para um jantar de final de ano:

“Jantarzinho de casa, com distanciamento entre uma cadeira e outra. E não é para 500 pessoas, tá”.

Nas imagens, mesa posta para mais de uma dezena de pessoas.

Eis o ponto.

Neymar é incapaz de entender a gravidade do que estava por cometer e, pior, de aprender ou se constranger com o equívoco.

Primeiro desmentiu ser o ‘organizador’ do evento, embora o Blog do Paulinho tenha comprovado que a empresa ‘Fábrica’ – que assumiu a operação – está em nome de vários de seus ‘parças’, muitos deles ‘ajudados’ pelo jogador.

Agora, quando as recomendações sanitárias indicam que não deve ocorrer esse tipo de confraternização nem entre poucos membros familiares, a ‘estrela’ posta a diminuição de ‘público’ como se fosse grande feito.

Convenhamos, só não é de dar pena porque Neymar tem recursos suficientes para evoluir como ser humano, diferentemente de muitos que são vítimas, por vezes, da ignorância promovida pelo Estado.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: