Advertisements

A farra dos camarotes da Arena de Itaquera

Desde a inauguração do estádio de Itaquera, parte dos camarotes – os principais – tornaram-se relevante fonte de receita para o grupo de apoiadores do presidente Andres Sanches, ligados ao ex-movimento ‘Fora Dualib’, que renomeou-se para ‘Preto no Branco’.

O ‘chefe’ dos negócios seria Eduardo ‘Gaguinho’ Ferreira, dirigente de futebol alvinegro, subalterno, neste departamento, do presidenciável Duílio ‘do Bingo’ Monteiro Alves.

Fomos procurados, ontem, por um prestador de serviços do ‘Buffet Deola’, que, sob promessa de anonimato, detonou:

“Faço bicos na Arena Corinthians como garçom pelo Buffet Deola”

“Os colaboradores estão entrando com processos (contra o Corinthians) e a maioria ganhando, na base do acordo”

“No quinto andar tem uma Máfia de vender serviços nos camarotes”

“Só esse ano, na semana que vem, teremos a quinta pessoa colocando na justiça”

Ou seja, enquanto, pessoalmente, alguns poucos parecem estar lucrando com os camarotes da Arena, o ônus do descaso administrativo, em vez de ser descontado dos promotores dos eventos, são absorvidos pelo caixa do Corinthians.

O procedimento é estranho e destoa do comportamento habitual da diretoria alvinegra que, em regra, empurra dívidas para a Justiça, contando com a lentidão do sistema.

A impressão é a de que existe a necessidade de impedir exposição de documentos (obrigatória em ações desse tipo) e possível vazamentos à imprensa ou a setores de fiscalização do Parque São Jorge.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: