Advertisements
Anúncios

‘Me engana que eu gosto’ é o lema dos conselheiros do Corinthians

Por unanimidade, o Conselho Fiscal do Corinthians, assim como o CORI e a maioria do Conselho Deliberativo, aprovaram a previsão orçamentária do clube para 2020.

Antes, de maneira constrangedora, houve a necessidade de passar ‘branquinho’ no item que remetia à arrecadação do futebol, por conta da eliminação precoce na pré-Libertadores, no vexame diante do irrelevante Guarani/PR.

E olha que a previsão era modesta, de que o Timão chegaria apenas às oitavas de final do torneio.

Parou duas fases antes.

No geral, a diretoria do Corinthians previu considerável superavit, apesar de há treze anos, sempre sob a gestão do mesmo grupo, o Timão só apresentar prejuízo.

Tirante meia dúzia de conselheiros que se contrapuseram à evidente impossibilidade de êxito da previsão, os demais seguiram a regra habitual, popularmente conhecida pela frase ‘me engana que eu gosto’.

Existem os que se enganam por incapacidades diversas, mas há também os ‘enganados’ profissionais, que trocam os ‘enganos’ por diversas vantagens, proporcionais à importância do sujeito no Parque São Jorge.

O baixo-clero se contenta com ingressos, boca-livre e entrada liberada no Baile de Carnaval.

Outros, mais relevantes, querem apenas seguir lucrando com transações de jogadores, negócios no estádio, etc.

Resta agora, em breve, a realização de novo encontro de ‘me engana que eu gosto’ para aprovação das contas 2019, que, assim como as anteriores, deveriam ser indicadas ao Oscar de Maquiagem.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: