Neto volta a bajular Andres Sanches e pede para Duílio ‘do Bingo’ se acertar com com sua chapa, até então, oposicionista

Candidato a conselheiro do Corinthians pela chapa ‘Liberdade Corinthiana’, que o aponta, inclusive, como presidenciável em 2023, o ex-jogador Neto, após alguns anos detonando o atual grupo gestor alvinegro, surpreendeu, em comentário de agora há pouco, no programa ‘Donos da Bola’, da BAND:

“Se eu fosse dirigente e estivesse com o dinheiro igual o Andres está, né Andres? Eu quero que você renegocie minhas dívidas… acerte tudo pra mim, porque você está demais, Andres”

“Você deixou o Estádio, deixou Neo Química Arena, deixou tudo pro Duílio, para ser Presidente”

“O Duílio deixou de ser diretor agora pra ficar lá no estádio, pra fazer o corpo-a-corpo com todo mundo…”

“Fala com o Herói (Vicente), hein Duílio… pra ele te ajudar aí… quem sabe você não ganha uns 150 votos só da chapa 21 (Liberdade Corinthiana), que é forte pra caramba, diga-se de passagem”

Minutos antes, Neto já havia bajulado Sanches algumas vezes, sempre em alusão ao fato do cartola, segundo ele, ter resolvido as contas do estádio nos últimos dias e ter quitado os salários atrasados dos jogadores.

Duílio, até semanas atrás, era detonado pelo apresentador.

Resta saber agora qual será o comportamento dos demais companheiros de chapa de Neto, até então, com discurso absolutamente contrário ao do ex-jogador, que, vale a pena lembrar, foi o primeiro comunicador a ter acesso à informação da venda dos ‘naming-rights’ da Arena, e, em combinação com a ‘fonte’, decidiu não revelar o nome do comprador.


NOTA OFICIAL DA ‘LIBERDADE CORINTHIANA’

NADA MUDOU

O amigo e companheiro de chapa Neto apenas inferiu uma realidade conhecida em função da extensa folha de serviços prestados ao Clube, no âmbito do  Conselho, pela Liberdade Corinthiana. Somos fortes e estamos crescendo.

O fato dele sugerir que o candidato situacionista deva conversar conosco, apenas sinaliza que respeitamos as diretrizes democráticas.

Não tergiversaremos jamais ao tratar da necessidade de cumprimento estatutário e das leis vigentes.

Quem quer que venha a ocupar o cargo de presidente da diretoria deverá saber isso. Até para evitar tornar-se réu em ação de destituição, conforme já proposto.

Liberdade Corinthiana.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.