Advertisements

Santos acertou duas comissões de R$ 280 mil por empréstimos gratuitos de Jorge e Jean Lucas

No dia 27 de março de 2019, o Santos contratou, por empréstimo, o jogador Jorge, que atuava no Porto, mas tinha os direitos vinculados ao Monaco.

A acordo foi gratuito, com o clube de Vila Belmiro tendo apenas que arcar com os salários.

Porém, na mesma data, o Peixe aceitou pagar R$ 280 mil ao agente Eduardo Uram pela suposta intermediação do negócio.

Correspondentes a 10% dos salários do atleta, que, em tese, deveriam ser pagados pelo próprio.

O acordo, assinado por José Carlos Peres, previa ainda majoração do comissionamento se Jorge atuasse mais de 45 minutos em 50% das partidas.

No mesmo dia, o presidente do Peixe assinou outro documento, de participação de Uram na aquisição, também gratuita, de Jean Lucas junto ao Flamengo, parte do negócio envolvendo a venda de Bruno Henrique aos cariocas.

O valor da comissão também era de R$ 280 mil.

Até os dias atuais, apesar de ter se comprometido, contratualmente, a fazê-lo, o clube não pagou um centavo ao empresário, razão pela qual está sendo cobrado, judicialmente, com as devidas correções monetárias.


Peres assina comissão de R$ 280 mil por empréstimo de Jorge:


Peres assina comissão de R$ 280 mil pelo empréstimo de Jean Luca

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: