Advertisements

Luxemburgo não aprendeu a lição

Apesar da conquista do Paulistinha pelo Palmeiras, o trabalho do treinador V(W)anderlei(y) Luxemburgo foi, se tanto, mediano.

Dono do maior orçamento entre os clubes do Estado – o segundo do Brasil, tendo a disposição elenco contratado a peso de ouro, em momento algum o Palmeiras apresentou futebol digno de suspiros.

Pelo contrário.

Até mesmo nas partidas finais contra o Corinthians, pouco há para se elogiar.

Dois empates e uma vitória nas penalidades, após 180 minutos de futebol para esquecer.

Seu maior acerto, sem dúvida, foi apostar em jovens promessas, como Patrick de Paula, ainda assim sem arrancar-lhes o máximo do potencial sugerido.

Muito por conta da falta de ousadia tática, refém da cultura, há anos incorporada no Brasil, de objetivar ‘não perder’ para, se der, procurar a vitória.

Luxa não é muito melhor, nem pior, do que existe por aí nos demais clubes nacionais.

Ainda assim, talvez até por saber disso, o treinador palestrino, na coletiva pós-vitória, defendeu o indefensável, com ataques a quem se mostrou competente, utilizando-se da velha argumentação retrógada e, comprovadamente, equivocada:

“A única coisa que eu questiono é que tenhamos de mudar nossas características porque o futebol na Europa é mais rápido. Vamos com calma. Somos pentacampeões do mundo jogando em cima da nossa cultura.”

“Claro que temos de aprender, fazer cursos. Mas não é mudar nossa essência pentacampeã do mundo, 11 vezes campeã do mundo interclubes e que tem toda uma história sem treinador estrangeiro”

“Temos de mudar agora por que o Jesus veio aqui e ganhou uma Libertadores? Aí temos de mudar porque o futebol é mais rápido?”

A dificuldade em enxergar os erros e limitações, aliada à necessidade de minimizar feitos de quem, notoriamente, é superior, alicerçado numa conquista de paulistinha dos mais medíocres, demonstram bem as razões do porque Luxa permaneceu, antes do convite salvador do Palmeiras, tanto tempo no ostracismo do futebol brasileiro.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: